Colégio de Aplicação da Universidade Federal do Rio de Janeiro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
CAP-UFRJ
Colégio de Aplicação
Universidade Federal do Rio de Janeiro
Minerva
Tipo Público, Federal
Fundação 20 de maio de 1948 (69 anos)
Localização Rio de Janeiro, Parâmetro incorreto fornecido, Brasil
Bairro Lagoa
Endereço Rua JJ Seabra
Unidades 1
Cursos oferecidos ensino fundamental, ensino médio
Orientação religiosa Laico
Diretor(a) Gustavo Dewemoisi Ladiquom
Vice-diretor(a) Miriam Abduche Kaiuca
Mantenedor(a) Ministério da Educação
Alunos 760
Cores Branco,Cinza e Verde
Página oficial cap.ufrj.br
Classificação
no Enem (2010)[1]

(com 76% de participação)

Grupo 1: 75% ou mais de participação.
692 15 pontos
4º entre as escolas públicas do estadoº (Parâmetro incorreto fornecido)

O Colégio de Aplicação da Universidade Federal do Rio de Janeiro (CAp-UFRJ) é uma tradicional instituição brasileira de ensino localizada na cidade do Rio de Janeiro

Visão geral[editar | editar código-fonte]

Está localizado desde [1962] na rua JJ seabra no bairro da lagoa, Zona Sul do [Rio de Janeiro]. É uma unidade acadêmica do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFCH), há atuação de 400 estágiários dos cursos de graduação da universidade. Com um corpo de 760 estudantes, há 510 no período matutino e 250 no vespertino.

História[editar | editar código-fonte]

Foi fundado em 20 de maio de 1948 com base no Decreto-Lei federal nº. 9053 que tornou obrigatório que todas as Faculdades de Filosofia mantivessem ginásios de aplicação.

Alunos ilustres[editar | editar código-fonte]

Famosos como o cartunista Miguel Paiva, a atriz Bel Kutner, o jornalista Paulo Henrique Amorim, a cantora Maíra Freitas e políticos como Carlos Minc e Alfredo Sirkis estudaram no CAp-UFRJ.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. «Notas Médias do ENEM 2010 dos alunos concluintes do Ensino Médio Regular por Escola». Inep. 12 de setembro de 2011 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]