Fronteira Brasil–Venezuela

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Fronteira Brasil–Venezuela
O monumento fronteiriço localizado no ponto de travessia entre Pacaraima, no Brasil, e Santa Elena de Uairén, na Venezuela.
Delimita:  Brasil
 Venezuela
Comprimento: 2199 km
Posição: 17

A fronteira entre Brasil e Venezuela é a linha que limita os territórios do Brasil e da Venezuela. Foi delimitada pelo Tratado de 1859, confirmada pelo Protocolo de 1929. Entre o ponto tríplice com a Colômbia, no Rio Negro, e o ponto tríplice com a Guiana, no alto do Monte Roraima, são 2.199 km, sendo apenas 90 km convencionais e 2.109 km definidos pela linha divisória de águas entre as bacias do Amazonas (Brasil) e do Orinoco (Venezuela), através das serras do Imeri, Tapirapecó, Curupira e Urucuzeiro (Estado do Amazonas), Parima, Auari, Urutanim e Pacaraima (Estado de Roraima), no Planalto das Guianas.

Fechamento[editar | editar código-fonte]

Em 22 de fevereiro de 2019, em meio à crise presidencial na venezuelana em 2019, o presidente venezuelano Nicolás Maduro fechou a fronteira para impedir que a ajuda humanitária internacional chegasse à Venezuela por terra.[1]

Referências

  1. «Venezuela closing border with Brazil» (em inglês). 22 de fevereiro de 2019. Consultado em 22 de fevereiro de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre fronteiras é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.