Elliot Page

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Ellen Page)
Elliot Page
Page em 2015
Nascimento 21 de fevereiro de 1987 (34 anos)
Halifax, Nova Escócia
Canadá
Residência Los Angeles, Estados Unidos
Nacionalidade Canadense
Cônjuge Emma Portner (c. 2018–21)
Ocupação
Período de atividade 1997–presente
Principais trabalhos lista
Prêmios lista
Religião nenhuma
Página oficial
página oficial

Elliot Page (anteriormente Ellen Page; Halifax, 21 de fevereiro de 1987), é um ator, diretor e produtor canadense. Page recebeu uma indicação ao Globo de Ouro e ao Oscar por seu papel como protagonista do filme Juno.

Também é conhecido por seus papéis em Hard Candy, Smart People, Whip It, como a mutante Kitty Pryde em X-Men: The Last Stand e X-Men: Days of Future Past e como Ariadne, em Inception. Elliot também recebeu atenção no Canadá, sua terra natal, por seus premiados papéis em Pit Pony e Marion Bridge, bem como pelas séries Trailer Park Boys e Genesis.

Biografia

Page nasceu em Halifax, Nova Escócia, Canadá, filho de Martha Philpotts, uma professora, e Dennis Page, um designer gráfico.[1] Ele frequentou a Halifax Grammar School, passou algum tempo no Queen Elizabeth High School, se formou pela Shambhala School, em 2005. Elliot também passou dois anos em Toronto, Ontário estudando no Interact Program na Vaughan Road Academy, juntamente com o amigo e colega ator canadense, Mark Rendall.[2][3]

Page reside atualmente na cidade de Los Angeles, nos EUA, com a sua esposa, a dançarina Emma Portner, com quem tem um cachorro chamado Patters.[4] Elliot é sonâmbulo.[5] Em 2008, foi uma das 30 celebridades que participou de uma série de anúncios online para U.S. Campaign for Burma, pedindo o fim da ditadura militar na Birmânia.[6] Em 2008, se declarou como sendo feminista.[7] No outono de 2008, participou de projetos de permacultura no Lost Valley Educational Center .[8][9]

Carreira

Page começou a atuar aos quatro anos, aparecendo em várias peças escolares. O primeiro trabalho em frente às câmeras, foi em 1997 quando seu interesse pelo cinema começou aos dez anos de idade, quando foi selecionado para o papel no filme para televisão Pit Pony, da CBC que mais tarde se transformaria em uma série de TV e daria a Elliot o papel principal. Graças ao sucesso da série, em 2000, Elliot foi indicado ao Young Artist Awards, na categoria de melhor desempenho em série dramática de TV e melhor atriz juvenil. Também foi indicado ao Gemini Awards, na categoria de melhor desempenho de criança ou adolescente em série. Essas indicações e o sucesso da série Pit Pony marcaram o começo da carreira de Page.

Isso o levou a mais papéis em séries e a pequenos filmes canadenses, nomeadamente interpretou Treena Lahey na segunda temporada de Trailer Park Boys o que lhe rendeu mais uma indicação ao Gemini Awards, desta vez, na categoria Melhor Elenco. Nos anos seguintes, Elliot continuou atuando em pequenas séries e pequenos filmes como Homeless to Harvard: The Liz Murray Story e Mrs. Ashboro’s Cat.

X-men e reconhecimento na indústria de cinema

Aos dezesseis anos, Page atuou em Mouth to Mouth, um filme independente europeu. Page estrelou o filme Menina Má.com em 2005 e ganhou elogios como "uma das mais complexas, perturbadoras e assombrosas performances do ano".[10] Graças ao sucesso de Hard Candy, Page conseguiu o papel de Lince Negra em X-Men: The Last Stand como Kitty Pryde (Lince Negra), uma adolescente que pode atravessar paredes.‎ Ao interpretar Lince Negra, ele substituiu a atriz Katie Stuart de X-Men 2 (2003), que havia substituído Sumela Kay de X-Men em 2000. Como o personagem-título em Juno, Page recebeu elogios substanciais; A. O. Scott, do New York Times elogiou veementemente seu talento[11] e Roger Ebert disse: "Houve atuação melhor neste ano do que Ellen Page, em Juno? Acho que não".[12] Juno acabou por render para Page uma indicação ao Oscar de Melhor Atriz, perdida para Marion Cotillard em La môme. O papel, porém, conquistou vários outros prêmios, incluindo Canadian Comedy Awards, Independent Spirit Awards e Satellite Awards e uma indicação ao Globo de Ouro de melhor atriz em filme - musical ou comédia.

