Aliança dos Reformistas e Conservadores Europeus

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Aliança dos Reformistas e Conservadores Europeus
Alliance of European Conservatives and Reformists
Líder Jan Zahradil
Secretário-geral Daniel Hannan
Fundação 2009
Sede Rue d'Arlon 40, 1000, Bruxelas,  Bélgica
Ideologia Conservadorismo
Eurocepticismo
Liberalismo económico
Espectro político Centro-direita a Direita
Think tank New Direction
Ala jovem European Young Conservatives
Afiliação internacional União Internacional Democrata
Grupo no Parlamento Europeu Reformistas e Conservadores Europeus
Cores Azul e Branco

A Aliança dos Reformistas e Conservadores Europeus (em inglês: Alliance of European Conservatives and Reformists, AECR) é um partido político pan-europeu de ideologia conservadora e eurocéptica [1].

Foi fundado em 2009 por partidos de centro-direita que criticavam o federalismo europeu do Partido Popular Europeu e que tinham uma posição eurocéptica e economicamente liberal [2].

Desde da sua fundação, a Aliança tem-se alargado a vários países da Europa, tendo actualmente partidos de 18 países diferentes. Importa referir que, apesar de tudo, os principais partidos desta aliança são o Partido Conservador e o Partido Democrático Cívico que, desde 2007 já planeavam em sair do Partido Popular Europeu para criar um novo partido pan-europeu de centro-direita de linha eurocéptica.

Desde de 2009 que, a aliança tem como referente no Parlamento Europeu, o grupo dos Reformistas e Conservadores Europeus.O seu presidente actual é o checo Jan Zahradil do Partido Democrático Cívico e o secretário-geral é o britânico Daniel Hannan do Partido Conservador.

Membros[editar | editar código-fonte]

Partidos membros[editar | editar código-fonte]

País Nome DE DN Status
 Alemanha Aliança pelo Progresso e Ressurgimento
5 / 96
0 / 631
Extra-parlamentar
 Armênia Arménia Próspera
36 / 131
Oposição
 Azerbaijão Partido da Frente Popular Azeri
1 / 125
Oposição
 Croácia Partido Conservador Croata
1 / 11
0 / 151
Extra-parlamentar
 Eslováquia Partido Conservador Cívico
0 / 13
1 / 150
Oposição
Nova Maioria
1 / 13
2 / 150
Oposição
Solidariedade e Liberdade
1 / 13
20 / 150
Oposição
 Finlândia Partido dos Finlandeses
2 / 13
38 / 200
Governo
 Geórgia Movimento Democrata-Cristão
0 / 150
Extra-parlamentar
Partido Conservador
6 / 150
Oposição
 Islândia Partido da Independência
19 / 63
Governo
Ilhas Feroé Partido Popular
9 / 33
Governo
 Itália Conservadores e Reformistas
1 / 73
9 / 630
Oposição
 Letônia Aliança Nacional
1 / 8
17 / 100
Governo
 Lituânia Acção Eleitoral dos Polacos na Lituânia
1 / 11
8 / 141
Governo
 Luxemburgo Partido Reformista da Alternativa Democrática
0 / 6
3 / 60
Oposição
 Montenegro Movimento por Mudanças
5 / 81
Oposição
 Polónia Lei e Justiça
18 / 51
235 / 460
Governo
 Reino Unido Partido Conservador
20 / 73
331 / 650
Governo
Partido Unionista do Ulster
1 / 73
2 / 650
Oposição
 República Checa Partido Democrático Cívico
2 / 21
16 / 200
Oposição
 Roménia M10
1 / 32
0 / 412
Extra-parlamentar
Nova República
0 / 32
0 / 412
Oposição
 Turquia Partido da Justiça e Desenvolvimento
317 / 550
Governo

Parceiros regionais[editar | editar código-fonte]

País Partido Deputados Status
 Austrália Partido Liberal
76 / 150
Governo
 Canadá Partido Conservador
98 / 308
Oposição
 Estados Unidos Partido Republicano
247 / 435
Governo
 Israel Likud
30 / 120
Governo
 Marrocos Partido Istiqlal
46 / 395
Oposição
 Nova Zelândia Partido Nacional
59 / 121
Governo
 Tunísia Afek Tounes
8 / 217
Oposição

Referências

  1. McCormick, John (2015-03-27). European Union Politics. [S.l.]: Palgrave Macmillan. ISBN 9781137453402  Verifique data em: |ano= (ajuda)
  2. «European political parties». BBC. 26 de março de 2014