Ciganos no Brasil

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Flag of the Romani people.svg Ciganos Brasileiros Brasil
Dedejr.jpg
CastroAlves.jpg
Juscelino.jpg
Benito-di-paula-veronica-ferriani.jpg
Washington Luís (foto).jpg
População total

800.000 pessoas
0.41% da população brasileira
(censo de 2011)

Regiões com população significativa


Línguas
Língua portuguesa
Religiões
Catolicismo
Etnia
Caucasiano
Grupos étnicos relacionados
portugueses, espanhóis

Os ciganos no Brasil, conhecidos também como boêmios e quicos (em Minas Gerais e São Paulo), provém, principalmente, dos grupos calé ibérico, ciganos portugueses e ciganos espanhóis, também conhecidos como gitanos.

A estimativa brasileira para o número de ciganos no país era de 800.000 pessoas (0,41% da população brasileira) em 2011 e há preocupações no Brasil sobre a falta de políticas públicas dirigidas a este segmento da população. O censo de 2010 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas encontrou acampamentos ciganos em 291 dos 5.565 municípios existentes no país.[1] Este é o segundo maior contingente cigano no mundo, logo após os Estados Unidos.

O primeiro presidente brasileiro de origem cigana e não necessariamente portuguesa foi Juscelino Kubitschek (1956 – 1961), que era 50% checo cigano por causa de sua mãe. Seu governo ficou marcado pela prosperidade econômica, estabilidade política,[2] e pela construção do que viria a ser a nova capital do Brasil nos anos 1960, Brasília. Antes de Juscelino, o Brasil teve outro presidente de origem cigana do grupo calé, o Washington Luís (1926 – 1930).

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Falta de políticas públicas para ciganos é desafio para o governo». R7. 2011. Consultado em 22 de janeiro de 2012. Arquivado do original em 11 de janeiro de 2012 
  2. «HOMENAGEADOS › JUSCELINO KUBITSCHEK». Centro Cultural Oscar Niemeyer. Consultado em 22 de fevereiro de 2015. Arquivado do original em 5 de janeiro de 2016 


Ícone de esboço Este artigo sobre demografia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.