Page também atuou em Smart People, que estreou no Sundance Film Festival em 2008. Embora o filme tenha sido liberado após Juno, Smart People foi filmado anteriormente.[13] Seus outros créditos incluem An American Crime, que estreou no Sundance Film Festival em 2007; The Tracey Fragments, que foi lançado em novembro de 2007 no Canadá e em maio de 2008 nos Estados Unidos e The Stone Angel, também lançado em 2007.

Page apresentou o Saturday Night Live em 1 de março de 2008,[14] e em 3 de maio de 2009, ainda teve um papel no episódio "Waverly Hills 9-0-2-1-D'oh" da série animada The Simpsons como a personagem "Alasca Nebraska", uma paródia de Hannah Montana.[15] Elliot também estrelou no filme Whip It, que marcou a estreia na direção de Drew Barrymore; o filme conta ainda com Juliette Lewis, Marcia Gay Harden, Drew Barrymore e Kristen Wiig.[16] Whip It estreou no Festival Internacional de Cinema de Toronto e foi lançado em 2 de outubro de 2009.

Page com a co-estrela e diretora Drew Barrymore na premiere de seu filme Whip It em setembro de 2009.

Elliot está no filme de Michael Lander, Peacock, contracenando com Cillian Murphy, Susan Sarandon, Bill Pullman e Josh Lucas, lançado em 2010.[17][18] Em agosto de 2009 Page começou a filmar o thriller, Inception, um filme dirigido por Christopher Nolan e co-estrelado por Leonardo DiCaprio, Marion Cotillard, Joseph Gordon-Levitt e Ken Watanabe.[19] O filme foi lançado em julho de 2010.

Page estrelou o filme Super,[20] e segundo informações atuará em um próximo filme sobre Laurel Hester,[21] policial lésbica de Nova Jersey, que atraiu a atenção nacional com seu recurso no leito de morte para a extensão dos benefícios de pensão para parceiros domésticos.

Em 2007, ele foi anexado para interpretar a personagem título em uma adaptação para o cinema do romance de Charlotte Brontë, Jane Eyre[22][23] e tinha planejado trabalhar no filme Jack and Diane com Olivia Thirlby, com quem co-estrelou em Juno,[24] mas foi anunciado em agosto de 2009 que o seu papel em Jack and Diane passaria a ser desempenhado pela atriz Alison Pill. Antes da morte de Heath Ledger, Page tinha discutido com o ator estrelar no filme que este dirigiria, The Queen's Gambit.[25] A partir de 2010 Page foi porta-voz em uma série de anúncios para a Cisco Systems.

Elliot Page na Comic Con de San Diego no ano de 2013.

Em 26 de maio de 2010, foi relatado em uma coluna no "Deadline Hollywood" e pelo Entertainment Weekly que Page vai estrelar a nova série da HBO, Tilda, ao lado de Diane Keaton, que desempenha o papel principal. Tilda baseia-se na vida de Nikki Finke, o fundador do influente blog de Hollywood, DeadlineHollywood.com.Tilda foi deixada cair pela HBO devido ao atrito entre os criadores. Ele também narrou o documentário sobre transtorno de colapso de colônias, Vanishing of the Bees, dirigido por Maryam Henein.

