X-Men: Dias de um Futuro Esquecido

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
X-Men: Days of Future Past
X-Men: Dias de um Futuro Esquecido (PT/BR)
Pôster promocional
 Estados Unidos
2014 •  cor •  131 min 
Direção Bryan Singer
Produção Lauren Shuler Donner
Simon Kinberg
Hutch Parker
Bryan Singer
Produção executiva Stan Lee
Todd Hallowell
Josh McLaglen
Roteiro Simon Kinberg
História Jane Goldman
Simon Kinberg
Matthew Vaughn
Baseado em Dias de um Futuro Esquecido por Chris Claremont
John Byrne
Elenco Hugh Jackman
James McAvoy
Michael Fassbender
Jennifer Lawrence
Halle Berry
Nicholas Hoult
Shawn Ashmore
Ellen Page
Peter Dinklage
Anna Paquin
Omar Sy
Ian McKellen
Patrick Stewart
Gênero filme de ação
filme de ficção científica
Música John Ottman
Cinematografia Newton Thomas Sigel
Edição John Ottman
Companhia(s) produtora(s) Marvel Entertainment
TSG Enrtertainment
Bad Hat Harry Productions
The Donner's Company
Kinberg Genre
Distribuição 20th Century Fox
Lançamento Brasil 22 de maio de 2014
Portugal 22 de maio de 2014
Estados Unidos 23 de maio de 2014
Idioma língua inglesa
Orçamento US$ 200 milhões[1]
Receita US$ 747.862.775[2]
Cronologia
The Wolverine
(2013)
X-Men: Apocalypse
(2016)
Site oficial
Página no IMDb (em inglês)

X-Men: Dias de um Futuro Esquecido[3][4][5][6] (em inglês: X-Men: Days of Future Past é um filme de ficção científica americano de 2014, produzido e dirigido por Bryan Singer e distribuído pela 20th Century Fox. É o sétimo filme baseado nos super-heróis X-Men da Marvel Comics, servindo como uma continuação tanto de X-Men: The Last Stand (2006) quanto de X-Men: First Class (2011). O enredo, inspirado na saga "Dias de um Futuro Esquecido" (1981), por Chris Claremont e John Byrne, se passa em dois períodos de tempo, com Wolverine viajando no tempo para a década de 1970 tentando impedir um futuro distópico onde os mutantes foram exterminados pelos robôs Sentinelas. O elenco é composto por Hugh Jackman, James McAvoy, Michael Fassbender, Jennifer Lawrence, Halle Berry, Nicholas Hoult, Ellen Page, Evan Peters, Peter Dinklage, Shawn Ashmore, Anna Paquin, Ian McKellen e Patrick Stewart.

X-Men: Days of Future Past estreou em Nova York em 10 de maio de 2014 e foi lançado oficialmente em 23 de maio de 2014. As críticas foram positivas, e o filme tornou-se a maior bilheteria da franquia X-Men (até ser ultrapassado por Deadpool em 2016) - bem como o 4º maior faturamento de 2014 e a 83º maior arrecadação da história. Com quase US$ 748 milhões mundialmente, é o único filme com a grande parte da equipe dos filmes anteriores que teve o maior ganho em arrecadação.

Sua continuação, X-Men: Apocalypse, foi lançada em 2016. A sequência não obteve o mesmo êxito, recebendo críticas geralmente desfavoráveis e faturando pouco mais de US$ 540 milhões.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Em 1973, Mística assassinou Bolívar Trask, um cientista que odiava mutantes e planejava criar os robôs Sentinelas para caçá-los, durante os Acordos de Paz de Paris. 50 anos depois, numa versão distópica do ano de 2023, uma versão avançada das Sentinelas com poderes de transfiguração estudados de Mística exterminou a maior parte da humanidade, tendo assassinado tanto os mutantes quanto os humanos que poderiam gerar filhos com mutação. Nesse futuro distópico, uma aliança entre os X-Men e a Irmandade de Mutantes está escondida em um antigo monastério remoto na China, e decide que o único jeito de parar os Sentinelas seria mudar a história, impedindo a morte de Trask. Como Logan estava presente em 1973 e possui o dom de regeneração, Lince Negra usa seu poder de enviar a consciência de alguém ao passado.

