Telecomunicações de Minas Gerais

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Telecomunicações de Minas Gerais S.A. - TELEMIG
Indústria Telecomunicações
Gênero Sociedade anônima
Sede Belo Horizonte
Área(s) servida(s)  Minas Gerais
Proprietário(s) Telebras
Sucessora(s) Telemar (atual Oi)

Telecomunicações de Minas Gerais S.A. - TELEMIG foi a empresa operadora de telefonia do grupo Telebras[1] no estado de Minas Gerais antes da privatização em 1998[2]. A TELEMIG foi fundada na década de 1950, com o nome de Companhia Telefônica de Minas Gerais[3].

Ainda no começo da década de 1990, iniciou suas operações de telefonia celular no estado de Minas Gerais com a tecnologia AMPS, através de uma subsidiária, a Telemig Celular. Na época da privatização da empresa, em 1998, a Telemig Celular foi desmembrada e leiloada à parte. A Telemig e sua rede de telefonia fixa foi adquirida pelo consórcio Telemar, liderado pelo grupo Andrade Gutierrez. A Telemig Celular foi comprada por um consórcio liderado pelo Banco Opportunity.

A Telemar manteve as marcas e identidades visuais das empresas compradas até 2001, quando as empresas adquiridas em 1998 foram absorvidas. Já a Telemig Celular foi vendida para a operadora Vivo, e foi totalmente absorvida em abril de 2008, tendo a marca Telemig Celular desaparecido até 2010.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre telefonia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.