Copa Libertadores da América de 1966

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Copa Libertadores da América de 1966
VII Copa Libertadores de América
Dados
Participantes 17
Organização CONMEBOL
Local de disputa Flags of the Union of South American Nations.gif América do Sul
Período 30 de janeiro20 de maio
Gol(o)s 289
Partidas 95
Média 3,04 gol(o)s por partida
Campeão Uruguai Peñarol (3º título)
Vice-campeão Argentina River Plate
Melhor marcador Argentina Daniel Onega (River Plate) – 17 gols
Melhor ataque (fase inicial) Argentina River Plate – 23 gols
Melhor defesa (fase inicial) Chile Universidad Católica – 5 gols
Maior goleada
(diferença)
River Plate Argentina 5 – 0 Peru Universitario
Estádio Monumental de NúñezBuenos Aires
2 de março, Grupo 1
◄◄ Libertadores 1965 Soccerball.svg Libertadores 1967 ►►

A Copa Libertadores da América de 1966 foi a 7ª edição da competição de futebol realizada anualmente pela Confederação Sul-Americana de Futebol. Realizou-se entre 30 de janeiro e 20 de maio de 1966.

O Peñarol, do Uruguai, garantiu o título e uma vaga na Copa Intercontinental de 1966, e sagrou-se desta forma o primeiro tricampeão do torneio. Pela primeira vez, nessa edição, participaram do torneio os vice-campeões nacionais, pois até então participavam somente os campeões de cada país. Por entender que tal modificação descaracterizava a competição, o Brasil não participou, assim como a Colômbia.

Equipes classificadas[editar | editar código-fonte]

País Equipe Cidade Classificação Títulos Participação
 Argentina
(2 vagas + atual campeão)
Independiente Avellaneda Campeão da Copa Libertadores de 1965 2 (1964, 1965)
Boca Juniors Buenos Aires Campeão do Campeonato Argentino de 1965 0 (não possui)
River Plate Buenos Aires Vice-campeão do Campeonato Argentino de 1965 0 (não possui)
 Bolívia
(2 vagas)
Deportivo Municipal La Paz Campeão do Campeonato Boliviano de 1965 0 (não possui)
Jorge Wilstermann Cochabamba Vice-campeão do Campeonato Boliviano de 1965 0 (não possui)
 Chile
(2 vagas)
Universidad de Chile Santiago Campeão do Campeonato Chileno de 1965 0 (não possui)
Universidad Católica Santiago Vice-campeão do Campeonato Chileno de 1965 0 (não possui)
Equador
(2 vagas)
Emelec Guayaquil Campeão do Campeonato Equatoriano de 1965 0 (não possui)
9 de Octubre Guayaquil Vice-campeão do Campeonato Equatoriano de 1965 0 (não possui)
 Paraguai
(2 vagas)
Olimpia Assunção Campeão do Campeonato Paraguaio de 1965 0 (não possui)
Guaraní Assunção Vice-campeão do Campeonato Paraguaio de 1965 0 (não possui)
 Peru
(2 vagas)
Alianza Lima Lima Campeão do Campeonato Peruano de 1965 0 (não possui)
Universitario Lima Vice-campeão do Campeonato Peruano de 1965 0 (não possui)
Uruguai
(2 vagas)
Peñarol Montevidéu Campeão do Campeonato Uruguaio de 1965 2 (1960, 1961)
Nacional Montevidéu Vice-campeão do Campeonato Uruguaio de 1965 0 (não possui)
 Venezuela
(2 vagas)
Lara Barquisimeto Campeão do Campeonato Venezuelano de 1965 0 (não possui)
Deportivo Italia Caracas Vice-campeão do Campeonato Venezuelano de 1965 0 (não possui)

Critérios de desempate[editar | editar código-fonte]

Em cada fase do torneio as equipes recebem 2 pontos por vitória, um ponto por empate e nenhum ponto por derrota. Se duas ou mais equipes são iguais em pontos, os seguintes critérios serão aplicados para determinar a classificação na fase de grupos:

  1. um Playoff desempate;
  2. diferença superior de gols;
  3. draw of lots.

