Perfectionist

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Perfectionist
Álbum de estúdio de Natalia Kills
Lançamento 15 de março de 2011 (2011-03-15)
Gravação 2009–11: 11th Street, American Dream, The Boom Boom Room, Chalice Recording Studios, Cherrytree Recording Studios, Enormous Studios, The Hive, Paradise Studios[1]
Gênero(s) Dance-pop, electropop
Duração 50:24
Gravadora(s) will.i.am, Cherrytree, Interscope
Produção Martin "Cherry Cherry Boom Boom" Kierszenbaum, "The-Ron" Feemster, Jeff Bhasker, Fernando Garibay, Akon, Giorgio Tuinfort, Junior Caldera, Julien Carret, Natalia Kills, Tony Ugval
Cronologia de Natalia Kills
Último
Último
Trouble
(2013)
Próximo
Próximo
Singles de Perfectionist
  1. "Mirrors"
    Lançamento: 10 de agosto de 2010
  2. "Wonderland"
    Lançamento: 12 de abril de 2011
  3. "Free"
    Lançamento: 28 de junho de 2011
  4. "Kill My Boyfriend"
    Lançamento: 4 de dezembro de 2011

Perfectionist é o álbum de estreia da cantora-compositora inglesa Natalia Kills.[2] A sua elaboração começou após Kills ter chamado a atenção de produtores dos Estados Unidos na rede de computadores e ter um contrato com a gravadora Interscope, que distribuiu o trabalho a partir de 15 de março de 2011 em diferentes formatos em territórios variados através do grupo fonográfico Universal. Um disco conceitual de electropop e dance-pop, tem como base a opinião da vocalista de que todas as pessoas são perfeccionistas. As suas canções exploram temas como relacionamentos amorosos, materialismo, sonhos, decepção e luto. A sua recepção crítica foi ora mista ao notar ser uma obra calculada demais, ora positiva pela visão de Kills colocada nas composições e ao avaliar o produto final.

Fez a sua estreia nas tabelas musicais na Áustria, na Alemanha e na Suíça nos 35.°, 50.° e 94.° lugares, respectivamente. Nos Estados Unidos, atingiu o topo da Heatseekers Albums e a 134.ª posição na lista Billboard 200 enquanto ficou na 36.ª colocação no Canadá. Quatro músicas do Perfectionist foram lançadas como singles: "Mirrors", que obteve um sucesso moderado na América do Norte e na Europa, "Wonderland", "Free" e "Kill My Boyfriend". A sua divulgação ocorreu através de uma turnê, incluindo concertos de abertura para outros artistas.

Antecedentes[editar | editar código-fonte]

Natalia Kills começou a compor canções em seu tempo livre e consequentemente para outros artistas e filmes.[3] [4] Com o lançamento de seu extended play (EP) independente Womannequin (2008) sob o seu nome de nascimento, Natalia Cappuccini, e a postagem de algumas faixas na sua conta do MySpace, chamou a atenção do blogueiro Perez Hilton, que transmitiu-as na rede.[4] [5] [6] Os seus acessos aumentaram e a cantora viajou até Los Angeles, Estados Unidos, onde foi apresentada a produtores musicais como Timbaland, Justin Timberlake e Akon.[3] [4] [7] [8] Ela conheceu o músico will.i.am através de um disc jockey (DJ) amigo seu e teve um contrato assinado com as gravadoras Interscope, Cherrytree e will.i.am.[3] [4] A partir da metade de 2009, começou a produzir o seu álbum de estreia Perfectionist.[3] [9]

Conceito e arte de capa[editar | editar código-fonte]

Kills comentou ao portal Blogcritics que pensou na ideia de Perfectionist antes de compor qualquer canção. Ela inspirou-se em filmes e na possibilidade de fazer um álbum que servisse também como uma trilha sonora, que consquentemente revelou-se na sua opinião de que "(...) todo mundo é perfeccionista. A minha pessoa, principalmente. (...) Toda vez que vais a uma entrevista de emprego, a um encontro ou às compras, sempre estás procurando pelo melhor",[10] sendo assim um trabalho conceitual.[2] A cantora afirmou que o título não é sobre ser perfeito, mas sim sobre entender que nada possa ser desta maneira.[11]

A arte de capa de Perfectionist mostra Kills sentada em uma cadeira de examinação com um X cobrindo os seus olhos.[12]

Música e conteúdo lírico[editar | editar código-fonte]

Natalia Kills e a sua banda ao vivo em 2011.

