Sociedade Esportiva Itapirense

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Itapirense
SEItapirense.png
Nome Sociedade Esportiva Itapirense
Alcunhas Esportiva

Vermelhinha

Mascote Coelho
Fundação 24 de março de 1947 (71 anos)
Estádio Estádio Coronel Francisco Vieira Chico Vieira
Capacidade 4.454
Presidente Brasil
Treinador Brasil
Material (d)esportivo Duson
Competição São Paulo Campeonato Paulista - Segunda Divisão
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
Temporada atual
editar

Sociedade Esportiva Itapirense é um clube brasileiro de futebol da cidade de Itapira, interior do estado de São Paulo. Fundado em 24 de março de 1947, suas cores são vermelho e branco. Foi campeã da Quarta Divisão (atual Segunda Divisão) do Campeonato Paulista de 1969.

História[editar | editar código-fonte]

A história da Sociedade Esportiva Itapirense é, no mínimo, curiosa. Fundada no dia 24 de março de 1947, logo no ano de sua fundação, disputou sua primeira competição oficial pelo Campeonato do Interior. No Campeonato Paulista, iniciou apenas na década seguinte, na Terceira Divisão (atual Série A3), disputando duas temporadas: 1954 e 1957.

Neste período, a Itapirense revelou o zagueiro Hideraldo Luís Bellini, capitão e campeão mundial com a Seleção Brasileira em 1958 e que eternizou o gesto de levantar a taça do título mundial. Na época da Copa do Mundo de 1958, o zagueiro já defendia o Club de Regatas Vasco da Gama.

O clube ficou afastado do profissionalismo entre 1954 e 1956, voltando para Terceira Divisão em 1957. Naquela oportunidade, o clube não passou da primeira fase, sendo eliminada pelo hoje extinto Expresso São Carlos.

Nas dez temporadas seguintes, o time de Itapira ficou distante do profissionalismo, dedicando-se apenas às competições amadoras. Anos mais tarde, em 1969, a Itapirense volta a integrar a Quarta Divisão de Profissionais e, surpreendentemente, levanta o título de campeã, mas, da mesma forma inusitada, desiste de disputar no ano seguinte, retornando somente 36 anos mais tarde.

O ano de 2005 marcou o ressurgimento do clube , com um novo plano de trabalho a atuação social, que é destinada a manter crianças e adolescentes da cidade de Itapira longe da violência e das drogas, interferindo positivamente nas famílias dos jovens do clube. Para isso, foram criadas as categorias Sub-10, Sub-12, Sub-14, Sub-16 e Sub-20, sendo que esta última disputa o Campeonato Paulista da categoria. Além de tirar os garotos das ruas, o projeto oferece tratamento odontológico e de saúde, educação e promoção social. Em 2006, tendo como base os times juvenis, o time profissional participou novamente de uma competição da FPF, o Campeonato Paulista da Série B (Quarta Divisão), chegando na 12ª colocação entre as 48 equipes inscritas. O clube subiu em 2007 para a Série A-3, depois de ser vice-campeão da Série B. Na estreia na Série A3 em 2008, a Itapirense fez uma campanha regular, chegando em uma modesta 13ª colocação. Em 2009, o time fez melhor campanha. Chegou ao quadrangular final e lutou pelo acesso até a última rodada, mas acabou o campeonato sem conseguir a vaga para a Série A2.

A classificação inédita para a série A2 se deu após uma regular campanha em 2013.

Em 25 de Janeiro de 2014 a Sociedade Esportiva Itapirense fez sua estreia no Campeonato Paulista A2, contra o São Caetano, vencendo por 2 a 1. [1]

Porém, depois de uma fraca campanha, marcada por polêmicas com o treinador Paulinho Ceará e o atacante Finazzi, o clube acabou o campeonato na zona de rebaixamento, voltando à A3 em 2015.

A estadia na A3 não durou muito, tendo em vista que a Vermelhinha foi rebaixada para Segunda Divisão. A equipe se licenciou em 2016, retornando apenas em 2018, para a disputa da Segunda Divisão.

