Etelvino Lins

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Etelvino Lins de Albuquerque GCC (Sertânia, 20 de novembro de 1908Rio de Janeiro, 18 de outubro de 1980) foi um promotor público e político brasileiro.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Governou o estado de Pernambuco em duas ocasiões: a primeira em 1945, na qualidade de interventor federal; e a segunda, como governador eleito (1952/55). Ainda no campo político, foi senador constituinte (1946) e deputado federal (1959/63 e 1970/75, além de ministro do Tribunal de Contas da União (1955/59).

A 5 de Fevereiro de 1954 foi agraciado com a Grã-Cruz da Ordem Militar de Cristo de Portugal.[1]

Casou-se com Djanira Falcão e teve 8 filhos, Iná, Roberto, Maria Christina, Rosa, Rogério, Maria da Conceição, Maria Regina e Rodrigo.

Referências

  1. «Cidadãos Estrangeiros Agraciados com Ordens Portuguesas». Resultado da busca de "Etelvino Lins de Albuquerque". Presidência da República Portuguesa. Consultado em 24 de março de 2016 
Precedido por
Agamenon Magalhães
Interventor federal em Pernambuco
1945
Sucedido por
José Neves Filho
Precedido por
Antônio Torres Galvão
Governador de Pernambuco
19521955
Sucedido por
Osvaldo Cordeiro de Farias
Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.