Primeira fase[editar | editar código-fonte]

Grupo 1[editar | editar código-fonte]

Equipe Pts J V E D GP GC SG
Argentina River Plate 17 10 8 1 1 23 8 +15
Argentina Boca Juniors 14 10 7 0 3 19 9 +10
Peru Universitario 11 10 4 3 3 10 13 –3
Venezuela Deportivo Italia 10 10 4 2 4 15 18 –3
Peru Alianza Lima 4 10 2 0 8 9 16 –7
Venezuela Lara FC 4 10 1 2 7 5 17 –12
  ALI BOC DIT LFC RIV UNI
Alianza Lima 0–1 1–2 3–0 0–2 1–1*
Boca Juniors 0–1 5–2 2–1 2–0 2–0
Deportivo Italia 3–1 1–2 1–0 0–3 2–2
Lara FC 2–1 0–3 1–1 1–2 2–2
River Plate 3–2 2–1 2–1 3–0 5-0
Universitario 2–0 2–1 1–2 1–0 1–1

* O Alianza Lima perdeu o ponto do jogo por ter escalado um jogador de forma irregular, deixando o resultado de 1 a 0 para efeito de tabela.

Grupo 2[editar | editar código-fonte]

Equipe Pts J V E D GP GC SG
Chile Universidad Católica 7 6 2 3 1 9 5 +4
Paraguai Guaraní 6 6 2 2 2 9 9 0
Paraguai Olimpia 6 6 2 2 2 7 10 –3
Chile Universidad de Chile 5 6 1 3 2 6 7 –1
  GUA OLI UCA UCH
Guaraní 2–0 3–1 1–1
Olimpia 3–3 0–4 2–0
Universidad Católica 2–0 0–0 2–2
Universidad de Chile 2–0 1–2 0–0
Jogo Desempate
23/03 Guaraní Paraguai 2–1 Paraguai Olimpia Assunção

Grupo 3[editar | editar código-fonte]

Time Pts J V E D GP GC SG
Uruguai Peñarol 16 10 8 0 2 20 10 +10
Uruguai Nacional 15 10 7 1 2 22 10 +12
Bolívia Jorge Wilstermann 10 10 4 2 4 14 14 0
Bolívia Municipal 9 10 4 1 5 21 22 –1
Equador Emelec 8 10 4 0 6 15 18 –3
Equador 9 de Octubre 2 10 1 0 9 13 31 –18
  9OC DMU EME JWI NAC PEN
9 de Octubre 3–4 0–4 3–2 2–3 1–2
Deportivo Municipal 5–1 4–1 1–1 3–2 1–2
Emelec 2–1 2–1 2–1 0–2 1–2
Jorge Wilstermann 4–1 3–0 2–1 0–0 1–0
Nacional 3–1 4–1 1–0 3–0 4–0
Peñarol 2–0 3–1 4–1 2–0 3–0

Semifinais[editar | editar código-fonte]

Chave A[editar | editar código-fonte]

Equipe Pts J V E D GP GC SG
Argentina River Plate 8 6 3 2 1 13 8 +5
Argentina Independiente 8 6 3 2 1 9 6 +3
Argentina Boca Juniors 7 6 2 3 1 7 6 +1
Paraguai Guaraní 1 6 0 1 5 5 14 –9
  BOC GUA IND RIV
Boca Juniors 1–1 0–2 1–0
Guaraní 1–3 0–2 1–3
Independiente 0–0 2–1 1–1
River Plate 2–2 3–1 4–2
Jogo Desempate
10/05 River Plate Argentina 2–1 Argentina Independiente Assunção

Chave B[editar | editar código-fonte]

Time Pts J V E D GP GC SG
Uruguai Peñarol 6 4 3 0 1 6 1 +5
Chile Universidad Católica 4 4 2 0 2 4 5 –1
Uruguai Nacional 2 4 1 0 3 3 7 –4
  NAC PEN UCA
Nacional 0–1 3–2
Peñarol 3–0 2–0
Universidad Católica 1–0 1–0
30 de março Universidad Católica Chile 1 – 0 Uruguai Peñarol Estádio Nacional, Santiago