Perfectionist é um álbum dos gêneros dance-pop e electropop.[3] [9] Em entrevista ao portal Digital Spy, a artista revelou ter inspirado-se em cantoras como Alanis Morissette e Kate Bush para fazer composições, pois tinha problemas em revelar experiências pessoais, mas então criou coragem para ser honesta consigo mesma.[13] O disco foi caracterizado por ser a união de uma sonoridade sombria e versos metafóricos e cômicos.[14] A faixa inicial, "Perfection", dura por volta de meio minuto e é feita a partir da narração de um terapista com uma voz robótica sobre as imperfeições do alterego de Kills.[15] "Wonderland" é uma canção de synthpop que referencia contos de fadas e um romance com um final feliz.[9] [16] [15] [14] "Free" foi composta quando a cantora tinha dificuldades em obter dinheiro para pagar as suas contas, mas mesmo assim sentia-se feliz e é uma ironia com a sua então situação.[17] Contém também extratos do single de Bush "Wuthering Heights" (1978) e toques de piano cintilantes.[16] [14] "Break You Hard" tem "ritmos hipnóticos" e é a respeito de quebrar um homem.[9] [15] O tema de "Zombie", uma música de R&B eletrônico com uma execução leve de baixo,[15] [14] é de um ex-namorado da artista que nunca escutava a si, mesmo que fosse a única pessoa presente.[9] "Love Is a Suicide" trata-se de estar em um relacionamento amoroso e saber que este pode ser destrutivo.[9] "Mirrors" é uma obra de electropop e rock eletrônico cujo assunto é o sadomasoquismo e seu desenvolvimento é feito de uma linha de baixo de synthpop e guitarras com a extensão vocal de falsetto de Kills no seu refrão.[15] [18] [19]

"Not in Love" tem um tempo mediano e a sua produção contém elementos de acid house. A sua letra é sobre como "ensina uma moça a convencer um rapaz a não amá-la".[9] [15] A questão do número de hard rock "Acid Annie" é uma "fantasia de vingança" a um ex-namorado, enquanto a do de dance music "Superficial" é a fascinação da cantora pelos "objetos mais valiosos".[9] [14] [16] "Broke" é uma balada sentimental e "Heaven" é outra composta após o avô da artista ter morrido.[9] "Nothing Lasts Forever" possui um uso exagerado do processador de áudio Auto-Tune. A última composição, "If I Was God", revela Kills perguntando ao seu parceiro se ele ficaria ao seu lado se não tivesse nada e as coisas que ela faria se fosse Deus.[9] [16]

Recepção crítica[editar | editar código-fonte]

Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
Allmusic 3 de 5 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar empty.svgStar empty.svg[15]
Digital Spy 4 de 5 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar full.svgStar empty.svg[14]

Jon O'Brien, do portal Allmusic, fez uma crítica mista ao Perfectionist. Relatou que parece ser um trabalho calculado demais por Kills, que tenta provar o seu amadurecimento após ter sido uma cantora com diferentes nomes artísticos em outras fases de sua carreira. Também, observou que embora ela confirme a sua autenticidade, severas canções soam com as de outras cantoras contemporâneas. Todavia, afirmou haver obras que destacam-se: "Mirrors", considerada a sua "melhor interpretação", "Break You Hard", e "Not in Love", notada por ter uma sonoridade diferente do resto do disco. Completou a resenha: "Embora haja vários singles futuros aqui, Perfectionist é de longe muito formulado e artificial para estar ao nível das óbvias intenções rebeldes de Kills."[15] Todavia, o redator do Digital Spy Lewis Corner foi positivo com o álbum. Afirmou que "cada momento de surrealidade de pop floresce da própria visão de Kills" e elogiou o produto final por ser tão interessante quanto "pirado", tendo avaliado também a capacidade da artista de negociar duro.[14]

Divulgação[editar | editar código-fonte]

Singles[editar | editar código-fonte]

