Economia da Jamaica

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto.
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Economia da Jamaica
Praia em Negril, com restaurante e hotel.
Moeda Dólar da Jamaica
Ano fiscal 1 de abril - 31 de março
Blocos comerciais OMC, Caricom, Grupo dos 77
Estatísticas
PIB 25,18 mil milhões (2012) (122º lugar)
Variação do PIB 0,9% (2012)
PIB per capita 9 100 (2012)
PIB por setor agricultura 6,5%, indústria 29,9%, comércio e serviços 63,5% (2012)
Inflação (IPC) 6,8% (2012)
População
abaixo da linha de pobreza
16,5% (2009)
Força de trabalho total 1 325 000 (2012)
Desemprego 14,2% (2006)
Principais indústrias turismo, bauxita e alumina, processamento agrícola, manufaturas leves, rum, cimento, metais, papel, produtos químicos, telecomunicações
Exterior
Exportações US$1 718 milhões (2012)
Produtos exportados alumina, bauxita, açúcar, rum, café, inhame, bebidas, produtos químicos, roupas, combustíveis minerais
Principais parceiros de exportação Estados Unidos 36,8%, Canadá 18,1%, Países Baixos 7,3%, Reino Unido 5,4%, Noruega 4,3%
Importações US$ 6 019 milhões (2012)
Produtos importados alimentos e outros bens de consumo, suprimentos industriais, combustível, peças e acessórios de bens de capital, máquinas e equipamentos de transportes, materiais de construção
Principais parceiros de importação Estados Unidos 32,8%, Venezuela 15%, Trinidad e Tobago 14,2%, República Popular da China 6,3%, México 4,1%
Dívida externa bruta 14,6 mil milhões (2012)
Finanças públicas
Receitas 3 830 millhões (2012)
Despesas 4 764 milhões (2012)
Fonte principal: [[1] CIA World Fact Book]
Salvo indicação contrária, os valores estão em US$

Em termos de economia, a Jamaica se destaca pelas seguintes riquezas:

  • Produtos agrícolas: cana-de-açúcar, milho, mandioca, café, cacau, frutas cítricas, banana e tabaco.
  • Mineral,Minerais: o país é o primeiro produtor mundial de bauxita.
  • Indústria: alimentos, têxteis, cimento, máquinas agrícolas e o famoso rum jamaicano.
  • Turismo: a Jamaica atrai milhões de turistas por suas paisagens exuberantes em flora e fauna, praias ensolaradas e uma infraestrutura que oferece bons hotéis, balneários litorâneos e eficiente sistema de transportes e comunicações.

Na Jamaica, a agricultura é a principal atividade econômica e concentra-se na plantação de cana-de-açúcar. Além desta cultura, o solo jamaicano favorece o cultivo de mandioca, milho, café, cacau, banana, frutas cítricas (limão, laranja e abacaxi) e tabaco. Além da agricultura, o país se destaca na mineração, sendo o maior exportador mundial de bauxita. O setor pesqueiro e o turismo também são atividades importantes. A ilha localiza-se em uma zona equatorial em que o clima é, durante todo ano, quente e úmido, com pluviosidade alta, chuvas bem distribuídas e pouca variação de temperatura, o que favorece um bom desenvolvimento agrícola. Seu solo é rico, logo, é propício para distintas culturas. Na pecuária, a Jamaica investe na criação de gado, que fornece alimento e couro, utilizam a força animal e também o esterco. Na indústria, há a produção de rum, açúcar, fertilizantes e tecidos. Além da bauxita e do açúcar, o país exporta alumínio, tecidos e produtos petrolíferos refinados no próprio país. O país é grande importador de madeira, petróleo, produtos químicos, alimentos e máquinas. Por possuir riquíssima flora e fauna, além de seus traços culturais, a Jamaica atrai milhões de turistas todo o ano, e são estes que compõem grande parte de sua economia.

A descoberta de jazidas de bauxita na década de 1940 mudou a economia do território, até então baseada apenas no cultivo de cana-de-açúcar e banana. Na década de 1970 o país se tornou o maior produtor mundial deste minério.

O país possui muitas facilidades para investidores, incluindo facilidades para repatriar o capital, a postergação do pagamento de impostos por vários anos, além da isenção de impostos e taxas para a importação de bens de capital destinados a empreendimentos aprovados. Mas apesar destes benefícios, a indústria de vestuário têm sofrido redução em suas receitas de exportação e também com o fechamento de fábricas.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Atlas geográfico mundial. Folha da Manhã: São Paulo, 1997.
  • Wikipédia em inglês - economy of Jamaica
  1. CIA. The World Factbook. Página visitada em 17 de março de 2013.