Ibañez Gol marcado Público: 22 676
2 de abril Universidad Católica Chile 1 – 0 Uruguai Nacional Estádio Nacional, Santiago

Inostroza Gol marcado Público: 40 037
10 de abril Peñarol Uruguai 3 – 0 Uruguai Nacional Centenário, Montevidéu

Rocha Gol marcado, Gol marcado, Gol marcado Público: 55 000
Árbitro: ArgentinaARG Miguel Angel Comesana
14 de abril Nacional Uruguai 3 – 2 Chile Universidad Católica Centenário, Montevidéu

Virgili Gol marcado, Gol marcado
Oyarbide Gol marcado
Tobar Gol marcado
Inostroza Gol marcado
Público: 18 481
19 de abril Peñarol Uruguai 2 – 0 Chile Universidad Católica Centenário, Montevidéu

Rocha Gol marcado
Joya Gol marcado
Público: 62 000
23 de abril Nacional Uruguai 0 – 1 Uruguai Peñarol Centenário, Montevidéu

Cortés Gol marcado Público: 60 000
Árbitro: ArgentinaARG Roberto Goicoechea

Final[editar | editar código-fonte]

Time Pts J V E D GP GC SG
Uruguai Peñarol 4 3 2 0 1 8 5 +3
Argentina River Plate 2 3 1 0 2 5 8 –3
Jogo de ida
14 de maio Peñarol Uruguai 2 – 0 Argentina River Plate Centenário, Montevidéu

Abbadie Gol marcado aos 74 minutos de jogo 74'
Joya Gol marcado aos 84 minutos de jogo 84'
Público: 46 041
Árbitro: ArgentinaARG Roberto Goicoechea
Jogo de volta
18 de maio River Plate Argentina 3 – 2 Uruguai Peñarol El Monumental, Buenos Aires

Daniel Onega Gol marcado aos 37 minutos de jogo 37'
Sarnari Gol marcado aos 56 minutos de jogo 56'
Ermindo Onega Gol marcado aos 69 minutos de jogo 69'
Pedro Rocha Gol marcado aos 35 minutos de jogo 35'
Spencer Gol marcado aos 53 minutos de jogo 53'
Público: 60 000
Árbitro: UruguaiURU José María Codesal
Jogo de desempate
20 de maio River Plate Argentina 2 – 4 (pro) Uruguai Peñarol Nacional, Santiago

Daniel Onega Gol marcado aos 27 minutos de jogo 27'
Solari Gol marcado aos 42 minutos de jogo 42'
Spencer Gol marcado aos 65 minutos de jogo 65' Gol marcado aos 102 minutos de jogo 102'
Abbadie Gol marcado aos 71 minutos de jogo 71'
Pedro Rocha Gol marcado aos 109 minutos de jogo 109'
Público: 40 240
Árbitro: ChileCHI Claudio Vicuña

Premiação[editar | editar código-fonte]

Copa Libertadores da América de 1966
Uruguai
PEÑAROL
Campeão
(3° título)

Artilheiros[editar | editar código-fonte]

Pos. Jogador Equipe Gols
1 Argentina Daniel Onega Argentina River Plate 17
2 Uruguai Pedro Rocha Uruguai Peñarol 10
3 Argentina Alfredo Hugo Rojas Argentina Boca Juniors 7
Uruguai Julio César Morales Uruguai Nacional
Uruguai Orlando Virgili Uruguai Nacional
Venezuela Agostino Nitti Venezuela Deportivo Italia
ArgentinaBolívia Salomón Moyano Bolívia Municipal
Paraguai Gerardo González Paraguai Olimpia
Equador Hugo Lencina Equador Emelec
Equador Cirilo Fernández Equador 9 de Octubre
Bolívia Ausberto García Bolívia Jorge Wilstermann

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.