Fats Domino

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Fats Domino
FatsDomino1997.jpg
Fats Domino no New Orleans Jazz & Heritage Festival em 1997
Informação geral
Nome completo Antoine Dominique Domino
Também conhecido(a) como Fats
Nascimento 26 de Fevereiro de 1928 (86 anos)
Origem Nova Orleans, Louisiana
País  Estados Unidos
Gênero(s) Rhythm and Blues (Nova Orleans), Rock and Roll, Blues, Piano Blues, Boogie-woogie
Instrumento(s) Vocal, Piano
Período em atividade 1949 - atualmente
Gravadora(s) Imperial, ABC Paramount, Mercury Records, Broadmoor, Reprise, Sonet, Warner Bros. Records, Toot Toot

Fats Domino (26 de fevereiro de 1928 - Nova Orleans, Louisiana) é um dos mais importantes cantores, compositores e pianistas do rock e R&B em todos os tempos. Seu nome completo de batismo é Antoine Dominique Domino.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Imperial Records (1949–1962)[editar | editar código-fonte]

Fats Domino cantando "Blueberry Hill" no "The Alan Freed Show" circa 1956

Domino atraiu a antenção do nacional com a música "The Fat Man" em 1949 gravada pela Imperial Records. Essa música é uma das primeiras gravações de rock and roll, apresentando piano ritimado e Domino cantando "wah-wah" acompanhado de uma batida forte. A gravação vendeu mais de um milhão de cópias, e é tida como a primeira gravação de rock n roll a fazer isso.

Fats Domino lançou uma série de hits com o produtor e co-compositor Dave Bartholomew, os saxofonistas Herbert Hardesty e Alvin "Red" Tyler e o baterista Earl Palmer. Outros músicos notáveis e companheiros de longa data na banda de Fats foram os saxofonistas Reggie Houston, Lee Allen, e Fred Kemp. Fats finalmente passou para o mainstream da música pop om "Ain't That a Shame" (1955), que alcançou o top 10, mais tarde Pat Boone alcançou a primeira posição com uma versão cover da música[1] que obteve um alcance maior de audiência tocando em rádios na época da segregação racial. Domino teve 37 singles no Top 40.

O primeiro álbum de Fats Domino, "Carry on Rockin", foi lançado em novembro de 1955 e subsequentemente relançado como Rock and Rollin' with Fats Domino in 1956.[2] Combinando uma quantidade de hits e algumas faixas que ainda não haviam sido lançadas como single o álbum alcançou com seu título alternativo o número 17 no Top 200 de álbums pop da Billboard.[3] Sua versão para a música de 1940 de Vincent Rose, Al Lewis e Larry Stock, "Blueberry Hill" alcançou o segundo lugar no Top 40, foi primeiro lugar nas paradas R&B por 11 semanas, e foi seu maior hit. "Blueberry Hill" vendeu mais de 5 milhões de copias no mundo entre 1956 e 1957. A música havia sido gravada anteriormente por Gene Autry e Louis Armstrong entre outros. Ainda teve outros singles que viraram hits entre 1956 e 1959, incluindo "When My Dreamboat Comes Home" (#14 Pop), "I'm Walkin'" (#4 Pop), "Valley of Tears" (#8 Pop), "It's You I Love" (#6 Pop), "Whole Lotta Loving" (#6 Pop), "I Want to Walk You Home" (#8 Pop), e "Be My Guest" (#8 Pop).

Fats aparece em dois filmes lançados em 1956: Shake, Rattle & Rock![4] e The Girl Can't Help it.[5]

Em 2 janeiro de 1956 um tumulto acabou com um show de Fats Domino em Fayetteville, NC, a polícia teve que utilizar bombas de gás para controlar a multidão. Fats pulou de uma janela para evitar a briga; ele e outros dois componentes da banda tiveram ferimentos superficiais.[6]

Até o começo de 1962 Fats continuou lançando uma série de sucessos pela Imperial Records, incluindo "Walkin' to New Orleans" (1960) (#6 Pop), co-escrita por Bobby Charles, e "My Girl Josephine" (#14 Pop) no mesmo ano. Depois que a gravadora foi vendida no começo de 1963, Fats abandonou o selo. "Fiquei preso a eles até eles serem vendidos" foi o que declarou em 1979. Ao todo, Domino gravou mais de 60 singles pelo selo, colocando 40 músicas no top 10 das paradas R&B, e 11 singles no top 10 das paradas Pop. Vinte e dois dos singles por Fats na Imperial Records foram hits double-side.

