Heinkel He 60

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Heinkel He 60
Avião
Descrição
Tipo / Missão Reconhecimento aéreo
País de origem  Alemanha
Fabricante Heinkel
Primeiro voo em 1933
Introduzido em 1933
Aposentado em 1943
Tripulação 2

O Heinkel He 60 foi um hidroavião biplano monomotor projetado para ser catapultado por belonaves da Kriegsmarine, construído pela Heinkel na Alemanha.[1] A sua função consistia em reconhecimento aéreo em céus marítimos.[2]

Desenvolvimento e design[editar | editar código-fonte]

O Heinkel He 60 foi projetado pelo engenheiro da Heinkel Reinhold Mewes, o mesmo designer do He 59[3]. O design resultante foi um biplano monomotor feito de madeira e construção metálica com cobertura de tecido.

O primeiro protótipo voou no início de 1933 e provou ter pouca potência com seu motor BMW VI de 492 kW (660 hp). O segundo protótipo tinha uma versão mais poderosa do motor da BMW, mas isso apenas melhorou ligeiramente seu desempenho e segundo motor não se demostrou confiável, de modo que as aeronaves de produção voltaram ao motor original[4]. De configuração convencional, o He 60 era uma aeronave robusta, projetada para poder operar em mar aberto. Como resultado, sua potencia relacionada ao seu peso era extremamente baixa, o que tornava o seu manuseio lento e a aeronave vulnerável ao fogo inimigo. Foram feitas tentativas para resolver sua falta de potencia equipando uma aeronave com um motor Daimler-Benz DB 600 , mas os motores não estavam disponíveis para produção[5].

Histórico operacional[editar | editar código-fonte]

As primeiras entregas do He 60 foram para as unidades de treinamento da Kriegsmarine em junho de 1933.  A partir de 1934, a principal versão de produção, o He 60C, começou a ser entregue às unidades de hidroavião da Kriegsmarine , operando a partir das catapultas de todos os cruzadores alemães .  O mesmo prestou serviço em apoio as forças nacionalistas espanholas durante a Guerra Civil Espanhola.

Em 1939, foi substituído como aeronave a bordo da kriegsmarine primeiro pelo He 114, e logo depois pelo Arado Ar 196 , mas mesmo após sua substituição o He 60 permaneceu em serviço com várias unidades de reconhecimento costeiro quando a Segunda Guerra Mundial começou[6].  Foi retirado do serviço de linha de frente em 1940, mas voltou a ser utilizado após a invasão alemã da União Soviética em 1941, sendo usado para o trabalho de patrulha costeira nos mares Báltico e Mediterrâneo . Todos os exemplares foram retirados de serviço em outubro de 1943[3].

Referências

  1. «Heinkel He 60». www.historyofwar.org. Consultado em 21 de março de 2016 
  2. «Heinkel He.60». www.airwar.ru. Consultado em 21 de março de 2016 
  3. a b Donald, David. (1994). Warplanes of the Luftwaffe. London: Aerospace Pub. ISBN 1-880588-10-2. OCLC 32145823 
  4. Kay, Antony L. (2002). German aircraft of the Second World War : including helicopters and missiles Rev. ed ed. London: Putnam. ISBN 0-85177-920-4. OCLC 49043899 
  5. Green, Willian (1962). Floatplanes (War planes of the Second World War series;vol.6). Hardcover: Macdonald & Co 
  6. Kay, Antony L. (2002). German aircraft of the Second World War : including helicopters and missiles Rev. ed ed. London: Putnam. ISBN 0-85177-920-4. OCLC 49043899 
Ícone de esboço Este artigo sobre aviação, integrado ao Projeto Aviação, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.