Copa Libertadores da América de 1994

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Taça Libertadores da América 1994
XXXV Copa Libertadores de América
Dados
Participantes 21
Organização CONMEBOL
Local de disputa Flags of the Union of South American Nations.gif América do Sul
Período 13 de fevereiro – 31 de agosto
Gol(o)s 205
Partidas 90
Média 2,28 gol(o)s por partida
Campeão Argentina Vélez Sársfield (1º título)
Vice-campeão Brasil São Paulo
Melhor marcador VenezuelaVEN Stalin Rivas (Minervén) – 7 gols
Melhor ataque (fase inicial) Brasil Palmeiras – 14 gols
Melhor defesa (fase inicial) Colômbia Independiente Medellín – 1 gol
Maior goleada
(diferença)
The Strongest Bolívia 7 – 1 Venezuela Minervén
Hernando SilesLa Paz
25 de março, Grupo 5
◄◄ Libertadores 1993 Soccerball.svg Libertadores 1995 ►►

A Taça Libertadores da América de 1994 foi ganha pelo Vélez Sarsfield, da Argentina contra o São Paulo Futebol Clube na disputa por pênaltis, por 5 a 3, após uma vitória por 1 a 0 dos argentinos em Buenos Aires e uma dos brasileiros em São Paulo pelo mesmo placar. O goleiro do Vélez, José Luis Chilavert converteu um dos pênaltis e defendeu um outro.

Na primeira fase do certame, o Vélez caiu no grupo dos brasileiros Palmeiras e Cruzeiro e de seu conterrâneo Boca Juniors. Foi o primeiro da chave, com oito pontos - três vitórias, dois empates e uma derrota (a vitória ainda contava apenas dois pontos).


Equipes classificadas[editar | editar código-fonte]

 Argentina[editar | editar código-fonte]

Clube Classificação
Vélez Sarsfield Campeão do Torneio Clausura 1993
Boca Juniors Campeão do Torneio Apertura 1992

 Bolívia[editar | editar código-fonte]

País Classificação
Bolívar Vice-campeão do Campeonato Boliviano 1993
The Strongest Campeão do Campeonato Boliviano 1993

 Brasil[editar | editar código-fonte]

País Classificação
São Paulo Campeão da Taça Libertadores da América de 1993
Palmeiras Campeão do Campeonato Brasileiro de 1993
Cruzeiro Campeão da Copa do Brasil de 1993

 Chile[editar | editar código-fonte]

País Classificação
Unión Española Campeão da Copa do Chile 1993
Colo-Colo Campeão do Campeonato Chileno 1993

 Colômbia[editar | editar código-fonte]

País Classificação
Junior de Barranquilha Campeão do Campeonato Colombiano 1993
Independiente Medellín Vice-campeão do Campeonato Colombiano 1993

Equador[editar | editar código-fonte]

País Classificação
Barcelona de Guayaquil Vice-campeão do Campeonato Equatoriano 1993
Emelec Campeão do Campeonato Equatoriano 1993

Paraguai[editar | editar código-fonte]

País Classificação
Olímpia Campeão do Campeonato Paraguaio 1993
Cerro Porteño Vice-campeão do Campeonato Paraguaio 1993

 Peru[editar | editar código-fonte]

País Classificação
Alianza Lima Vice-campeão do Campeonato Peruano 1993
Universitario Campeão do Campeonato Peruano 1993

Uruguai[editar | editar código-fonte]

País Classificação
Nacional Campeão da Mini-Liga Pré-Libertadores de 1993
Defensor Sporting Vice-campeão da Mini-Liga Pré-Libertadores de 1993

 Venezuela[editar | editar código-fonte]

País Classificação
Minervén Campeão do Campeonato Venezuelano 1993
Marítimo Vice-campeão do Campeonato Venezuelano 1993

Primeira fase[editar | editar código-fonte]

Grupo 1[editar | editar código-fonte]

Equipe Pts J V E D GP GC SG
Colômbia Independiente Medellín 8 6 3 2 1 6 1 +5
Paraguai Olimpia 8 6 3 2 1 5 3 +2
Colômbia Junior 5 6 2 1 3 4 5 -1
Paraguai Cerro Porteño 3 6 1 1 4 4 10 -6
  CPO IND JUN OLI
Cerro Porteño 0-0 1-0 1-3
Independiente Medellín 3-0 0–1 0–0
Junior 3–2 0–1 0–0
Olimpia 1–0 0-2 1-0

Grupo 2[editar | editar código-fonte]