Carreira pós-Imperial (1963 até decada de 70)[editar | editar código-fonte]

Fats se mudou para a gravadora ABC-Paramount Records em 1963. A empresa fez com que ele fizesses gravações em Nashville ao invés de New Orleans. Também assinou com um novo produtor (Felton Jarvis); A colaboração de longa data de Domino com o produtor/arranjador/frequente co-escritor Dave Bartholomew, que participou de todos seus hits no tempo da Imperial, parecia ter acabado.

Felton Jarvis mudaram o som de Fats de alguma maneira, notavelmente adicionando corais de vozes no estilo countrypolitan na maioria de suas novas gravações. Talvez como resultado dessas mudanças a carreira de sucessos de Fats Domino foi drasticamente cortada. Ele lançou 11 singles pela ABC-Paramount, mas teve somente um hit no Top 40 que foi "Red Sails In The Sunset" em 1963. No final de 1964 a invasão inglesa mudou o gosto musical do público da indústria fonográfica e os sucessos de Fats Domino acabaram.

Apesar da falta de sucesso ele continuou gravando regularmente até meados de 1970, deixando a ABC-Paramount no meior de 1965 fazendo gravações para vários outros selos: Mercury, a pequena gravadora de Dave Bartholomew "Broadmoor", e Reprise. A última música de Fats que alcançou as paradas foi uma gravação feita pela Reprise, de uma cover música cover dos Beatles "Lady Madonna" que chegou ao número 100 em 1968. Ele também continuou se apresentando em shows durante a década.

Carreira recente (1980-2005)[editar | editar código-fonte]

Nos anos 80, Fats decidiu que não deixaria novamente Nova Orleans, pois recebia uma grande quantia com royalties e muito pouco com turnês, também alegou que não encontrava comida que gostasse em outros lugares. Sua indução ao Rock and Roll Hall of Fame e uma indicação para se apresentar na Casa Branca falharam em persuadir Fats a abrir exceções.

Fats foi convencido a se apresentar fora da cidade periodicamente durante os anos 80 e começo dos 90 para Dianna Chenevert, agente, fundadora e presidente da Omni Attractions com sede em Nova Orleans. A maioria dessas apresentações foram nas proximidades de Nova Orleans, mas também incluiram shows no Texas no "West End Market Place" no centro de Dallas em 24 de outubro de 1986.

Durante bastante tempo Fats morou em uma mansão na área de Lower Ninth Ward, que é predominantemente de classe operária, onde se tornou uma visão comum andando em seu cadillac cor de rosa. Fez apresentações anuais no "New Orleans Jazz and Heritage Festival" e outros eventos locais. Fats foi premiado com o Grammy Lifetime Achievement Award em 1987. Em 1998, o presidente William Clinton o premiou com o National Medal of Arts.[7] In 2004, Rolling Stone ranked him #25 on their list of the "100 Greatest Artists of All Time."[8]

Tempos difíceis do Furacão Katrina[editar | editar código-fonte]

Graffiti em sua casa no tempo em que corriam rumores sobre sua morte

Quando o Furacão Katrina estava se aproximando de Nova Orleans em agosto de 2005, Dianna Chevenert encorajou Fats a participar da evacuação da cidade, mas ele escolheu permanecer em sua casa com sua família, parcialmente por causa das condições fracas de saúde de sua esposa. Sua casa estava na área que foi gravemente afetada. Chevenert entrou em contato com escritores do jornal "Times Picayune" e com a guarda costeira sobre a localização de Fats.

Alguém pensou que ele estava morto, e pichou a mensagem "RIP Fats. You will be missed" ("Descanse em paz Fats. Sentiremos sua falta.") na sua casa. Em 1 de setembro o agente de Fats, Al Embry, anunciou que ele não teve notícias do músico desde a passagem do furacão.

Escritório de Fats Domino, Janeiro de 2006

Mais tarde no mesmo dia, a CNN reportou que Fats Domino foi resgatado por um helicóptero da guarda costeira. Embry então confirmou que Fats e sua família foram resgatados. Ele foram levados para um abrigo em Baton Rouge, depois foram pegos por JaMarcus Russell, um jogador de futebol americano do time da Universidade do Estado da Louisiana e pelo namorado de sua neta. A família de Fats ficou morando em seu apartamento. O "Washington Post" publicou que em 2 de setembro que eles haviam deixado o apartamento depois de dormir 3 dias no sofá. Segundo o jornal, Fats declarou que haviam perdido tudo.[9]

Em janeiro de 2006, a reconstrução na casa de Fats começou. Até o final dos reparos sua família morou em Harvey, Louisiana.

