Fernando Teixeira dos Santos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wikitext.svg
Esta página ou seção precisa ser wikificada (desde maio de 2015).
Por favor ajude a formatar esta página de acordo com as diretrizes estabelecidas no livro de estilo.
Teixeira dos Santos
Teixeira dos Santos
Ministro(a) de  Portugal
Período XVII Governo Constitucional
  • Ministro das Finanças
  • Ministro de Estado
  • Ministro da Economia e da Inovação

XVIII Governo Constitucional

  • Ministro das Finanças
  • Ministro de Estado
Antecessor(a) Luís Campos e Cunha
Sucessor(a) Vítor Gaspar
Vida
Nascimento 13 de setembro de 1951 (63 anos)
Moreira (Maia)
Dados pessoais
Partido Independente

Fernando Teixeira dos Santos GOIHGCC (Maia, 13 de setembro de 1951) é um professor de Economia português. Foi Ministro das Finanças entre 2005 e 2011.

É casado com Maria Clementina Pereira Nunes.

Habilitações[editar | editar código-fonte]

Experiência Profissional[editar | editar código-fonte]

  • 1973 a 1975, assistente eventual da Faculdade de Economia do Porto.
  • 1975 a 1985, assistente da Faculdade de Economia do Porto.
  • 1986 a 1991, professor auxiliar da Faculdade de Economia do Porto.
  • 1986 a 1988, responsável pela direcção do Curso de Mestrado em Economia
  • 1987 a 1989, consultor da Comissão de Coordenação da Região Norte.
  • 1988 a 1989, vice-presidente do Conselho Científico.
  • 1991 a 1995, professor associado da Faculdade de Economia da Universidade do Porto.
  • 1992 a 1995, presidente do Conselho Científico da Faculdade de Economia da Universidade do Porto e vice-presidente do Conselho Directivo daquela Faculdade.
  • 1993 a 1995, professor do Instituto Superior de Estudos Financeiros e Fiscais.
  • Outubro de 1995 a Outubro de 1999, Secretário de Estado do Tesouro e das Finanças do XIII Governo Constitucional.
  • Março 2000 a Julho de 2005, presidente do Conselho Directivo da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM):
  • 2000 a 2004, presidente do Comité Executivo da Organização Internacional das Comissões de Valores (IOSCO);
  • 2003 a 2005, presidente do Grupo de Peritos do Comité Europeu de Reguladores de Valores Mobiliários (CESR) encarregado de elaborar o parecer para a Comissão Europeia enunciando as medidas necessárias para implementação da Directiva dos Prospectos;
  • 2004 a 2005, presidente do Comité Regional Europeu da IOSCO.
  • Outras actividades docentes: professor convidado do Centro Regional do Porto da Universidade Católica, professor visitante da Universidade da Carolina do Sul.

Funções governamentais exercidas[editar | editar código-fonte]

Menções e Prémios[editar | editar código-fonte]

  • "Annual Departmental Award for Outstanding Academic Performance by a Graduate Student" para o ano lectivo de 1983/84, concedida pelo De-partamento de Economia da Universidade da Carolina do Sul, Abril de 1984.
  • "Distinguished Alumnus Award" concedido pela 'Darla Moore School of Business', Universidade da Carolina do Sul, Maio de 1998.
  • "Grande-Oficial da Ordem do Infante D. Henrique", 28 de Junho de 2005.[1]
  • "Grã-Cruz da Ordem Militar de Cristo", 10 de Junho de 2015.[2]

Referências

  1. Cidadãos Nacionais Agraciados com Ordens Portuguesas Presidência da República Portuguesa. Visitado em 2015-05-31. "Resultado da busca de "Fernando Teixeira dos Santos"."
  2. Condecorações atribuídas pelo Presidente da República na Sessão Solene comemorativa do 10 de junho, Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas, em Lamego Presidência da República Portuguesa (6 de Junho de 2015). Visitado em 2015-06-10.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]



Precedido por
Luís Campos e Cunha
Ministro de Estado e das Finanças
XVII e XVIII Governos Constitucionais
2005 – 2011
Sucedido por
Vítor Gaspar
Precedido por
Manuel Pinho
Ministro da Economia e da Inovação
XVII Governo Constitucional
2009
Sucedido por
José Vieira da Silva
(como ministro da Economia, da Inovação e do Desenvolvimento)


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.