Etimologia dos nomes das capitais do Brasil

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2011).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Esta é uma lista das origens dos nomes das capitais dos estados brasileiros. A maior parte deles é derivada de toponímicos e hagionímicos em língua portuguesa. Vários deles denotam a religiosidade cristã-católica fervorosa dos colonizadores (Belém, Natal e Salvador). Uma minoria é baseada na língua tupi-guarani ou língua brasílica, um idioma semi-artificial desenvolvido pelos padres jesuítas a partir de línguas nativas distintas para catequese dos indígenas e usado como lingua franca no Brasil entre os séculos XV e XVIII.


Ver também[editar | editar código-fonte]