Fernando Dias da Silva

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Fernando Dias da Silva
Nome nativo Fernando Dias da Silva
Nascimento 25 de junho de 1920
São Luís
Morte 5 de março de 2012 (91 anos)
Cidadania Brasil
Ocupação pintor, artista de história em quadrinhos

Fernando Dias Da Silva (São Luís, Maranhão, 25 de junho de 1920 - Cape Coral, Flórida, 5 de março de 2012)[1] foi ilustrador, pintor e quadrinista brasileiro.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Após vencer um concurso de novos talentos do Suplemento Juvenil de Adolfo Aizen, publicou em 1938, a tira de jornal "O enigma das pedras vermelhas" nas páginas do jornal infanto-juvenil,[2] em 1943, ilustrou histórias em quadrinhos de faroeste "O Vingador", criado por Péricles do Amaral para uma programa de rádio, patrocinado pela Colgate-Palmolive[3] no mesmo ano, também ilustrou as história do Capitão Atlas,[4] que também derivada de um programa de rádio, o personagem um caçador, tal que Jim das Selvas de Alex Raymond.[5]


Em 1959, mudou-se para um subúrbio de Chicago, Illinois nos Estados Unidos. Nos Estados Unidos, trabalhou como ilustrador de estúdio e artista freelancer; seu trabalho apareceu regularmente na Playboy, Encyclopædia Britannica, World Book Encyclopedia, Chicago Tribune, entre outros. Colaborou com Bob Peak na campanha publicitária do mascote Marlboro Man. Também trabalhou na tira de jornal Rex Morgan, M.D. .[6][1]


Fernando Dias Da Silva era casado e tinha cinco filhos. Ele morreu em Cape Coral, Flórida, em 5 de março de 2012.[1]

Referências

  1. a b c «Fernando DaSilva's Obituary from the Chicago Tribune». www.legacy.com 
  2. Junior, Gonçalo (2004). A Guerra dos Gibis: a Formação do Mercado Editorial Brasileiro e a Censura aos Quadrinhos, 1933-1964. [S.l.]: Companhia das Letras. 55 páginas. ISBN 9788535905823 
  3. Luiz Artur Ferraretto (2002). Rádio no Rio Grande do Sul: anos 20, 30 e 40 : dos pioneiros às emissoras comerciais. [S.l.]: Editora da ULBRA. pp. 196 a 199. 9788575280492 
  4. Vergueiro, Waldomiro (2017). Panorama das histórias em quadrinhos no Brasil. [S.l.]: Peirópolis. 208 páginas. ISBN 9788575965306 
  5. Athos Eichler Cardoso (1998). «A origem das séries de aventura e mistério da radiofonia brasileira e sua interação como história em quadrinhos-1940-1959» (PDF). XXI Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação 
  6. «Comic List». www.ComicsAccess.com2 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]