A canção "Mirrors" foi lançada como o primeiro single do álbum em 10 de agosto de 2010 e recebeu em sua maioria críticas positivas pela sua produção.[15] [20] [21] Entrou em tabelas musicais europeias como a alemã Media Control AG na sua décima posição e na estado-unidense Hot Dance Club Songs no número três.[22] [23] Obteve o seu melhor desempenho na lista polonesa Zwiazek Producentow Audio Video ao atingir o segundo lugar.[24] "Wonderland" foi a segunda faixa de promoção de Perfectionist e estreou nas listas da Alemanha e da Áustria nos 45.° e 55.° lugares, respectivamente.[25] [26] O seu vídeo contém referências a histórias infantis como Alice no País das Maravilhas e Chapeuzinho Vermelho em um cenário de violência.[27] Para a sua versão como o terceiro single do disco, "Free" foi distribuída com a participação do músico will.i.am em 28 de junho de 2011.[28] [29] Obteve um desempenho maior do que o seu antecessor ao atingir a quinta colocação na compilação austríaca Ö3 Austria Top 40, a décima primeira na Eslovênia e a décima sétima na Media Control AG.[30] [31]

Singles promocionais[editar | editar código-fonte]

A canção "Zombie" foi lançada digitalmente em 21 de dezembro de 2009 como parte de uma campanha promocional.[32] [10] O seu vídeo contém cenas de Kills vagando por um deserto e depois correndo, quando é então acorrentada em uma cama e há enfermeiros ao redor. De acordo com a cantora, isto representa como se ela fosse uma paciente com transtorno mental.[10]

Turnê promocional[editar | editar código-fonte]

Natalia Kills embarcou em uma turnê na América e na Europa para promover o álbum. Os concertos iniciaram em 24 de junho de 2011 e continuarão até novembro seguinte.[33] [34]

Datas[editar | editar código-fonte]

Notas

Dados de bilheteria[editar | editar código-fonte]

Local do evento Cidade Ingressos vendidos / disponíveis Renda
Radio City Music Hall Nova Iorque 5.833 / 5.833 (100%) $204.155[47]
Chacára do Jockey São Paulo 22.784 / 24.500 (93%) $2.105.710[48]
Palacio de los Deportes Cidade do México 16.869 / 16.884 (99%) $707.031[49]
Imperial de Quebec Quebec 796 / 900 (88%) $20.264[50]
Arena Monterrey Monterrey 9.944 / 9.958 (99%) $633.530[51]
Auditorio Telmex Guadalajara 8.451 / 8.578 (98%) $598.316[51]
Total 64.677 / 66.653 (97%) $4.269.006

Listas de faixas[editar | editar código-fonte]

A lista de faixas inicial foi revelada em 11 de agosto de 2010 pelo portal PopWrap, pertencente à pagina virtual do jornal estado-unidense New York Post.[9] Mais tarde, foi acrescentada a canção "Acid Annie". A edição internacional contém quatorze músicas, enquanto na padrão norte-americana o número foi reduzido para dez. Na versão especial digital deste território e neerlandesa e na normal britânica, brasileira, russa e do Leste Europeu, todas as composições originais, a participação de will.i.am em "Free" e a até então inédita "Kill My Boyfriend" foram incluídas.

Edição internacional
N.º Título Compositor(es) Produtor(es) Duração
1. "Perfection"   Natalia Kills Martin "Cherry Cherry Boom Boom" Kierszenbaum 0:32
2. "Wonderland"   Kills, Michael Warren, "The-Ron" Feemster Feemster 3:31
3. "Free"   Kills, Jeff Bhasker, Scott Mescudi, Dion Wilson Bhasker 3:57
4. "Break You Hard"   Kills, Feemster Feemster 4:22
5. "Zombie"   Kills, Bhasker Bhasker 3:19
6. "Love Is a Suicide"   Kills, Fernando Garibay, Warren Garibay 3:57
7. "Mirrors"   Kills, Kierszenbaum, Akon, Giorgio Tuinfort Akon, Tuinfort, Kierszenbaum 3:17
8. "Not in Love"   Kills, Kierszenbaum Kierszenbaum 3:23
9. "Acid Annie"   Kills, Kierszenbaum Kierszenbaum 3:37
10. "Superficial"   Kills, Feemster Feemster 3:19
11. "Broke"   Kills, Garibay, Warren Garibay 4:08
12. "Heaven"   Kills, Bhasker Bhasker 4:49
13. "Nothing Lasts Forever" (com Billy Kraven) Kills, Bhasker Bhasker 3:30
14. "If I Was God"   Kills, Feemster Feemster 4:43
Duração total:
50:24