Em abril de 2011, foi anunciado que Page seria co-estrela no filme de Woody Allen para Roma com amor ao lado de Jesse Eisenberg, Penélope Cruz e Alec Baldwin. Em junho de 2012, o Quantic Dream anunciou um videogame intitulado Beyond: Two Souls em que Page e Willem Dafoe retratam os protagonistas Jodie Holmes e Nathan Dawkins, respectivamente. Foi lançado em 8 de outubro de 2013, na América do Norte. Page voltou a interpretar Kitty Pryde em X-Men: Days of Future Past (2014). Em fevereiro de 2013, Page confirmou que sua estreia como diretor seria intitulada Miss Stevens, mas ele depois abandonou o projeto. Em dezembro de 2014, Page interpretou Han Solo em uma leitura em palco de Star Wars: The Empire Strikes Back.[26]

Page co-estrelou o filme de suspense de Zal Batmanglij em 2013, The East, um filme inspirado nos thrillers da década de 1970, em substituição a January Jones. No mesmo ano, estrelou o Touchy Feely de Lynn Shelton ao lado de Rosemarie DeWitt. Page estrelou o filme Tallulah ao lado de Allison Janney, e teve dois outros lançamentos para 2015, o drama canadense Into the Forest e Peter Sollett's Freeheld.

Em 2019, Page estrelou a série da Netflix The Umbrella Academy, adaptada da graphic novel homônima.

Vida pessoal

Elliot pratica basquetebol, futebol, atletismo, ciclismo, snowboarding e natação, ele ganhou o apelido de "The Tiny Canadian" ("Mini Canadense") de suas colegas de quarto em Nova York. Entre seus filmes favoritos estão Les quatre cents coups (Os Incompreendidos), My Summer of Love, Thank You for Smoking, suas atrizes favoritas são Kate Winslet, Catherine Keener, Samantha Morton, Laura Linney e Emily Blunt.

Na conferência Time to Thrive, em fevereiro de 2014, quando ainda se apresentava como mulher, Elliot assumiu ser homossexual. Em frente à jovem plateia LGBT no Hotel e Cassino Bally’s, em Las Vegas, Elliot disse as frases: "Me cansei de esconder, e me cansei de mentir por omissão. Estou aqui hoje porque sou lésbica, e porque talvez eu possa fazer a diferença" e "eu sofri durante anos, porque estava com medo de sair do armário. Meu espírito sofreu, minha saúde mental sofreu, meus relacionamentos sofreram. E eu estou aqui hoje, com todos vocês, no outro lado da dor."[27] Ele também alegou que durante as filmagens de X-Men: The Last Stand, o diretor Brett Ratner revelou ao resto da equipe sobre sua orientação sexual.[28]

Em janeiro de 2018, anunciou ter se casado com a dançarina Emma Portner.[29][30] O casal se separou no verão de 2020 e Page pediu o divórcio em janeiro de 2021.[31][32]

Em 1 de dezembro de 2020, anunciou ser transgênero e queer, que mudara seu nome para Elliot, e que passaria a adotar os pronomes masculino ou o pronome neutro they.[33]

Filmografia

Cinema

Ano Título Papel
1997 Pit Pony Maggie MacLean (para a TV)
2002 Marion Bridge Joanie
The Wet Season Jocelyn
2003 Mrs. Ashboro's Cat Natalie Merritt (para a TV)
Touch & Go Trish
Homeless to Harvard: The Liz Murray Story Lisa (jovem) - para a TV
Going for Broke Jennifer (para a TV)
Love That Boy Suzanna
2004 I Downloaded a Ghost Stella Blackstone (para a TV)
Wilby Wonderful Emily Anderson
2005 Hard Candy Hayley Stark
Mouth to Mouth Sherry
2006 X-Men: The Last Stand Kitty Pryde / Lince Negra
2007 An American Crime Sylvia Likens
The Tracey Fragments Tracey Berkowitz
Juno Juno MacGuff
The Stone Angel Arlene
2008 Smart People Vanessa Wetherhold
2009 Whip It Bliss Cavendar
2010 Peacock Maggie
Inception Ariadne
Super Libby/Boltie
2011 Tilda Caroyln (para a TV)
Freeheld Stacie Andree
2012 To Rome with Love Monica
2013 Touchy Feely Jenny
The East Izzy
2014 X-Men: Days of Future Past Kitty Pryde / Lince Negra
2015 Into The Forest Nell
Freeheld Stacie Andree
2016 Tallulah Tallulah "Lu"
Window Horses Kelly (voz)
My Life as a Zucchini Rosy (voz)
2017 My Days of Mercy Lucy
The Cured Abbie
Flatiners Courtney
2019 There's Something in the Water Ele mesmo; documentário, também diretor
TBA Naya Legend of the Golden Dolphins Duscky (voz)
TBA Robodog Izzy (voz)

