Economia de Papua-Nova Guiné

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Economia da Papua-Nova Guiné
Port Moresby.
Moeda kina
Ano fiscal Ano calendário
Blocos comerciais OMC, APEC
Estatísticas
PIB 18,45 mil milhões (2012) (135º lugar)
Variação do PIB 7,7% (2012)
PIB per capita 2 700 (2012)
PIB por setor agricultura 27,9%, indústria 38,5%, comércio e serviços 33,6% (2012)
Inflação (IPC) 6,2% (2012)
População
abaixo da linha de pobreza
37% (2002)
Força de trabalho total 3 986 000 (2012)
Desemprego 1,9% (2005)
Principais indústrias processamento de copra, processamento de óleo de palma, produção de madeira compensada e pedaços de madeira, mineração (ouro, prata, cobre), produção e refino de petróleo, construção civil, turismo
Exterior
Exportações US$7 362 milhões (2012)
Produtos exportados petróleo, ouro, minério de cobre, troncos de árvore, óleo de palma, café, cacau, lagostim, camarão
Principais parceiros de exportação Austrália 31,5%, Japão 7%, República Popular da China 6,2%
Importações US$ 5 269 milhões (2012)
Produtos importados máquinas e equipamentos de transporte, manufaturados, alimentos, combustíveis, produtos químicos
Principais parceiros de importação Austrália 36,9%, Singapura 14,1%, Malásia 9,1%, República Popular da China 7%, Japão 5%, Indonésia 4,7%, Estados Unidos 4,7%
Dívida externa bruta 4,86 mil milhões (2012)
Finanças públicas
Receitas 4 962 milhões (2012)
Despesas 4 942 milhões (2012)
Fonte principal: [[1] The World Factbook]
Salvo indicação contrária, os valores estão em US$

A Papua-Nova Guiné faz parte do tratado internacional chamado APEC (Asia-Pacific Economic Cooperation), um bloco econômico que tem por objetivo transformar o Pacífico numa área de livre comércio e que engloba economias asiáticas, americanas e da Oceania.

Comércio exterior[editar | editar código-fonte]

Em 2020, o país foi o 83º maior exportador do mundo (US $ 11,7 bilhões, 0,1% do total mundial).[2][3] Já nas importações, em 2019, foi o 135º maior importador do mundo: US $ 4,2 bilhões.[4]

Setor primário[editar | editar código-fonte]

Agricultura[editar | editar código-fonte]

Papua-Nova Guiné produziu, em 2019[5]:

  • 2,6 milhões de toneladas de óleo de palma (8º maior produtor do mundo);
  • 1,4 milhão de toneladas de banana;
  • 1,1 milhão de toneladas de coco (8º maior produtor do mundo);
  • 743 mil toneladas de batata doce;
  • 378 mil tolenadas de inhame;
  • 271 mil de toneladas de taro;
  • 243 mil toneladas de milho verde;
  • 175 mil toneladas de cana de açúcar;
  • 155 mil tolenadas de mandioca;
  • 55 mil toneladas de café;
  • 45 mil toneladas de cacau;
  • 5,8 mil toneladas de chá;

Além de outras produções de outros produtos agrícolas.[5]

Pecuária[editar | editar código-fonte]

Na pecuária, Papua-Nova Guiné produziu, em 2019: 425 mil toneladas de carne de caça; 82 mil toneladas de carne suína, entre outros.[6]

Setor secundário[editar | editar código-fonte]

Indústria[editar | editar código-fonte]

O Banco Mundial lista os principais países produtores a cada ano, com base no valor total da produção. Pela lista de 2019, Papua-Nova Guiné tinha a 152ª indústria mais valiosa do mundo (US $ 0,4 bilhões).[7]

Em 2018, o país foi o 11º maior produtor do mundo de óleo de coco (26,7 mil toneladas).[8]

  • Indústrias: lã, mineração, prata, cobre, construção.

Mineração[editar | editar código-fonte]

Em 2019, o país era o o 8º maior produtor mundial de cobalto[9] e o 15º maior produtor mundial de ouro.[10]

Na produção de prata, em 2017 o país produziu 90 toneladas.[11]

Energia[editar | editar código-fonte]

Nas energias não-renováveis, em 2020, o país era o 55º maior produtor de petróleo do mundo, 40,2 mil barris/dia.[12] Em 2011, o país consumia 36,3 mil barris/dia (109º maior consumidor do mundo).[13][14] O país foi o 72º maior importador de petróleo do mundo em 2012 (14,8 mil barris/dia).[12] Em 2015, Papua-Nova Guiné era o 42º maior produtor mundial de gás natural, 9,8 bilhões de m3 ao ano. Em 2015 era o 103º maior consumidor do mundo (0,1 bilhões de m3 ao ano).[15] O país não produz carvão.[16]

Nas energias renováveis, em 2020, Papua-Nova Guiné não produzia energia eólica, nem energia solar.[17]

Produto Interno Bruto[editar | editar código-fonte]

  • Produto Nacional Bruto: PNB - paridade de poder de compra - $9,2 bilhões (1994)
  • Produto Nacional Bruto taxa de crescimento real: 6,1% (1994)
  • Produto Nacional Bruto por pessoa: $2.142,15 (1994)
  • Taxa de inflação (preços ao consumidor): 1,6% (1994)
  • Taxa de desemprego: ND%
  • Orçamento:
    • receita: $1,33 bilhões
    • despesas: $1,36 bilhões.
  • Dívida externa: $3,2 bilhões (1992)
  • Moeda: 1 kina (K) = 100 toea
  • Taxa de câmbio: kina (K) por US$1 - 0,8565 (Dezembro 1994). 0,9950 (1994). 1,0221 (1993). 1,0367 (1992). 1,0504 (1991). 1,0467 (1990);

Comunicações[editar | editar código-fonte]

Telefone
  • Linhas usadas : 70000 (1987)
Rádio
Televisão
  • Estações: 2 (1987)
  • Aparelhos: ND

Referências[editar | editar código-fonte]