Créditos[editar | editar código-fonte]

Lista-se abaixo os profissionais envolvidos na elaboração de Perfectionist, de acordo com o seu encarte acompanhante:[1] [65]

Desempenho nas tabelas musicais[editar | editar código-fonte]

Perfectionist fez a sua estreia na Áustria em 15 de abril de 2011 na 35.ª posição.[66] Nos dias 17 e 18 seguintes, entrou no número 94 da tabela musical suíça Schweizer Hitparade e na quinquagésima colocação da empresa alemã Media Control, respectivamente.[67] [68] Após o seu lançamento na América do Norte em agosto de 2011, atingiu o topo da Heatseekers Albums e o 134.° lugar da Billboard 200, ambas listas estado-unidenses, e o 36.° posto da Canadian Albums Chart.[69] [70]

Tabela (2011) Melhor
posição
 Alemanha (Media Control Charts)[71] 50
 Canadá (Canadian Albums Chart)[70] 36
 Estados Unidos (Billboard 200)[69] 134
 Estados Unidos (Dance/Electronic Albums)[69] 6
 Estados Unidos (Heatseekers Albums)[69] 1
Suíça (Schweizer Hitparade)[71] 94
 Áustria (IFPI)[71] 35

Histórico de lançamento[editar | editar código-fonte]

Perfectionist foi inicialmente distribuído na França em 15 de março de 2011 e em abril seguinte em países da Europa germânica. Foi consequentemente disponibilizado na Polônia em maio e em agosto na América do Norte. Tem lançamento previsto para setembro de 2011 em nações do Leste Europeu, no Reino Unido, na América Latina e na Rússia.