Um dos pianos de Fats resgatado após o Katrina

O presidente George W. Bush fez uma visita pessoal e substituiu a medalha com qual o Presidente Clinton premiou Fats e acabou perdida. Os discos de ouro foram substituídos pela "Recording Industry Association of America" (RIAA) e pela Capitol Records que é detentora do catálogo da Imperial Records.[10]

Atividade pós-Katrina[editar | editar código-fonte]

Fats Domino foi o primeiro artista a agendar apresentações no Jazz & Heritage Festival de 2006. Mas, por estar muito doente na época do festival teve condições somente de subir ao palco e cumprimentar o público. No início do mesmo ano ele lançou o álbum "Alive and Kickin'" para beneficiar a fundação "Tipitina", que ajuda músicos indigentes locais. A música título do disco foi gravada depois do Katrina, mas a maioria das faixas eram de sessões não publicadas da década de 90.

Em 19 de maio de 2007, Fats retornou ao palco em Tipitina's em Nova Orleans, se apresentando para um espaço lotado. Uma fundação foi formada e um show foi planejado para a restauração da casa de Fats.[11]

Discografia de Singles[editar | editar código-fonte]

Paradas norte americanas mostradas em negrito.

Lado A Lado B Ano Selo + No. Cat. Posições nas paradas
Billboard Hot 100 R&B EUA Reino Unido
Detroit City Blues The Fat Man 1949 Imperial 5058 2
Boogie-Woogie Baby Little Bee 1950 Imperial 5065
Hide Away Blues She's My Baby 1950 Imperial 5077
Hey La Bas Boogie Brand New Baby 1950 Imperial 5085
Every Night about This Time Korea Blues 1950 Imperial 5099 5
Tired of Crying What's the Matter Baby 1951 Imperial 5114
Don't You Lie to Me Sometimes I Wonder 1951 Imperial 5123
Right From Wrong No, No Baby 1951 Imperial 5138
Rockin' Chair Careless Love 1951 Imperial 5145 9
I'll Be Gone You Know I Miss You 1952 Imperial 5167
Goin' Home Reeling and Rocking 1952 Imperial 5180 30 1
Poor Poor Me Trust in Me 1952 Imperial 5197 10
How Long Dreaming 1952 Imperial 5209 9
Nobody Loves Me Cheatin' 1953 Imperial 5220
Going to the River Mardi Gras in New Orleans 1953 Imperial 5231 24 2
Please Don't Leave Me The Girl I Love 1953 Imperial 5240 3
Rose Mary You Said You Loved Me 1953 Imperial 5251 10
Something's Wrong Don't Leave Me This Way 1953 Imperial 5262 6
You Done Me Wrong Little School Girl 1954 Imperial 5272 10
Where Did You Stay Baby Please 1954 Imperial 5283
You Can Pack Your Suitcase I Lived My Life 1954 Imperial 5301
Love Me Don't You Hear Me Calling You 1954 Imperial 5313
I Know Thinking of You 1954 Imperial 5323 14
Don't You Know Helping Hand 1955 Imperial 5340 7
Ain't That a Shame La La 1955 Imperial 5348 10 1 23
All By Myself Troubles of My Own 1955 Imperial 5357 1
Poor Me 1955 Imperial 5369 1
I Can't Go On 1955 Imperial 5369 6
Bo Weevil 1956 Imperial 5375 35 5
Don't Blame It on Me 1956 Imperial 5375 9
I'm in Love Again Março 1956 Imperial 5386 3 1 12
My Blue Heaven 19 5
When My Dreamboat Comes Home Julho 1956 Imperial 5396 14 2
So Long 44 5
Blueberry Hill Setembro 1956 Imperial 5407 2 1 6
Honey Chile 2 29
Blue Monday Dezembro 1956 Imperial 5417 5 1 23
What's the Reason I'm Not Pleasing You 50 12
I'm Walkin' I'm in the Mood for Love Fevereiro 1957 Imperial 5428 4 1 19
The Rooster Song My Happiness/As Time Goes By/Hey La Bas (EP de 4 músicas) 1957 Imperial 147 13 8
Valley of Tears Abril 1957 Imperial 5442 8 2 25
It's You I Love 6 2
When I See You Julho 1957 Imperial 5454 29 14
What Will I Tell My Heart 64 12
Wait and See Setembro 1957 Imperial 5467 23 7
I Still Love You 79
The Big Beat Dezembro 1957 Imperial 5477 26 15 20
I Want You to Know 32
Yes My Darling Don't You Know I Love You Fevereiro 1958 Imperial 5492 55 10
Sick and Tired Abril 1958 Imperial 5515 22 14 26
No, No 55 14
Little Mary Prisoner's Song Julho 1958 Imperial 5526 48 4