Após despertar nos anos 70, Logan vai até a Mansão X, que está dilapidada após o jovem professor Xavier, que ainda mora lá junto de Hank McCoy, fechar a escola. Logan o convence a procurar e deter Mística, mas para isso, precisarão da ajuda de Erik Lehnsherr, o Magneto, que está preso no Pentágono após assassinar o presidente Kennedy uma década antes. Para libertar Magneto, o trio conta com o mutante superveloz Pietro Maximoff, o Mercúrio, filho de Erik. O grupo consegue tirar Erik do Pentágono, agradecem Pietro e voam rumo à Paris.

Em Paris, por um momento, o trio consegue impedir Mística de matar Trask, porém nada se altera no futuro. Logan acidentalmente se encontra com William Stryker, militar responsável pelo projeto Arma X que colocou o adamantium em seu corpo (nos anos 70, Logan ainda tinha as garras de osso no corpo), o que lhe dá um surto mental. Logan quase acorda no futuro, porém Lince Negra consegue mandá-lo de volta. Erik tenta matar Mística para evitar o futuro distópico, Hank interfere, se transformando em Fera, e ataca Erik. Erik e Hank nas ruas, se expondo ao mundo, dando-lhes certeza da existência dos mutantes. Mística consegue fugir se misturando na multidão. Trask consegue convencer o presidente a autorizar o projeto Sentinela e criar os primeiros protótipos. Erik consegue sabotar os robôs criados.

Nos Estados Unidos, Mística se prepara para embarcar para Washington e matar Trask durante a conferência. Mesmo com Xavier assumindo a mente de outras pessoas para falar com ela, Mística o ignora e segue viagem. Sem escolha, Logan, Xavier e Hank vão para Washington. Durante a demonstração, Erik, agora como Magneto, assume controle dos Sentinelas e usa para atacar todos os presentes como uma "mensagem" dos mutantes para o mundo. Logan tenta evitar que Magneto mate inocentes, enquanto Xavier tenta convencer Mística a não matar Trask.

No futuro, Sentinelas detectam atividade mutante na China e vão atrás do grupo. Para proteger a consciência de Logan no passado, uma imensa batalha irrompe onde mutantes como Homem de Gelo, Bishop, Colossus, Apache, Blink, Tempestade, Mancha Solar e até mesmo Magneto se sacrificam.

Logan é preso com diversas vigas atravessando seu corpo por Magneto e lançado em alto mar. Xavier em fim convence Mística de que essa não era a coisa certa a se fazer, e ela desiste do atentado. Magneto, ao ver os erros que estava comentendo também desiste do ataque e vai embora.

No futuro, com Mística desistindo do ataque, a linha do tempo se altera. Logan acorda numa versão diferente do ano de 2023, onde os Sentinelas nunca existiram. Na Mansão X, ele encontra o casal Homem de Gelo e Vampira, Lince Negra dando aulas com Colossus, uma versão mais velha de Hank McCoy assumindo a forma de Fera, reencontra seu antigo amor, Jean Grey, mas ao tentar conversar com ela, Ciclope interfere, e por fim, se encontra com Charles Xavier, que ainda está confuso pela mudança de realidade, e diz para Logan se sentar, pois ambos tem muito o que conversar.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Elenco[editar | editar código-fonte]

O elenco de X-Men: Days of Future Past na San Diego Comic-Con de 2013.

Na cena final em que as Sentinelas nunca existiram, há breves aparições de Famke Janssen como Jean Grey e James Marsden como Scott Summers / Ciclope.

Produção[editar | editar código-fonte]

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

20th Century Fox visionou X-Men: First Class como o primeiro filme de uma nova trilogia dos X-Men. [14] Donner comparou a franquia e disse que ela pretende ser semelhante ao conteúdo mais escuro e maduro da série de filmes Harry Potter. [15]As primeiras informações teve Matthew Vaughn e Bryan Singer retornando para dirigir e produzir a continuação, respectivamente. [16] Enquanto ainda estava ligado ao projeto como diretor, Vaughn declarou: "First Class é similar ao Batman Begins, onde você tem a diversão de introduzir o personagens e conhecê-los, mas isso leva tempo. mas, com o segundo, você pode apenas ir em frente e ter um divertido bom tempo. Essa é a principal diferença entre Batman Begins e The Dark Knight". [17]

Descrevendo como o filme poderia começar, Vaughn disse: "Eu pensei que seria divertido começar com o assassinato de Kennedy, e revelar que a bala mágica era controlada por Magneto". [18] Singer afirmou que o filme poderia ser definido em torno do movimento dos direitos civis ou na Guerra do Vietnã, [19]e que Wolverine poderia mais uma vez ser destaque. [20] Bryan Singer também falou sobre "mudar a história". Ele afirmou que não quer que os fãs entrem em pânico sobre ele apagar os filmes, e ele acredita em multiversos, explicando a possibilidade de certos eventos da franquia serem parte de universos alternativos. [21]

