Papa Fabiano

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Fabiano
20º papa
Nascimento Roma
200
Eleição 10 de Janeiro de 236
Fim do pontificado 20 de Janeiro de 250 (50 anos)
Antecessor Antero
Sucessor Cornélio
Listas dos papas: cronológica · alfabética

Papa Fabiano foi o vigésimo Bispo de Roma, de 10 de Janeiro de 236 a 20 de Janeiro de 250.

Conta-nos Eusébio de Cesareia que a eleição de Fabiano foi maravilhosa. Voltava ele de fora de Roma, com alguns amigos, quando a assembleia dos Cristãos deliberava sobre a sucessão do papa São Antero. Estavam divididos os votos e não se chegava a um acordo. Foi quando uma pomba branca, vinda não se sabe de onde, pousou sobre a cabeça do admirado Fabiano, que mais admirado ficou, quando, por unanimidade, os Cristãos romanos o apontaram como novo pontífice. Foi obrigado a obedecer. Recebeu ordens sagradas e tornou-se sucessor de São Pedro.[1] [2]

Este caso explicaria a diversidade de informações sobre Fabiano: uns dizem-no estrangeiro, outros afirmam que era de Roma, filho de Fábio. Excelente professor da localidade.

Governou com retidão até a perseguição de Décio (a sétima), em que conquistou a palma do martírio[3] , conforme relata São Cipriano, e foi sepultado em São Calisto, onde se lê seu epitáfio[1] .

Aproveitando um tempo de relativa paz, edificara sobre os cemitérios, fizera nova divisão administrativa de regiões (que durou séculos) e, com sua autoridade, depusera o bispo Privado, da África.

A primeira expedição de missionários às Gálias (hoje França e Bélgica) é atribuída a este Papa. Em seu tempo o Império Romano continuou em terríveis convulsões políticas, sucedendo-se, quase sempre pelo assassínio, diversos imperadores: Maximino Trácio, os dois Gordianos, Filipe, o Árabe e Décio.

Felipe teria sido, de acordo com a tradição, o primeiro imperador cristão, batizado por Fabiano. Mas sob Décio brilham os santos mártires Ábdon e Sênen, persas, Ágata, Apolônia e outros valorosos servos de Deus.

São Fabiano, mártir, é festejado em 20 de janeiro[4] , juntamente com São Sebastião, o qual, porém, foi martirizado mais tarde, provavelmente em 288.

Referências

  1. a b Attwater, Donald and Catherine Rachel John. The Penguin Dictionary of Saints. 3rd edition. New York: Penguin Books, 1993
  2. SÃO FABIANO - Papa - Séc III. Página visitada em 25/12/2012.
  3. Enciclopééria Católica
  4. Gross, Ernie. This Day in Religion. New York: Neal-Schuman Publishers.


Precedido por
Antero
Emblem of the Papacy SE.svg
Papa

20.º
Sucedido por
Cornélio
Ícone de esboço Este artigo sobre um papa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.