Equipe Pts J V E D GP GC SG
Argentina Vélez Sársfield 8 6 3 2 1 8 7 +1
Brasil Cruzeiro 7 6 3 1 2 7 8 -1
Brasil Palmeiras 6 6 3 0 3 14 7 +7
Argentina Boca Juniors 3 6 1 1 4 7 14 -7
  BOC CRU PAL VEL
Boca Juniors 1-2 2–1 1-2
Cruzeiro 2-1 2–1 1–1
Palmeiras 6–1 2–0 4-1
Vélez Sársfield 1-1 2–0 1-0

Grupo 3[editar | editar código-fonte]

Equipe Pts J V E D GP GC SG
Equador Emelec 7 6 3 1 2 9 5 +4
Equador Barcelona SC 6 6 2 2 2 5 3 +2
Peru Universitario 6 6 2 2 2 4 5 -1
Peru Alianza Lima 5 6 2 1 3 6 11 -5
  ALI BSC EME UNI
Alianza Lima 2-1 2-2 1-2
Barcelona SC 3-0 0–1 0–0
Emelec 3–0 0–1 2–0
Universitario 0-1 0-0 2–1

Grupo 4[editar | editar código-fonte]

Equipe Pts J V E D GP GC SG
Chile Colo-Colo 9 6 4 1 1 11 6 +5
Chile Unión Española 7 6 3 1 2 6 6 0
Uruguai Defensor Sporting 5 6 1 3 2 3 5 -2
Uruguai Nacional 3 6 1 1 4 5 8 -3
  COL DEF NAC UES
Colo-Colo 2-0 4-2 3-1
Defensor Sporting 0-0 1-0 1-1
Nacional 2–0 1–1 0-1
Unión Española 1-2 1-0 1-0

Grupo 5[editar | editar código-fonte]

Equipe Pts J V E D GP GC SG
Bolívia Bolívar 9 6 3 3 0 9 2 +7
Bolívia The Strongest 7 6 2 3 1 13 7 +6
Venezuela Minervén 5 6 2 1 3 10 17 -7
Venezuela Marítimo 3 6 1 1 4 7 13 -6
  BOL MAR MIN STR
Bolívar 2-0 4-0 0-0
Marítimo 0-2 4–1 1-1
Minervén 1-1 2–1 5–0
The Strongest 0-0 5-0 7–1

Cruzamentos[editar | editar código-fonte]

Oitavas de final Quartas de final Semifinais Final
 14/28 de abril, 24 de julho  27 de julho e 3 de agosto  10 e 18 de agosto  24 e 31 de agosto
                                                 
 Colômbia Independiente Medellín 1 2 3  
 Peru Universitario 2 0 2  
   Colômbia Independiente Medellín 0 0 0  
   Colômbia Atlético Júnior 2 0 2  
 Chile Colo-Colo 1 2 3 (3)
 Colômbia Atlético Júnior 1 2 3 (4)  
   Colômbia Atlético Júnior 2 1 3 (4)  
   Argentina Vélez Sarsfield (p) 1 2 3 (5)  
 Equador Emelec 0 3 3 (2)  
 Venezuela Minervén (p) 2 1 3 (4)  
   Venezuela Minervén 0 0 0
   Argentina Vélez Sarsfield 0 2 2  
 Argentina Vélez Sarsfield (p) 1 0 1 (4)
 Uruguai Defensor Sporting 1 0 1 (2)  
   Argentina Vélez Sarsfield (p) 1 0 1 (5)
   Brasil São Paulo 0 1 1 (3)
 Paraguai Olimpia 1 2 3  
 Equador Barcelona 0 1 1  
   Paraguai Olimpia 1 2 3
   Bolívia Bolívar 0 0 0  
 Bolívia Bolívar 2 4 6
 Bolívia The Strongest 1 0 1  
   Paraguai Olimpia 1 1 2 (4)
   Brasil São Paulo (p) 2 0 2 (5)  
 Brasil São Paulo 0 2 2  
 Brasil Palmeiras 0 1 1  
   Brasil São Paulo 1 4 5
   Chile Unión Española 1 3 4  
 Brasil Cruzeiro 0 0 0
 Chile Unión Española 0 1 0  

Fase final[editar | editar código-fonte]

Oitavas-de-final[editar | editar código-fonte]