Pré-produção[editar | editar código-fonte]

Em novembro de 2011, Simon Kinberg, que coescreveu X-Men: The Last Stand e coproduziu X-Men: First Class, foi contratado para escrever o roteiro do filme. [22] Em maio de 2012, a 20th Century Fox anunciou a data de lançamento para 18 de julho 2014. [23] A data de lançamento foi mais tarde alterada dois meses antes para 23 de maio de 2014. Em agosto de 2012, o título do filme foi confirmado para ser X-Men: Days of Future Past. O filme é dito ser inspirado na história em quadrinhos "Days of Future Past", escrita por Chris Claremont e desenhada por John Byrne. A história em quadrinhos correu em Uncanny X-Men #141 e 142, em 1981, durante o período de Claremont e Byrne, e introduziu a idéia de um futuro alternativo para os mutantes que cresceram fora da Irmandade de Mutantes e precisam impedir que eles assassinem o Senador Robert Kelly, levando a um futuro onde todos os mutantes são caçados por Sentinelas. [24]

Em outubro de 2012, Vaughn deixou os deveres de diretor para focar na adaptação cinematográfica The Secret Service, de Mark Millar. Ele ainda está ligado ao filme como um roteirista e produtor. [25] Bryan Singer foi mais tarde anunciado como o diretor do filme. [26] Esta é a terceira vez que Singer está dirigindo um filme de X-Men. A roteirista Jane Goldman, que escreveu o roteiro final de X-Men: First Class, com Vaughn, disse que está envolvida com o filme. [27] John Myhre e Louise Mingenbach foram contratados como diretor de arte e figurinista, respectivamente. De acordo com o diretor, Mingenbach, que trabalhou anteriormente em X-Men (2000), X2 (2003) e X-Men Origins: Wolverine (2009), deixara de produzir os trajes de couro preto habituais que foram destaque na trilogia original. [28][29] John Ottman, que colaborou com todas as obras de Singer desde X2, confirmou a trabalhar na trilha sonora e na montagem do filme. Richard Stammers revelou em uma entrevista que ele está trabalhando no filme como o supervisor de efeitos visuais. [30]

Singer afirmou que a história vai ser parcialmente definida durante a década de 1970 e o ex-presidente dos Estados Unidos Richard Nixon será um personagem. Ele também contou que esse será o maior filme que ele já fez, [31] e ele revelou que conversou com o diretor James Cameron sobre viagem no tempo, a teoria das cordas e multiversos. [32]

Filmagens[editar | editar código-fonte]

As filmagens de X-Men: Days of Future Past foram iniciadas em 15 de abril de 2013 na "Mel Cité du Cinema" em Montreal, Canadá. [33] Estádio Olímpico e a Prefeitura de Montreal também foram usados ​​como locações para as filmagens. [34][35] É o primeiro filme dos X-Men a ser filmado em 3D. Para o filme foram usadas câmeras Arri Alexa-M com Primes Leica e zooms Fujinon. Singer afirmou que as filmagens iriam continuar pelo menos até setembro de 2013.

Efeitos visuais[editar | editar código-fonte]

Doze estúdios contribuíram para criação das 1,311 tomadas de efeitos visuais do filme. As principais foram a Digital Domain, responsáveis pelas cenas de 1973 - Mística, os Sentinelas do passado, o ataque à Casa Branca - e Moving Picture Company, com os Sentinelas do futuro e cenas com o Jato-X.[36][37] A companhia australiana Rising Sun Pictures criou a sequência considerada por muitos como o destaque dos efeitos de Dias de um Futuro Esquecido, com Mercúrio usando sua supervelocidade em uma cozinha do Pentágono.[38]

Recepção[editar | editar código-fonte]

X-Men: Days of Future Past teve recepção favorável por parte da crítica especializada. Em base de 43 avaliações profissionais, alcançou metascore de 74% no Metacritic. Por votos dos usuários do site, alcança uma nota de 8.5, usada para avaliar a recepção do público.[39] Se tornou o primeiro longa da série a concorrer ao Óscar, indicado pela Academia para Melhores Efeitos Visuais.[40]

