Telecomunicações de Mato Grosso do Sul

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
TELEMS
Razão social Telecomunicações de Mato Grosso do Sul S/A
Atividade Telecomunicações
Gênero Sociedade anônima
Fundação 1986
Encerramento 1998
Sede Bandeira de Campo Grande.svg Campo Grande
Área(s) servida(s)  Mato Grosso do Sul
Proprietário(s) Telebras
Sucessora(s) Brasil Telecom (1998-2009)
Oi (a partir de 2009)

Telecomunicações de Mato Grosso do Sul S/A (TELEMS) foi a empresa operadora de telefonia do sistema Telebras[1] no estado de Mato Grosso do Sul antes da privatização em 1998[2], onde as operações na telefonia fixa foram absorvidas pela Brasil Telecom, atual Oi.

História[editar | editar código-fonte]

Foi criada em 1986, através do processo de cisão da Telemat, que operava nos dois estados. A cisão foi consumada em outubro de 1987[3]. Até então a Telemat tinha 155 mil terminais, ficando após o processo com 60 mil terminais e a Telems com 95 mil terminais[4].

Com a privatização em junho de 1998, todas as operações na telefonia fixa foram absorvidas pela Brasil Telecom. A subsidiária Brasil Telecom GSM iniciou o serviço de telefonia celular em 2004. A partir do dia 17 de maio de 2009 a empresa adota o nome fantasia Oi usado pela Telemar Norte Leste S.A., nome usado nos dias atuais.[5]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre telefonia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.