Francisco Chaves de Oliveira Botelho

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Oliveira Botelho
Presidente do Rio de Janeiro Bandeira do estado do Rio de Janeiro.svg
Mandato de 1 de novembro a
31 de dezembro de 1906
e de 31 de dezembro de 1910
a 31 de dezembro de 1914
Antecessor(a) Nilo Peçanha
Alfredo Backer
Sucessor(a) Alfredo Backer
Nilo Peçanha
Vida
Nascimento 3 de junho de 1868
Montevidéu, Uruguai
Morte 3 de junho de 1943 (75 anos)
Resende, RJ
Dados pessoais
Partido
Profissão médico

Francisco Chaves de Oliveira Botelho, ou simplesmente Oliveira Botelho, (Montevidéu, 19 de fevereiro de 1868Resende, 3 de junho de 1943) foi um médico e político brasileiro.

Nascido na capital uruguaia enquanto seu pai exercia função diplomática, doutorou-se em medicina pela Faculdade de Salvador em 1890. Residiu na cidade de Resende, no Sul Fluminense, onde clinicou por muito tempo.

Foi deputado estadual fluminense de 1901 a 1905. Em 1909, foi eleito deputado federal e no ano seguinte, 1 de novembro a 31 de dezembro de 1906 assumiu pela primeira vez a presidência do estado do Rio de Janeiro, após a eleição de Nilo Peçanha para o governo federal. Foi sucedido por Alfredo Backer.

Voltou ao cargo, dessa vez eleito, em 31 de dezembro de 1910, passando o cargo novamente para Nilo Peçanha, em 31 de dezembro de 1914. Foi ainda eleito para a Câmara dos Deputados em 1926, terminando sua carreira política como ministro da Fazenda de Washington Luís (17 de dezembro de 1927 a 24 de outubro de 1930).

Foi em seu governo que foi mandado construir, em 1913, o conjunto cívico e cultural da Praça da República, no Centro de Niterói, então capital do Estado, para abrigar uma praça monumental, os prédios sede dos três poderes estaduais, da chefatura de polícia, da Escola Central e uma biblioteca pública.

Durante o período de Washington Luís na presidência da República, substituiu Getúlio Vargas no Ministério da Fazenda, quando este se demitiu para candidatar-se ao governo gaúcho, tendo Oliveira Botelho permanecido à frente daquele durante a Crise de 1929 até a Revolução de outubro de 1930.


Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Nilo Peçanha
Presidente do Rio de Janeiro
1 de novembro a 31 de dezembro de 1906
Sucedido por
Alfredo Backer
Precedido por
Alfredo Backer
Presidente do Rio de Janeiro
31 de dezembro de 191031 de dezembro de 1914
Sucedido por
Nilo Peçanha
Precedido por
Getúlio Vargas
Ministro da Fazenda do Brasil
17 de dezembro de 192724 de outubro de 1930
Sucedido por
Agenor Lafayette de Roure


Ícone de esboço Este artigo sobre um político brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.