Títulos[editar | editar código-fonte]

ESTADUAIS
Competição Títulos Temporadas
Paulista Championship Trophy.png Campeonato Paulista – Segunda Divisão 1 1969
TOTAL
Competição Títulos Temporadas
SEItapirense.png Títulos oficiais 1 1 Estadual

Categorias de base[editar | editar código-fonte]

Campanhas de destaque[editar | editar código-fonte]

DESTAQUES
Competição Campanhas
São Paulo Campeonato Paulista – Segunda Divisão Vice-campeã (2007)

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Participações[editar | editar código-fonte]

Aumento Promovido à divisão superior
Baixa Rebaixado à divisão inferior
Inativo Licenciamento no ano seguinte
Participações em 2018
Competição Temporadas Melhor campanha Anos A Aumento R Baixa
São Paulo Campeonato Paulista Série A2 1 18ª colocada (2014) 2014 Baixa 1
Série A3 10 Sem dados 1954 Inativo, 1957 Inativo, 2008-2013 Aumento e 2015-2016 Baixa Inativo 1 1
Segunda Divisão 4 Campeã (1969) 1969 Inativo, 2006-2007 Aumento e 2018 1
Copa Paulista 3 2ª fase (2009) 2008-2009 e 2011

Últimas dez temporadas[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Temporadas da Itapirense
Últimas dez temporadas da Sociedade Esportiva Itapirense
Brasil Nacionais Flag of the United Nations.svg Internacionais São Paulo Estaduais
Campeonato Brasileiro Copa do Brasil Continental / Mundial Campeonato Paulista Copa Paulista
Ano Div. Pos. Pts J V E D GP GC Fase Máxima Competição Fase Máxima Div. Pos. Fase Máxima
2009 D Não classificado A3 2F
2010 D Não classificado A3 15º
2011 D Não classificado A3 12º 1F
2012 D Não classificado A3 14º
2013 D Não classificado A3
2014 D Não classificado A2 18º
2015 D Não classificado A3 14º
2016 D Não classificado A3 16º
2017 Licenciada
2018 D Não classificado SD Ad.


Legenda:
     Campeão
     Vice-campeão
     Eliminado na semifinal.
     Classificado à Copa Libertadores da América
     Classificado à Copa Libertadores da América pelo título da Copa do Brasil.
     Classificado à Copa Libertadores da América pelo título da Copa Libertadores.
     Classificado à Copa Sul-Americana
     Classificado à Copa do Brasil
     Campeão do Campeonato do Interior
     Rebaixado à divisão inferior.
     Campeão e promovido à divisão superior
     Promovido à divisão superior.

Símbolos[editar | editar código-fonte]

Escudo[editar | editar código-fonte]

Evolução do Escudo da Sociedade Esportiva Itapirense
Antigo Atual
SE Itapirense.svg SEItapirense.png

Hino[editar | editar código-fonte]

Compositor: João Adilson Ravetta
Arranjos: César Lupinacci

Só quem sabe do seu glorioso
Encantado passado de glória
Canta e vibra hoje mais orgulhoso
Ver te assim consagrando a história

Rola a bola e não há quem não grita
Vermelhinha é a minha paixão
Só te ver tremulando me agita
É a bandeira do meu coração

Sempre a luta e amor à camisa
É a voz da torcida presente
Mais que amor Sociedade Esportiva
És o orgulho do Itapirense

Elenco atual[editar | editar código-fonte]

Goleiros
Jogador
Brasil Kaique
Brasil Pedro Henrique
Brasil Daniel
Defensores
Jogador Pos.
Colômbia Eric Mina Z
Colômbia Juan Carabalí Z
Colômbia Luis Dario Z
Brasil Luan Victor Z
Brasil Daniel Brito LD
Brasil Jhonatan LE
Brasil Mailon LE
Brasil Matheus LE
Brasil Thawan LE
Meio-campistas
Jogador Pos.
Brasil Magno V
Brasil Mineiro V
Brasil Ricardinho V
Brasil Rico V
Brasil Bismaque M
Brasil Bruninho M
Brasil Dedé M
Brasil Marcelo Souza M
Brasil Mike M
Brasil Murilo Franco M
Brasil Robinho M
Brasil Rodrigo Cobrinha M
Atacantes
Jogador
Brasil Yamada
Colômbia Duvan
Brasil Danilo
Comissão técnica
Nome Pos.
Brasil Claudemir Peixoto T

Referências

Bandeira de BrasilSoccer icon Este artigo sobre clubes brasileiros de futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.