País Data Formato(s) Gravadora(s)
 França 15 de março de 2011[72] Download digital Universal
 Alemanha 1° de abril de 2011[52] [53] [54] [73] [74] [75] CD, download digital
Suíça
 Áustria
 Polônia 13 de maio de 2011[76] CD
 Canadá 16 de agosto de 2011[55] [56] [58] [77] [78] [59] CD, download digital
 Estados Unidos will.i.am, Cherrytree, Kon Live, Interscope, Bozdaya, Dandyville
 México Download digital Universal
 Países Baixos
 Croácia 7 de setembro de 2011[63] [79] [80] CD
 Eslovênia
 Sérvia
 Reino Unido 19 de setembro de 2011[60] [81] [82] CD, download digital Polydor
 Brasil Download digital Universal
20 de setembro de 2011[61] [78] CD
 México
 Rússia 26 de setembro de 2011[62]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b c d (2011) Créditos do álbum Perfectionist (edição digital) por Natalia Kills. will.i.am, Cherrytree, Kon Live, Interscope, Bozdaya, Dandyville.
  2. a b Tolipan, Heloisa; Willmersdorf, Pedro (11 de agosto de 2011). Lá vem mais uma: a cantora inglesa Natalia Kills vai abrir show de Katy Perry, dia 25 de setembro, na Chácara do Jockey, em São Paulo Jornal do Brasil.. Cópia arquivada em 29 de agosto de 2011.
  3. a b c d e Belz, Leigh (1° de dezembro de 2010). Natalia Kills On Her Album Perfectionist and Lady Gaga (em inglês) Teen Vogue.. Página visitada em 4 de agosto de 2011.
  4. a b c d Copsey, Robert (20 de abril de 2011). Natalia Kills - Music Interview (em inglês) Digital Spy. Página visitada em 28 de agosto de 2011.
  5. Womannequin - EP by Natalia Cappuccini (em inglês) iTunes Store (Apple, Inc.). Página visitada em 28 de junho de 2011.
  6. O'Brien, Jon. Natalia Kills - Biography (em inglês) Allmusic. Página visitada em 28 de agosto de 2011.
  7. Chapman, Alex (13 de julho de 2011). Natalia Kills on Will.i.am, Bill Clinton, Her 'F--k You Pop' Music (em inglês) Billboard.. Página visitada em 28 de agosto de 2011.
  8. Schoonmaker, Vaughn; Kash, Tim (16 de novembro de 2010). Natalia Kills Hooks Up With Will.i.am For 'Dark Pop' Debut (em inglês) MTV (MTV Networks). Página visitada em 28 de agosto de 2011.
  9. a b c d e f g h i j k Brockington, Ryan (11 de agosto de 2010). Exclusive look inside Natalia Kills 'Perfectionist' album (em inglês) PopWrap. New York Post. News Corporation. Página visitada em 4 de agosto de 2011.
  10. a b c Perry, Clayton (26 de julho de 2010). Interview: Natalia Kills – Singer, Songwriter and Producer - Pages 1 and 5 (em inglês) Blogcritics (Technorati). Cópia arquivada em 20 de setembro de 2011.
  11. Pharaoh, Samson (15 de setembro de 2011). Natalia Kills: Interview (em inglês) Gigwise. Página visitada em 18 de setembro de 2011.
  12. Daw, Robbie (11 de março de 2011). Natalia Kills Strives For Excellence On Her ‘Perfectionist’ Album Cover (em inglês) Idolator. Página visitada em 28 de agosto de 2011.
  13. Corner, Lewis (15 de setembro de 2011). Natalia Kills: 'Alanis Morissette, Kate Bush inspired my debut album' (em inglês) Digital Spy. Página visitada em 16 de setembro de 2011.
  14. a b c d e f g Corner, Lewis (16 de setembro de 2011). Natalia Kills: 'Perfectionist' - Album review (em inglês) Digital Spy. Página visitada em 16 de setembro de 2011.
  15. a b c d e f g h i O'Brien, Jon (2011). Perfectionist - Natalia Kills - AllMusic (em inglês) Allmusic. Página visitada em 1º de fevereiro de 2010.
  16. a b c d Kills, Natalia; Cantor, Paul. Natalia Kills in Billboard Magazine / Imperfect Storm (em inglês) Cherrytree Records/Billboard. Página visitada em 26 de agosto de 2011.
  17. Eddy, Colton (19 de agosto de 2011). Interview: Natalia Kills talks New Album, New Tour and Amy Winehouse (em inglês) andPOP. Página visitada em 19 de agosto de 2011.
  18. Anderson, Sara D (2 de setembro de 2010). New Songs on the Radio -- September 2010 (em inglês) AOL. Página visitada em 4 de agosto de 2011.
  19. Bliss, Karen (8 de julho de 2011). How Natalia Kills went from being "unGoogleable" to being on everyone's radar (em inglês) MSN Entertainment Canada. Página visitada em 6 de agosto de 2011.
  20. Mirrors - Single by Natalia Kills (em inglês) iTunes Store (Apple, Inc.). Página visitada em 5 de agosto de 2011.