Televisão

Ano Título Papel Episódios
1999–2000 Pit Pony Maggie MacLean 29 episódios
2002 Rideau Hall Helene 1 episódio
2001–2002 Trailer Park Boys Treena Lahey 5 episódios
2004 ReGenesis Lilith Sandstrom 8 episódios
2008 Saturday Night Live Apresentadora
2009 The Simpsons Alaska Nebraska (voz) 1 episódio
2019–presente The Umbrella Academy Vanya Hargreeves Elenco Principal
2019–presente Tales of the City Shawna Hawkins Elenco Principal

Jogos eletrônicos

Ano Título Papel Detalhes
2013 Beyond: Two Souls Jodie Holmes Protagonista

Prêmios e indicações

Ano Resultado Premiação Categoria Título
2000 Indicado Gemini Awards Melhor desempenho de criança ou adolescente em uma série Pit Pony
2002 Indicado Young Artist Awards Melhor desempenho em série dramática
2003 Indicado Gemini Awards Melhor desempenho em série de comédia Trailer Park Boys
Venceu ACTRA Awards Melhor atriz Marion Bridge
2004 Indicado Gemini Awards Melhor desempenho de criança ou adolescente em uma série Mrs. Ashboro's Cat
Venceu Atlantic Canadian Awards Melhor atriz Wilby Wonderful
2005 Indicado Genie Awards Melhor atriz coadjuvante
Indicado Gemini Awards Melhor atriz coadjuvante em uma série de drama ReGenesis
2007 Venceu TFCA Award Melhor atriz Juno
Venceu Satellite Awards
Venceu PFCS Awards Melhor revelação
Indicado OFCS Awards Melhor performance estreante Hard Candy
Venceu NBR Award Melhor performance estreante - feminino Juno
Venceu Sierra Awards Melhor atriz
Venceu Hollywood Breakthrough Awards Revelação do ano
Venceu Gotham Awards
Venceu Pauline Kael Breakout Awards
Venceu FFCC Awards Melhor atriz
Indicado Empire Awards Melhor atriz novata Hard Candy
Indicado Chlotrudis Awards Melhor atriz
Venceu CFCA Awards Juno
Venceu Austin Film Critics Awards Hard Candy
Venceu Juno
Venceu Canadian Awards The Tracey Fragments
2008 Venceu VFCC Awards Melhor atriz
Venceu Teen Choice Awards Escolha de estreia feminina no cinema Juno
Venceu Escolha de atriz de cinema: comédia
Indicado Screen Actors Guild Awards Excelente performance de atriz principal
Indicado Virtuoso Awards
Indicado OFCS Awards Melhor atriz
Indicado National Movie Awards
Indicado MTV Movie Awards Melhor beijo
Venceu Melhor performance feminina
Venceu Independent Spirit Awards Melhor atriz
Indicado Globo de Ouro Melhor atriz em um filme - musical ou comédia
Indicado Genie Awards Melhor atriz principal The Tracey Fragments
Indicado Chlotrudis Awards Melhor atriz Juno
Venceu COFCA Awards
Indicado Critics Choice Awards
Indicado Rising Star Awards
Indicado BAFTA Awards Melhor atriz principal
Indicado Oscar Melhor atriz
2009 Indicado Empire Awards

