Clube Atlético Pirassununguense

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde abril de 2017). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)


Pirassununguense
Pirassununguense.png
Nome Clube Atlético Pirassununguense
Alcunhas CAP
Ceapezão
Gigante do Vale
Mascote Gigante
Fundação 7 de setembro de 1907 (111 anos)
Estádio Bellarmino Del Nero
Capacidade 4.935 espectadores[1]
Localização Pirassununga Brasao.gif Pirassununga, SP
Presidente Brasil Alicio Galeno Bacarin
Competição Licenciado
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
editar

O Clube Atlético Pirassununguense é um clube brasileiro de futebol da cidade de Pirassununga, interior do estado de São Paulo. Foi fundado em 7 de setembro de 1907[2] e suas cores são preto e branco. É o 3º clube mais antigo do estado de São Paulo e o 14º mais antigo do Brasil.

História[editar | editar código-fonte]

Toda a história do futebol da cidade de Pirassununga passa necessariamente pelo Clube Atlético Pirassununguense. Tradicionalíssima equipe da Mogiana, e uma das mais antigas do país, o CAP sempre esteve nas disputas promovidas pelas ligas paulistas.

A primeira partida oficial do clube, foi realizada em 23 de fevereiro de 1908, contra o antigo Paulista de São Carlos, clube que foi fundado em 1 de setembro de 1903; em jogo amistoso no qual o Pirassununguense venceu por 2 a 1.[3]

Na década de 1950, se afastou do profissionalismo e conquistou o título de Campeão amador do Interior, em 1954. Após 25 apresentações no Campeonato Paulista profissional, paralisou suas atividades no esporte bretão em 1992.

Depois de estar licenciado por 8 anos, fez, em 2000, uma parceria com o Guarani de Campinas e, a partir de 2001, voltou às disputas montando um bom elenco, mas não obtendo o acesso para o Campeonato Paulista de Futebol - Série A3.

Participou do Campeonato Paulista de Futebol - Série B em 2007 (eliminado na primeira fase) e, em 2008 e 2009, decidiu não disputar.[4].

É o clube que "revelou" o meio-campista Alex (ex-Corinthians e atualmente no Internacional), que jogou durante uma temporada no C.A.P, quando, em 2001, havia a parceria com o Guarani. É o segundo clube de futebol mais antigo do estado de São Paulo, ainda em atividade, atrás somente da Ponte Preta, e o mais antigo da região.

Estádio Bellarmino Del Nero[editar | editar código-fonte]

Com capacidade para 5.300 pessoas, o estádio Belarmino Del Nero, também conhecido como BDN ou Bellarminão, foi inaugurado em 7 de fevereiro de 1931[5] e sua primeira partida foi entre o Clube Atlético Pirassununguense e o Juventus, vencida por 2 a 0 pelos donos da casa.

Originalmente, o estádio Bellarmino Del Nero tinha capacidade para 8.000 pessoas.

Mascote[editar | editar código-fonte]

Presente nas competições oficiais de São Paulo desde a primeira disputa no Campeonato do Interior de 1918, o CAP adquiriu ao longo do tempo o respeito de todos os seus adversários. Assim, em toda a Região, o Pirassununguense era considerado “grande”, e impunha muito respeito. O título de Campeão Amador do Interior de 1954 colaborou para esta fama. Esse fato motivou um apelido que se transformou em mascote: o “Gigante do Vale”.

Atletas históricos[editar | editar código-fonte]

Durante sua história centenária, o CAP já contou com jogadores que foram destaque no Brasil e no mundo. Dentre esses atletas, destacam-se os meio-campistas Del Nero e Alex, que chegaram até a seleção brasileira.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Participações[editar | editar código-fonte]

Aumento Promovido à divisão superior
Baixa Rebaixado à divisão inferior
Inativo Licenciamento no ano seguinte
Competição Temporadas Melhor campanha Anos A Aumento R Baixa
São Paulo Série A2 6 Sem dados 1950, 1951 Inativo e 1973-1976 ?
Série A3 18 Sem dados 1967-1972, 1977-1983 Inativo, 1986-1988 Inativo, 1991 e 1992 Inativo ?
Segunda Divisão 7 Sem dados 1966, 2005-2007 Inativo e 2012-2014 Inativo ?
Série B2 (extinta) 3 6º colocado (2002 e 2003) 2002-2004
Série B3 (extinta) 1 8º colocado (2001) 2001

Últimas dez temporadas[editar | editar código-fonte]

Últimas dez temporadas do Clube Atlético Pirassununguense
Brasil Nacionais Flag of the United Nations.svg Internacionais São Paulo Estaduais
Campeonato Brasileiro Copa do Brasil Continentais / Mundial Campeonato Paulista Copa Paulista
Ano Div. Pos. Pts J V E D GP GC Fase Máxima Competição Fase Máxima Div. Pos. Fase Máxima
2010 Licenciado
2011 Licenciado
2012 D Não classificado SD 23º
2013 D Não classificado SD 27º
2014 D Não classificado SD 14º
2015 Licenciado
2016 Licenciado
2017 Licenciado
2018 Licenciado
2019 Licenciado
Legenda:
     Campeão
     Vice-campeão
     Eliminado nas semifinais
     Campeão e promovido à divisão superior
     Vice-campeão e/ou promovido à divisão superior
     Rebaixado à divisão inferior
     Classificado à fase de grupos da Copa Libertadores
     Classificado à fase preliminar da Copa Libertadores
     Classificado à Copa Sul-Americana
     Campeão do Campeonato do Interior

Elenco atual[editar | editar código-fonte]

Predefinição:Elenco atual do Clube Atlético Pirassununguense

Notas[editar | editar código-fonte]

  • Livro do CAP - Amor, Garra e Tradição (1º e 2º Volumes) de José do Valle Sundfeld

Referências

  1. «CBF» (PDF). Consultado em 12 de novembro de 2009. Arquivado do original (PDF) em 10 de maio de 2013 
  2. «Ficha técnica do CAP»  Texto "http://2016.futebolpaulista.com.br/clube/96/Pirassununguense/Hist%C3%B3ria" ignorado (ajuda); |nome1= sem |sobrenome1= em Authors list (ajuda);
  3. http://www.campeoesdofutebol.com.br/pirassununguense_sp.html
  4. Dominichelli, Vinícius (7 de fevereiro de 2008). «Pirassununguense se licencia do futebol em 2008». Federação Paulista de Futebol. Consultado em 14 de novembro de 2008. Arquivado do original em 15 de dezembro de 2010 
  5. «Três estádios inaugurados em 7 de fevereiro». Consultado em 21 de abril de 2013  |nome1= sem |sobrenome1= em Authors list (ajuda)