Olaf Scholz

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Olal Scholz
Vice-Chanceler da Alemanha
Período desde 14 de março de 2018
Chanceler Angela Merkel
Antecessor Sigmar Gabriel
Primeiro-prefeito de Hamburgo
Período de 7 de março de 2011
a 13 de março de 2018
Vice-prefeita Katharina Fegebank
Sucessor Katharina Fegebank
Dados pessoais
Nascimento 14 de junho de 1958 (61 anos)
Osnabrück, Alemanha
Alma mater Universidade de Hamburgo
Esposa Britta Ernst
Partido SPD

Olaf Scholz (Osnabrück, 14 de junho de 1958) é um advogado e político alemão, afiliado ao SPD. Scholz é atual presidente da câmara e burgomestre de Hamburgo, a segunda maior metrópole da Alemanha.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

De maio a outubro de 2001, foi Ministro do Interior (Innensenator) de Cidade-Estado de Hamburgo e de 2002 a 2004 foi secretário-geral do SPD. Scholz substituiu Franz Müntefering como Ministro Federal do Trabalho e dos Assuntos Sociais no Primeiro Gabinete Merkel, quando este deixou o cargo em novembro de 2007.

Em 20 de fevereiro de 2011, os social-democratas, liderados por Scholz, ganhou as eleições estaduais em Hamburgo em 2011, com 48,3% dos votos, o que resultou na obtenção de 62 dos 121 assentos no parlamento. Scholz renunciou ao cargo de membro do Bundestag em 11 março 2011, logo após sua eleição como prefeito.[2]

Em 20 de fevereiro 2015, ganhou as eleições regionais em Hamburgo com 49,5 por cento dos votos, garantindo assim a maioria absoluta na vereação da segunda maior metrópole alemã. Em 15 de fevereiro repetiu a vitoria para a SPD em ganhar as eleições regionais de Hamburgo com 45,7 por cento dos votos.[3]

Referências

  1. Pagina oficial do Governo de Hamburgo, recuperado em 16 de fevereiro 2015
  2. Derrota de Merkel em Hamburgo afectará posição na UE, Público Online, 22 de fevereiro 2011
  3. PARTIDO DE MERKEL SOFRE DERROTA EM HAMBURGO, gazetadorossio.pt, 15 de fevereiro 2015

Ligações externas[editar | editar código-fonte]