Caroebe

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Caroebe
  Município do Brasil  
Símbolos
Bandeira de Caroebe
Bandeira
Brasão de armas de Caroebe
Brasão de armas
Hino
Gentílico caroebense
Localização
Localização de Caroebe em Roraima
Localização de Caroebe em Roraima
Mapa de Caroebe
Coordenadas 0° 53' 02" N 59° 41' 45" O
País Brasil
Unidade federativa Roraima
Região intermediária[1] Rorainópolis-Caracaraí
Região imediata[1] Rorainópolis
Municípios limítrofes Caracaraí, a República Cooperativa da Guiana, Oriximiná (Pará), Nhamundá (Amazonas), Urucará (Amazonas) e São João da Baliza
Distância até a capital Não disponível
História
Fundação 1997
Administração
Prefeito(a) Argilson Raimundo (PSDB, 2017 – 2020)
Características geográficas
Área total [2] 12 065,543 km²
População total (IBGE/2017[3]) 9 493 hab.
 • Posição RR: 13º
Densidade 0,8 hab./km²
Clima equatorial (Af)
Altitude 135 m
Fuso horário Hora do Amazonas (UTC−4)
Indicadores
IDH (PNUD/2010[4]) 0,639 médio
PIB (IBGE/2008[5]) R$ 66 934,469 mil
PIB per capita (IBGE/2008[5]) R$ 9 045,20

Caroebe é um município brasileiro do estado de Roraima. Sua população, de acordo com estimativas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), era de 9 493 habitantes em 2017.

História[editar | editar código-fonte]

O município foi criado pela Lei nº 082, de 4 de novembro de 1994, em terras desmembradas do município de São João da Baliza. Sua instalação se deu em 1997.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Localiza-se na microrregião do Sudeste de Roraima, mesorregião do Sul de Roraima. Fica à distância de 338Km de Boa Vista. A população estimada em 2006 era de 5901 habitantes e a área é de 12.066 km², o que resulta numa densidade demográfica de 0,489 hab/km². O relevo é composto por superfície plana, representando 70% dá área, áreas alagáveis ou inundáveis (terraços fluviais) e relevo fortemente ondulado, representando 20% da área. Já a cobertura vegetal do município é de floresta ombrófila densa. A população indígena tem uma participação em relação ao total do Município de 52,70%.

Localidades principais[editar | editar código-fonte]

Segue uma relação de das principais localidades não-índigenas do município e suas respectivas populações segundo o Censo de 2010.[6]

  • 3.324 habitantes - Caroebe (sede)
  • 1.144 habitantes - Vila Entre Rios

Clima[editar | editar código-fonte]

O clima do município é de tipo tropical chuvoso e sem estação seca, com uma precipitação pluviométrica relativamente elevada, permitindo o desenvolvimento da zona de mata florestal. A precipitação pluviométrica é entre 1.500 mm e 1.750 mm. A média da temperatura anual é de 28 °C. O intervalo de variação de temperatura no ano, situa-se entre 26º e 38 °C.

Limites[editar | editar código-fonte]

Economia[editar | editar código-fonte]

Produto Interno Bruto[editar | editar código-fonte]

  • Valor adicionado na agropecuária - R$ 3.715.000
  • Valor adicionado na indústria - R$ 702.000
  • Valor adicionado no serviço - R$ 18.817.000
  • APU - R$ 15.445.000
  • DUMMY - R$ 0
  • Impostos - R$ 196.000
  • PIB - R$ 23.433.000
  • PIB per capita - R$ 4.009

Agricultura[editar | editar código-fonte]

O município tem vocação para o meio agrícola. Logo, a produção está direcionada para as culturas do arroz, mandioca, banana, milho e laranja. No entanto, a variedade de produtos com perspectivas de cultivo é bastante vasta. Pode-se citar como exemplo o cacau, o café, a cana-de-açúcar, o urucu, o coco e a pupunha. Um dos principais produtos agrícolas do município de Caroebe, a banana, é comercializada nos mercados de Boa Vista e Manaus. Em relação à pecuária, o potencial do município está voltado para o gado de leite e corte. Já o extrativismo vegetal está representado na região pela extração da castanha, do louro, do angelim, do roxinho, da maçaranduba e da cupiúba.

Religião[editar | editar código-fonte]



Circle frame.svg

Religiões em Caruebe (2010)[7]

  Protestantismo (39.89%)
  Catolicismo Romano (39.65%)
  Sem religião (16.69%)
  Outras religiões cristãs (2.6%)
  Outras religiões (0.21%)

Segundo o Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em 2010 39,89% da população do município era evangélica, 39,65% eram católicos romanos, 16,69% não tinha religião, 1,04% eram Testemunhas de Jeová e 2,6% eram de outras religiões cristãs (incluindo Igreja Católica Apostólica Brasileira, Igreja Ortodoxa e Mormonismo), e 0,21% outras religiões.[8]

Protestantismo[editar | editar código-fonte]

Caroebe é um dos municípios de Roraima em que o Protestantismo foi maior que o Catolicismo Romano no Censo de 2010.

Dentre as denominações protestantes em Caroebe, a maioria da população é pentecostal, cerca de 29,97%. 3,57% da população é adventista, 1,95% são batistas e 0,13% é presbiteriano e 4,25% não determinaram denominação.[8]

Referências

  1. a b Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (2017). «Base de dados por municípios das Regiões Geográficas Imediatas e Intermediárias do Brasil». Consultado em 10 de fevereiro de 2018 
  2. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  3. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (30 de agosto de 2017). «Estimativas da população residente no Brasil e unidades da federação com data de referência em 1º de julho de 2017» (PDF). Consultado em 30 de março de 2018 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil» (PDF). Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 8 de agosto de 2013 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  6. «bestatistica/populacao/censo2010/default.shtm Dados com base em levantamentos utilizando os resultados do Censo 2010 do IBGE.»  Acesso em 7 fev 2012.
  7. «Religiões em Caruebe (2010)». Consultado em 27 de abril de 2017 
  8. a b «Censo 2010: Religião em Itapuã do Oeste». Consultado em 14 de junho de 2016 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]