Young School Girl It Must Be Love Agosto 1958 Imperial 5537 92 15
Whole Lotta Loving Outubro 1958 Imperial 5553 6 2 10
Coquette 92 26
Telling Lies Janeiro 1959 Imperial 5569 50 13
When the Saints Go Marching In 50
I'm Ready Abril 1959 Imperial 5585 16 7
Margie Imperial 5585 51 18
I Want to Walk You Home Julho 1959 Imperial 5606 8 1 14
I'm Gonna Be a Wheel Someday 17 22
Be My Guest Outubro 1959 Imperial 5629 8 2 11
I've Been Around 33 19
Country Boy Janeiro 1960 Imperial 5645 25 19
If You Need Me 98
Tell Me That You Love Me Abril 1960 Imperial 5660 51
Before I Grow Too Old 84 17
Walking to New Orleans Junho 1960 Imperial 5675 6 2 19
Don't Come Knockin' 21 28
Three Nights a Week Agosto 1960 Imperial 5687 15 8 45
Put Your Arms Around Me Honey 58
My Girl Josephine Outubro 1960 Imperial 5704 14 7 32
Natural Born Lover 38 28
Ain't That Just Like a Woman Janeiro 1961 Imperial 5723 33 19
What a Price 22 7
Shu Rah Março 1961 Imperial 5734 32
Fell in Love on Monday 32
It Keeps Rainin' I Just Cry Maio 1961 Imperial 5753 23 18 49
Let The Four Winds Blow Good Hearted Man Julho 1961 Imperial 5764 15 2
What A Party Setembro 1961 Imperial 5779 22 43
Rockin' Bicycle 83
I Hear You Knocking Novembro 1961 Imperial 5796 67
Jambalaya (On the Bayou) 30 41
You Win Again Fevereiro 1962 Imperial 5816 22
Ida Jane 90
My Real Name My Heart Is Bleeding Maio 1962 Imperial 5833 59 22
Dance with Mr. Domino Julho 1962 Imperial 5863 98
Nothing New (Same Old Thing) 77
Did You Ever See a Dream Walking Setembro 1962 Imperial 5875 79
Stop the Clock 103
Won't You Come on Back Hands Across the Table Novembro 1962 Imperial 5895
Hum Diddy Doo Those Eyes Janeiro 1963 Imperial 5909 124
You Always Hurt the One You Love Trouble Blues Março 1963 Imperial 5937 102
True Confession Isle of Capri Maio 1963 Imperial 5959
One Night I Can't Go on This Way 1963 Imperial 5980
There Goes (My Heart Again) Maio 1963 ABC 10444 59
Can't Go on Without You 123
When I'm Walking (Let Me Walk) Julho 1963 ABC 10475 114
I've Got a Right to Cry 128
Red Sails in the Sunset Song For Rosemary 1963 ABC 10484 35 24 34
I Can't Give You Anything But Love Goin' Home Agosto 1963 Imperial 66005 114
Who Cares 1963 ABC 10512 63 27
Just a Lonely Man 1963 ABC 10512 108
Your Cheatin' Heart When I Was Young 1964 Imperial 66016 112
Lazy Lady 1964 ABC 10531 86 34
I Don't Want to Set the World on Fire 1964 ABC 10531 122
If You Don't Know What Love Is Something You Got Baby 1964 ABC 10545
Mary, Oh Mary Packin' Up 1964 ABC 10567 127
Sally Was a Good Old Girl For You 1964 ABC 10584 99
Kansas City Heartbreak Hill 1964 ABC 10596 99
Why Don't You Do Right Wigs 1965 ABC 10631
Let Me Call You Sweetheart Goodnight Sweetheart 1965 ABC 10644
I Done Got Over It I Left My Heart In San Francisco 1965 Mercury 72463
What's That You Got? It's Never Too Late 1965 Mercury 72485
The Lady in Black Working My Way Up Steady 1967 Broadmoor 104
Big Mouth Wait 'Til It Happens to You 1967 Broadmoor 105
One For The Highway Honest Papas Love Their Mamas Better 1968 Reprise 0696
Lady Madonna One for the Highway 1968 Reprise 0763 100
Lovely Rita Wait 'Till It Happens to You 1968 Reprise 0775
Everybody's Got Something to Hide Except Me and My Monkey So Swell When You're Well 1969 Reprise 0843
Make Me Belong to You Have You Seen My Baby 1970 Reprise 0891
New Orleans Ain't the Same Sweet Patootie 1970 Reprise 0944
Sleeping on the Job After Hours 1978 Sonet 2168 -UK
Whiskey Heaven -- 1980 Warner Bros. 49610

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Fats Domino
  • Este artigo foi inicialmente traduzido do artigo da Wikipédia em inglês, cujo título é «Fats Domino».
Accordrelativo20060224.png Este artigo sobre um(a) músico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.