  21. Copsey, Robert (24 de abril de 2011). Natalia Kills: 'Mirrors' - Music Singles Review - Digital Spy (em inglês) Digital Spy. Página visitada em 29 de agosto de 2011.
  22. Chartverfolgung / Kills,Natalia / Single (em alemão) MusicLine. Página visitada em 5 de agosto de 2011.
  23. Natalia Kills Album & Song Chart History - Billboard.com (em inglês) Billboard.. Página visitada em 5 de agosto de 2011.
  24. Bestseller charts and awards :: Polish Society of the Phonographic Industry (em polonês) Zwiazek Producentow Audio Video.. Página visitada em 5 de agosto de 2011.
  25. Wonderland - Single by Natalia Kills (em inglês) iTunes Store (Apple, Inc.). Página visitada em 13 de agosto de 2011.
  26. Natalia Kills - Wonderland - Music Charts (em inglês) aCharts.us. Página visitada em 13 de agosto de 2011.
  27. Check out Natalia Kills new video for Wonderland! (em inglês) MuchMusic (8 de abril de 2011). Página visitada em 13 de agosto de 2011.
  28. Free (feat. will.i.am) - Single by Natalia Kills (em inglês) iTunes Store (Apple, Inc.). Página visitada em 13 de agosto de 2011.
  29. Medeiros, Kavad (29 de junho de 20011). "Free": Novo single de Natalia Kills tem participação de will.i.am do Black Eyed Peas PopLine. MTV Brasil (UOL). Página visitada em 13 de agosto de 2011.
  30. Natalia Kills - Free - Music Charts (em inglês) aCharts.us. Página visitada em 13 de agosto de 2011.
  31. SNS IFPI - Hitparáda - RADIO TOP100 Oficiálna: Týždeň - FREE (em esloveno) IFPI. Página visitada em 23 de setembro de 2011.
  32. Zombie - Single by Natalia Kills (em inglês) iTunes Store (Apple, Inc.). Página visitada em 28 de agosto de 2011.
  33. a b Natalia Kills abrirá shows de Katy Perry en México (em castelhano) El Universal. (11 de agosto de 2011). Página visitada em 13 de agosto de 2011.
  34. a b c Natalia Kills - Official Site: Events (em inglês) nataliakills.com. Cópia arquivada em 13 de agosto de 2011.
  35. A la une : Natalia Kills en 1ère partie des Black Eyed Peas (em francês) Yahoo! Music France (24 de maio de 2011). Página visitada em 30 de agosto de 2011.
  36. Natalia Kills Glastonbury Debut: Win VIP Access! (em inglês) Cherrytree Records (20 de junho de 2011). Página visitada em 30 de agosto de 2011.
  37. Natalia ist Special Guest bei den Black Eyed Peas! (em alemão) Pop24 (24 de junho de 2011). Página visitada em 30 de agosto de 2011.
  38. Natalia Kills - Official Site: Events (em inglês) nataliakills.com. Cópia arquivada em 30 de agosto de 2011.
  39. Natalia Kills performing at the Wireless festival in Hyde Park, in central London (em inglês) Metro Online. Página visitada em 30 de agosto de 2011.
  40. Corner, Lewis (29 de junho de 2011). Natalia Kills, will.i.am team up for new single 'Free' (em inglês) Digital Spy. Página visitada em 30 de agosto de 2011.
  41. Ellwood, Pip (5 de agosto de 2011). Natalia Kills To Support Katy Perry (em inglês) Entertainment Focus.. Página visitada em 9 de agosto de 2011.
  42. Vince (19 de agosto de 2011). NATALIA KILLS kommt mit “Free” raus (em alemão) Lieblingsstars.com. Página visitada em 19 de agosto de 2011.
  43. Events - Plaza: Natalia Kills (UK) (em polonês) Plaza. Cópia arquivada em 29 de agosto de 2011.
  44. Cantora inglesa Natalia Kills abre show de Katy Perry em SP G1 (Globo.com). (11 de agosto de 2011). Página visitada em 13 de agosto de 2011.
  45. Natalia Kills Added to Two More "California Dreams" Tour Dates (em inglês) Cherrytree Records (11 de agosto de 2011). Página visitada em 19 de agosto de 2011.
  46. Roffman, Michael (31 de agosto de 2011). The Sounds hit North America this fall (em inglês) Consequence of Sound. Página visitada em 31 de agosto de 2011.
  47. Billboard.biz: Current Boxscore (em inglês) Billboard.. Cópia arquivada em 21 de abril de 2011.
  48. Billboard.biz: Current Boxscore (em inglês) Billboard.. Cópia arquivada em 10 de outubro de 2011.
  49. Billboard.biz: Current Boxscore (em inglês) Billboard.. Cópia arquivada em 26 de outubro de 2011.
  50. Billboard.biz: Current Boxscore (em inglês) Billboard.. Cópia arquivada em 2 de novembro de 2011.