Referências

  1. Maher, Kevin (27 de outubro de 2007). «Ellen Page isn't fazed by her scripts». The Times. Londres. Consultado em 21 de junho de 2009 
  2. Lisk, Dean (20 de dezembro de 2007). «Page making a scene on screen». The Daily News. Consultado em 16 de janeiro de 2008 [ligação inativa]
  3. «Profile: Ellen Page - Entertainment Celebrity Gossip - MSN Entertainment UK» 
  4. «Ellen Page's instagram.». Instagram  https://www.instagram.com/ellenpage/
  5. «Interview with Ellen Page». The Barbara Walters Special. 24 de fevereiro de 2008 
  6. «Trying to Put a Name to the Face of Evil» 
  7. «"People always see a movie and project how you're going to be."» 
  8. «Ellen Page Likes Shoveling Goat Shit» 
  9. «A 'comfortable' Ellen Page rolls back into stardom with 'Whip It'». USA Today. USATODAY.com 
  10. Puig, Claudia (22 de dezembro de 2006). «Ellen: Manipulates Hard Candy to great effect». USA Today: E2 
  11. Scott, A.O.. "Seeking Mr. and Mrs. Right for a Baby on the Way", The New York Times, 5 de dezembro de 2007
  12. Ebert, Roger. Crítica de Juno, Chicago Sun-Times, 14 de dezembro de 2007
  13. Noam Muro (2008). smart people (dvd). Mirmax 
  14. Collins, Leah (12 de fevereiro de 2008). «Ellen Page tapped for SNL, Walters special». canada.com. Consultado em 15 de fevereiro de 2008. Arquivado do original em 2 de junho de 2008 
  15. Keveney, Bill (25 de setembro de 2008). «The Simpsons hits a landmark». USA Today. Consultado em 25 de setembro de 2008 
  16. «VemAí: "Whip It", com Ellen Page e Drew Barrymore». Consultado em 26 de março de 2010. Arquivado do original em 11 de abril de 2011 
  17. Siegel, Tatiana (14 de fevereiro de 2008). «Page, Murphy set for Peacock». Variety. Consultado em 14 de fevereiro de 2008. Arquivado do original em 21 de julho de 2010 
  18. «Iowans shine as stars' doubles». The Des Moines Register. DesMoinesRegister.com [ligação inativa]
  19. Fleming, Michael. «Trio in talks for Inception directed by Christopher Nolan - Entertainment News, Los Angeles, Media». Variety. Consultado em 19 de abril de 2009 
  20. Kay2009-09-11T08:09:00+01:00, Jeremy. «Rainn Wilson, Ellen Page, Liv Tyler join Super for Ted Hope». Screen (em inglês). Consultado em 1 de dezembro de 2020 
  21. «Ellen Page To Play Lesbian». Starpulse. Consultado em 6 de janeiro de 2009 
  22. «Ellen Page takes on Jane Eyre». Variety. Consultado em 26 de março de 2010. Arquivado do original em 10 de junho de 2010 
  23. «Fukunaga Boards Jane Eyre Remake». ComingSoon (em inglês). 21 de outubro de 2009. Consultado em 1 de dezembro de 2020 
  24. «Independently Intimate Directors». The New York Times. 15 de abril de 2009. Consultado em 21 de junho de 2009 
  25. Cazzulino, Michelle (29 de março de 2008). «Heath Ledger's gambit to be a director». The Daily Telegraph. News.com.au. Consultado em 19 de abril de 2009. Arquivado do original em 1 de fevereiro de 2009 
  26. «Ellen Page is Han Solo, Jessica Alba is Princess Leia for Jason Reitman's live read». The A.V. Club (em inglês). Consultado em 31 de maio de 2021 
  27. «ELLEN PAGE 'I'M GAY'» 
  28. Levin, Sam (10 de novembro de 2017). «Ellen Page says Brett Ratner outed her as gay in sexual remark when she was 18». The Guardian 
  29. Miller, Mike (3 de janeiro de 2018). «Surprise! Ellen Page Is Married to Emma Portner». People. Consultado em 3 de janeiro de 2018 
  30. Bryant, Nolan (13 de outubro de 2017). «Ottawa-born choreographer Emma Portner challenges dance's gender and artistic conventions». The Globe and Mail. Consultado em 24 de fevereiro de 2018 
  31. Bueno, Antoinette. «Elliot Page Files for Divorce From Wife Emma Portner». Entertainment Tonight. Consultado em 26 de janeiro de 2021 
  32. Steinmetz, Katy (16 de março de 2021). «Elliot Page Is Ready for This Moment». Time. Consultado em 19 de março de 2021. Cópia arquivada em 16 de março de 2021 
  33. «Ellen Page anuncia que é transgênero e muda nome para Elliot». G1. Grupo Globo. 1 de dezembro de 2020. Consultado em 1 de dezembro de 2020 

Ligações externas

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre Elliot Page:
Commons Categoria no Commons
Wikinotícias Notícias no Wikinotícias
Wikidata Base de dados no Wikidata