GPA

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde dezembro de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
GPA
Companhia Brasileira de Distribuição
Slogan Prazer em servir. Paixão por realizar.
Tipo Empresa de capital aberto
Indústria Alimentícia, atacadista, varejista, e-commerce
Gênero Comércio
Fundação 1948
Fundador(es) Valentim Diniz
Sede São Paulo, SP, Brasil
Áreas servidas Regiões Centro-Oeste, Nordeste, Sul e Sudeste do Brasil, além do estado do Tocantins.
Proprietário(s) Grupo Casino
Presidente Jean-Charles Naouri
Empregados ±157.000 (2014)[1]
Divisões Extra
Pão de Açúcar
Assaí Atacadista
Subsidiárias Cnova
GPA Malls
Multivarejo
Via Varejo
Acionistas Grupo Casino (41,3%)
Grupo Diniz (7,31%)
Lucro Aumento R$ 1,842 bilhões (2013)[1] [2]
Faturamento Aumento R$ 64,405 bilhões (2013)[1]
Significado
da sigla
Grupo
Pão
de
Açúcar (até 2013)
Página oficial gpabr.com

GPA (BM&F Bovespa: PCAR3/NYSECBD), nome fantasia da Companhia Brasileira de Distribuição (anteriormente conhecida como Grupo Pão de Açúcar)[3] [4] , é a maior empresa varejista no Brasil. É controlada pelo Grupo Casino, de capital francês. Teve origem com a fundação da doçaria Pão de Açúcar, em 1948 por Valentim Diniz (1913-2008), que posteriormente se tornou uma rede de supermercados.

Hoje, a Companhia Brasileira de Distribuição conta com cerca de 1.800 lojas. O GPA passa a ter mais de 150.000 mil funcionários nas lojas espalhadas pelo Brasil e também com importantes sites de comércio eletrônico. A sede da empresa está situada na Avenida Brigadeiro Luis Antônio em São Paulo.

Bandeiras[editar | editar código-fonte]

O GPA opera sob as bandeiras:

Taeq[editar | editar código-fonte]

Taeq é uma linha de produtos orgânicos desenvolvida pelo grupo. Atua nos segmentos nutrição, orgânico, casa, esporte e beleza.

Administração[editar | editar código-fonte]

Abilio Diniz deixa o GPA. Empresário renunciou à presidência do conselho de administração da companhia depois de acordo com o Casino, grupo francês detentor do controle da maior rede varejista do País.[8]

Conselho Administrativo[editar | editar código-fonte]

Em comunicado divulgado na noite da segunda-feira (23/09/2013), o GPA informou que Jean Charles-Naouri, presidente-executivo e maior acionista do varejista Casino, foi escolhido como presidente do Conselho de Administração. O cargo era ocupado por Abílio Diniz que no início de setembro assumiu o Conselho de Administração da BRF.[9]

Faturamento[editar | editar código-fonte]

Fachada de um supermercado Pão de Açúcar.

Em 2008, o Grupo faturou 20,86 bilhões de reais, permanecendo na segunda colocação entre as redes supermercadistas do Brasil, um pouco atrás do Carrefour.[10]

Em 8 de junho de 2009, o GPA anunciou que fechou acordo com os acionistas da Globex para a compra do Ponto Frio, o que fará com que o grupo volte à liderança do mercado varejista brasileiro, com 1200 lojas e 26 bilhões de reais de faturamento.[11]

Pão de Açúcar comenta lucro recorde em 2012. Ganhos da varejista somaram R$ 1,15 bilhão no ano de 2012, 60,7% a mais na comparação com 2011.[12]

Fusão com as Casas Bahia[editar | editar código-fonte]

O Grupo Pão De Açúcar anunciou no dia 4 de Dezembro de 2009 ter fechado um acordo de associação com as Casas Bahia. O contrato visa a integração de negócios no setor de comércio eletroeletrônico. O faturamento está previsto para R$ 40 bilhões, o quinto maior entre empresas brasileiras e o segundo maior do mesmo segmento. [13] . No entanto, a família Klein, da Casas Bahia, anunciou em 13 de abril de 2010 acreditar que o negócio foi subavaliado e os dois grupos reavaliam a fusão, com a renegociação de valores e algumas condições do contrato[14] .

Referências

  1. a b c Apresentação Institucional - Julho 2014. Página visitada em 11 de julho de 2014.
  2. Grupo Pão de Açúcar registra lucro de R$ 1,8 bi em 2013, alta anual de 79,2%. O Globo (13 de fevereiro de 2014). Página visitada em 11 de julho de 2014.
  3. Uol Economia
  4. Gironews
  5. Marca Barateiro está de volta, em formato e-commerce: Meio e Mensagem InfoMoney ISTOÉ Dinheiro Páginas visitadas em 24 de setembro de 2013.
  6. Novo negócio, a agência de viagens do GPA: Exame.com Panrotas Mundi Páginas visitadas em 24 de setembro de 2013.
  7. Carrefour e Pão de Açúcar vão concorrer em shopping centers: Exame.com Página visitada em 24 de setembro de 2013.
  8. Mudança na administração do GPA Economia IG Páginas visitadas em 24 de setembro de 2013.
  9. Novo Presidente Administrativo do GPA: ISTOÉ Dinheiro e UOL Economia Páginas visitadas em 24 de setembro de 2013.
  10. Valor Online - Carrefour, Pão de Açúcar, Wal-Mart e GBarbosa mantêm posição em 2008
  11. Pão de Açúcar compra Ponto Frio por R$ 824,5 mi
  12. Lucro recorde em 2012: Exame.com Supermercado Moderno Páginas visitadas em 24 de setembro de 2013.
  13. Pão de Açúcar compra a Casas Bahia por meio da Globex - O Estado de S.Paulo, 4 de dezembro de 2009 (visitado em 13-4-2010)
  14. Com família Klein insatisfeita, Casas Bahia e Pão de Açúcar reavaliam fusão - Folha Online, 13 de abril de 2010 (visitado em 13-4-2010)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]