Chave A
14 de abril, 1994
The Strongest 1–2 Bolívar La Paz
24 de abril, 1994
Bolívar 4–0 The Strongest La Paz
Chave B
20 de abril, 1994
Junior de Barranquilha 1–1 Colo Colo Barranquilha
24 de abril, 1994
Colo Colo 2–2
(pen 3-4)
Junior de Barranquilha Santiago
Chave C
20 de abril, 1994
Barcelona de Guayaquil 0–1 Olímpia Guayaquil
27 de abril, 1994
Olímpia 2–1 Barcelona de Guayaquil Assunção
Chave D
21 de abril, 1994
Defensor Sporting 1–1 Vélez Sarsfield Montevidéu
27 de abril, 1994
Vélez Sarsfield 0–0
(pen 4-2)
Defensor Sporting Buenos Aires
Chave E
20 de abril, 1994
Minervén 2–0 Emelec Puerto Ordaz
27 de abril, 1994
Emelec 3–1
(pen 2-4)
Minervén Guayaquil
Chave F
21 de abril, 1994
Unión Española 1–0 Cruzeiro Santiago
28 de abril, 1994
Cruzeiro 0–0 Unión Española Belo Horizonte
Chave G
27 de abril, 1994
Palmeiras 0–0 São Paulo São Paulo
24 de julho, 1994
São Paulo 2–1 Palmeiras São Paulo
Chave H
20 de abril, 1994
Universitário 2–1 Independiente Medellín Lima
27 de abril, 1994
Independiente Medellín 2–0 Universitário Medellín

Quartas-de-final[editar | editar código-fonte]

Chave 1
27 de julho, 1994
Minervén 0–0 Vélez Sarsfield Puerto Ordaz
3 de agosto, 1994
Vélez Sarsfield 2–0 Minervén Montevidéu

Chave 2

29 de julho, 1994
Unión Española 1–1 São Paulo Santiago
3 de agosto, 1994
São Paulo 4–3 Unión Española São Paulo
Chave 3
27 de julho, 1994
Bolívar 0–1 Olímpia La Paz
3 de agosto, 1994
Olímpia 2–0 Bolívar Assunção
Chave 4
27 de julho, 1994
Independiente Medellín 0–2 Junior Barranquilla Medellín
3 de agosto, 1994
Junior de Barranquilha 0–0 Independiente Medellín' Barranquilha

Semifinais[editar | editar código-fonte]

Semifinal A
10 de agosto, 1994
Junior de Barranquilha 2–1 Vélez Sarsfield Barranquilha
17 de agosto, 1994
Vélez Sarsfield 2–1
(pen 5-4)
Junior de Barranquilha Buenos Aires
Semifinal B
10 de agosto, 1994
São Paulo 2–1 Olímpia São Paulo
17 de agosto, 1994
Olímpia 1–0
(pen 3-4)
São Paulo Assunção


Vélez Sarsfield e São Paulo estão classificados para a Final.

Final[editar | editar código-fonte]

Jogo de ida
24 de agosto de 1994 Vélez Sarsfield Argentina 1–0 Brasil São Paulo José Amalfitani, Buenos Aires, Argentina

Asad Gol marcado aos 35 minutos de jogo 35' Relatório Público: 51 000
Árbitro: Colômbia José Joaquín Torres

Vélez Sarsfield: Chilavert, Zandoná, Trotta, Sotomayor e Cardozo; Basualdo, Gomez, Bassedas e Pompei; Turu Flores (Fabián Fernandéz) e Asad (Claudio Husain). Técnico: Carlos Bianchi.

São Paulo: Zetti, Vítor, Júnior Baiano, Gilmar e André Luiz; Válber, Axel, Cafu e Palhinha (Juninho Paulista); Euller e Müller. Técnico: Telê Santana.


Jogo de volta
31 de agosto de 1994 São Paulo Brasil 1–0 Argentina Vélez Sarsfield Morumbi, São Paulo, Brasil

Müller Gol marcado aos 33 minutos de jogo 33' Relatório Público: 90 000
Árbitro: Uruguai Ernesto Filippi
    Penalidades  
Palhinha Erro
André Luiz Convertido
Müller Convertido
Euller Convertido
3–5 Trotta Convertido
Chilavert Convertido
Zandoná Convertido
Almandoz Convertido
Pompei Convertido
 

São Paulo: Zetti, Vítor (Juninho Paulista), Júnior Baiano, Gilmar e André Luiz; Válber, Axel, Cafu e Palhinha; Euller e Müller. Técnico: Telê Santana.

Vélez Sarsfield: Chilavert, Zandoná, Trotta, Almandoz e Cardozocartão vermelho; Basualdo (Pompei), Gomez, Bassedas e Pellegrino; Turu Flores (Cláudio Husain) e Asad. Técnico: Carlos Bianchi.


Libertadores 1994
Flag of Argentina.svg
VÉLEZ SARSFIELD
Campeão
(1º título)