Em seu fim de semana de estreia, Dias de um Futuro Esquecido conseguiu US$ 110 milhões na América do Norte,[41] e mais US$172 milhões no resto do mundo.[42] Esse valor incluiu € 307.305,94 em Portugal,[43] e R$19,3 milhões no Brasil.[44] Com um faturamento total de US$748 milhões mundialmente, Dias de um Futuro Esquecido se tornou o filme dos X-Men de maior bilheteria, bem como a quarta maior bilheteria de 2014 e 56a da história.[45]

The Rogue Cut[editar | editar código-fonte]

A 20th Century Fox Home Entertainment anunciou uma versão alternativa do filme, chamada The Rogue Cut, com 17 minutos de cenas não utilizadas, incluindo uma subtrama envolvendo a personagem, Vampira (Rogue no original), interpretada por Anna Paquin. A nova edição será lançada em 14 de julho de 2015, aniversário de 15 anos do primeiro filme da franquia.[46]

Sequência[editar | editar código-fonte]

Em dezembro de 2013, Bryan Singer anunciou o próximo filme de X-Men, intitulado X-Men: Apocalypse, que vai ser estrelado pelo elenco mais jovem da franquia que começou no filme de 2011, X-Men: Primeira Classe. O filme está programado para ser lançado no dia 27 de maio de 2016 e funcionará como a continuação de Dias de um Futuro Esquecido, se focando nos mutantes do passado durante a década de 80. Singer será o diretor,[47] corroterista e produtor. Segundo ele, o filme mostrará a origem dos mutantes.[48] Dan Harris e Michael Dougherty trabalharão com Singer no filme.[49]

Portal A Wikipédia tem os portais:

Referências

  1. «'X-Men: Days of Future Past' Box Office» (em inglês). Box Office Mojo. Consultado em 25 de outubro de 2017. 
  2. «'X-Men: Days of Future Past' Box Office» (em inglês). Box Office Mojo. Consultado em 25 de outubro de 2017. 
  3. X-Men: Dias de um Futuro Esquecido (em português) no AdoroCinema (Brasil)
  4. X-Men: Dias de um Futuro Esquecido no CinePlayers (Brasil)
  5. X-Men: Dias de um Futuro Esquecido no SapoMag (Portugal)
  6. X-Men: Dias de um Futuro Esquecido (em português) no CineCartaz (Portugal)
  7. «Hugh Jackman estará em X-Men: Days of Future Past». Omelete 
  8. a b «X-Men - Days of Future Past terá Ian McKellen e Patrick Stewart no elenco». Omelete 
  9. a b «Mais três mutantes confirmados no filme». Omelete 
  10. «X-Men: Days of Future Past terá Peter Dinklage no elenco». Omelete 
  11. «X-Men - Days of Future Past contrata o seu Mercúrio». Omelete 
  12. a b c «Bryan Singer confirma Colossus e Blink no filme». Omelete 
  13. «X-Men: Days of Future Past tem novidade no elenco». Omelete 
  14. Fleming, Mike (26 de março de 2010). «"Bryan Singer Producing 'X-Men: First Class'"». Deadline.com. Consultado em 22 de julho de 2013. 
  15. De Semlyen, Nick (16 de outubro de 2009). «The Future of the X-Men Franchise: X-Men: First Class». Empire (em english). Consultado em 22 de julho de 2013. 
  16. Child, Ben (21 de janeiro de 2012). «Matthew Vaughn to direct sequel to X-Men: First Class». The Guardian. London 
  17. Leyland, Matthew (13 de abril de 2011). «X-Men: First Class sequel plans revealed». totalfilm.com. Consultado em 22 de julho de 2013. 
  18. ‘X-Men: First Class’ Sequel Ideas Emerge filmesmag , Screen Rant
  19. Zeitchik, Steven (7 de junho de 2011). «Bryan Singer: An 'X-Men: First Class' sequel could be set in Vietnam, or amid the civil rights movement - latimes.com». Latimesblogs.latimes.com. Consultado em 22 de julho de 2013. 
  20. Tilly, Chris (5 de maio de 2011). «Wolverine to Join X-Men: First Class 2?». IGN. Consultado em 22 de julho de 2013. 
  21. "THE PAST HAS A HABIT" Página 94~100 Empire Magazine - Maio de 2014
  22. Josh Wilding (3 de novembro de 2011). «Exclusive: Simon Kinberg Writing X-Men: First Class Sequel». Superherohype.com. Consultado em 3 de novembro de 2011. 
  23. «The X-Men: First Class Sequel Set for July 18, 2014». 31 de maio de 2012. Consultado em 14 de fevereiro de 2013. 
  24. Lesnick, Silas (1 de agosto de 2013). «The First Class Sequel is Officially X-Men: Days of Future Past». Consultado em 14 de fevereiro de 2013. 
  25. Trumbore, Dave (25 de outubro de 2012). «Matthew Vaughn Out as Director of X-MEN: FIRST CLASS Sequel, X-MEN: DAYS OF FUTURE PAST; Bryan Singer May Replace Him». Collider. Consultado em 24 de março de 2013. 
  26. Silas Lesnick (30 de outubro de 2012). «Bryan Singer Officially Set for X-Men: Days of Future Past». Consultado em 14 de fevereiro de 2013. 
  27. Weintraub, Steve (18 de julho de 2012). «Simon Kinberg Talks Producing ELYSIUM and Writing the X-MEN: FIRST CLASS Sequel at Comic-Con». Consultado em 24 de março de 2013. 
  28. «John Myhre return as production designer for X-Men: Days of Future Past». 10 de dezembro de 2012. Consultado em 24 de março de 2013. 
  29. Nicholson, Max (16 de novembro de 2012). «Singer Promises "No Leather Suits" in X-Men: Days of Future Past». IGN. Consultado em 24 de março de 2013. 
  30. Weintraub, Steve (6 de fevereiro de 2013). «PROMETHEUS VFX Supervisor Richard Stammers Talks Collaborating with Ridley Scott, THE COUNSELOR, and Bryan Singer's X-MEN: DAYS OF FUTURE PAST». Consultado em 20 de abril de 2013. 
  31. Chitwood, Adam (13 de fevereiro de 2013). «Bryan Singer Talks X-MEN: DAYS OF FUTURE PAST; Says It Will Be the Biggest Film He's Ever Made and Reveals Richard Nixon Is a Character». Consultado em 24 de março de 2013. 
  32. Spencer, Perry (28 de janeiro de 2013). «Bryan Singer Talks X-Men: Days of Future Past». Consultado em 18 de abril de 2013. 
  33. Weintraub, Steve (25 de fevereiro de 2013). «Bryan Singer Talks JACK THE GIANT SLAYER, Re-Writing the Film in Pre-Production, X-MEN: FIRST CLASS, BATTLESTAR GALACTICA, and More». Collider.com. Consultado em 25 de fevereiro de 2013. 
  34. QMI Agency (28 de abril de 2013). «Montreal invaded by 'X-Men'». Consultado em 14 de maio de 2013. 
  35. Perry, Spencer (4 de junho de 2013). «Tensions Rise in New Set Photo From X-Men: Days of Future Past». Consultado em 5 de junho de 2013. 
  36. Griffith, Jeff (30 de março de 2013). «Bryan Singer Readies 'X-Men: Days of Future Past' for Summer 2014». Consultado em 18 de abril de 2013. 
  37. «Digital Domain Productions». Consultado em 21 de julho de 2013. 
  38. «Rising Sun Pictures Makes Time Stand Still in "X-Men: Days of Future Past"». Rising Sun Pictures. Consultado em 17 de janeiro de 2015. 
  39. «X-Men: Days of Future Past» (em inglês). Metacritic. Consultado em 24 de maio de 2014. 
  40. «The 87th Academy Awards (2015) Nominees and Winners». Academy of Motion Picture Arts and Sciences (AMPAS). Consultado em 23 de fevereiro de 2015. 
  41. «Weekend Report: 'X-Men' Rules Memorial Day, Falls Short of Franchise Record». Box Office Mojo. 25 de maio de 2014. Consultado em 27 de maio de 2014. 
  42. «GLOBAL: 'X-Men: Days Of Future Past' Breaks 'Avatar' Record As Fox International's Biggest Overseas Debut Of All Time filmesmag». 25 de janeiro de 2017. Consultado em 2017.  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  43. [1]
  44. [2]
  45. [3]
  46. Thiago Colás (8 de maio de 2015). «X-Men: Dias de um Futuro Esquecido com Vampira». HQManiacs 
  47. http://www.adorocinema.com/noticias/filmes/noticia-104738/
  48. http://cinema10.com.br/noticias/x-men-apocalypse-deve-misturar-origem-dos-mutantes-e-religiao-9107
  49. http://cinemacomrapadura.com.br/noticias/314976/bryan-singer-revela-quem-sao-os-roteiristas-de-x-men-apocalypse/
Ícone de esboço Este artigo sobre um filme estadunidense é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.