  51. a b Billboard.biz: Current Boxscore (em inglês) Billboard.. Cópia arquivada em 10 de novembro de 2011.
  52. a b Perfectionist (Bonus Track Version) von Natalia Kills (em alemão) iTunes Store (Apple, Inc.). Página visitada em 13 de agosto de 2011.
  53. a b Perfectionist (Bonus Track Version) von Natalia Kills (em alemão) iTunes Store (Apple, Inc.). Página visitada em 13 de agosto de 2011.
  54. a b Perfectionist (Bonus Track Version) von Natalia Kills (em alemão) iTunes Store (Apple, Inc.). Página visitada em 13 de agosto de 2011.
  55. a b Amazon.com: Perfectionist: Natalia Kills: Music (em inglês) Amazon.com. Página visitada em 4 de agosto de 2011.
  56. a b Perfectionist: Natalia Kills: Amazon.ca: Music (em inglês) Amazon.ca. Página visitada em 4 de agosto de 2011.
  57. Perfectionist - Natalia Kills (em inglês) Allmusic. Página visitada em 16 de agosto de 2011.
  58. a b c Perfectionist (Deluxe Version) by Natalia Kills (em inglês) iTunes Store (Apple, Inc.). Página visitada em 17 de agosto de 2011.
  59. a b c Perfectionist van Natalia Kills (em neerlandês) iTunes Store (Apple, Inc.). Página visitada em 18 de setembro de 2011.
  60. a b c Perfectionist by Natalia Kills (em inglês) iTunes Store (Apple, Inc.). Página visitada em 24 de agosto de 2011.
  61. a b Perfectionist (nacional) Livraria Cultura. Cópia arquivada em 15 de setembro de 2011.
  62. a b Universal Music Russia (em inglês) Universal Music Russia. Página visitada em 18 de setembro de 2011.
  63. a b Universal Music Hrvatska - Natalia Kills - Perfectionist (em croata) Universal Music. Página visitada em 18 de setembro de 2011.
  64. Amazon.com: Perfectionist (Explicit) +digital booklet: Natalia Kills: MP3 Downloads (em inglês) Amazon.com. Página visitada em 17 de agosto de 2011.
  65. (2011) Créditos do álbum Perfectionist por Natalia Kills. will.i.am, Cherrytree, Kon Live, Interscope, Bozdaya, Dandyville (B004R0N0TM).
  66. Discographie Natalia Kills - austriancharts.at (em alemão) Hung Medien. Página visitada em 3 de agosto de 2011.
  67. Chartverfolgung / Kills,Natalia / Longplay (em alemão) MusicLine. Página visitada em 3 de agosto de 2011.
  68. Natalia Kills - Perfectionist - swisscharts.com (em alemão) Hung Medien. Página visitada em 3 de agosto de 2011.
  69. a b c d Perfectionist - Charts & Awards (em inglês) Allmusic. Página visitada em 18 de setembro de 2011.
  70. a b CANOE - Jam! - ALBUMS: Top 100 (em inglês) Jam!. Cópia arquivada em 25 de agosto de 2011.
  71. a b c Natalia Kills - Perfectionist - Music Charts (em inglês) aCharts.us. Página visitada em 4 de agosto de 2011.
  72. Perfectionist (International Version) de Natalia Kills (em francês) iTunes Store (Apple, Inc.). Página visitada em 4 de agosto de 2011.
  73. Perfectionist: Natalia Kills: Amazon.de: Musik (em alemão) Amazon.de. Página visitada em 15 de agosto de 2011.
  74. Universal Music Austria - Natalia Kills - Diskographie (em alemão) Universal Music Austria. Página visitada em 15 de agosto de 2011.
  75. Perfectionist - Schweizer Radio DRS (em alemão) Schweizer Radio DRS. Página visitada em 15 de agosto de 2011.
  76. UNIVERSAL MUSIC POLSKA - ARTYŚCI - NATALIA KILLS - Perfectionist (polska cena!) (em polonês) Universal Music Polska. Página visitada em 15 de agosto de 2011.
  77. Perfectionist by Natalia Kills (em inglês) iTunes Store (Apple, Inc.). Página visitada em 17 de agosto de 2011.
  78. a b Natalia Kills será telonera de Katy Perry en Guadalajara (em castelhano) El Informador (11 de agosto de 2011). Página visitada em 17 de setembro de 2011.
  79. Universal Music Slovenia - Natalia Kills - Perfectionist (em esloveno) Universal Music Slovenia. Página visitada em 18 de setembro de 2011.
  80. Universal Music Serbia - Natalia Kills - Perfectionist (em sérvio) Universal Music Serbia. Página visitada em 18 de setembro de 2011.
  81. Perfectionist: Natalia Kills: Amazon.co.uk: Music (em inglês) Amazon.co.uk. Página visitada em 18 de agosto de 2011.
  82. Natalia Kills/Perfectionist - Músicas - Terra Sonora Terra Sonora (Terra Networks). Página visitada em 20 de setembro de 2011.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]