Watson Portela

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde maio de 2015).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.

Watson Portela (Recife, PE, 18 de outubro de 1950) é quadrinista brasileiro.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Chegou a pintar capas de LPs nos anos 70 para o álbum Até a Amazônia? (1978) do grupo Quinteto Violado[1]. Na época Portela trabalhava como um datilógrafo.

Portela chegou a ganhar nos anos 80 um fã-clube.

Suas histórias na Spektro versavam sobre cangaceiros, sertão nordestino e histórias no Brasil colônia.

Portela foi contratado pela Editora Abril em 1986, onde fez capas para HQs como Crise nas Infinitas Terras, Capitão América, Heróis da TV, Novos Titãs, Grandes Heróis Marvel, Super-Homem, Marvel Especial, Jaspion, Changeman[2], Pato Donald e Tio Patinhas[3]

Versátil, Portela já desenhou um pouco de tudo, passando por western/faroeste (Chet), terror (Spektro, Pesadelo, Spektros), ficção científica (Paralelas), infantil (Trapalhões)[4], super-herói (He-Man)[5], mangás[6].

Em 2001 ilustrou matérias para a revista Playboy[7], nesse mesmo ano publicou o álbum A Última Missão, um crossover de personagens criados por Eugênio Colonnese[8].

Em 2011, após alguns anos afastado do mercado brasileiro, Watson anunciou que estaria desenhando a graphic novel "Cabeça Oca e os Elfos de Terra Ronca"[9]. Em 2015, a Devir Livraria publica um álbum da série Paralelas,[10] no mesmo ano, o autor é premiado pelo Troféu HQ Mix na categoria Grande Mestre dos Quadrinhos.[11]

Obras[editar | editar código-fonte]

Notas

  1. MercadoLivre, acessado em 06 de julho 2008
  2. a b «O Fantástico Jaspion». site RedeRPG. 18 de março de 2004. Consultado em 30 de novembro de 2009  |coautores= requer |autor= (ajuda)
  3. «Watson Portela». Inducks 
  4. Marcus Ramone (29 de julho de 2009). «Os Trapalhões na Bloch Editores: a história de um clássico dos quadrinhos». Universo HQ 
  5. «Watson Portela». Opera Graphica 
  6. Marcelo Naranjo (30 de novembro de 2015). «Os gibis que (quase) ninguém lembra mais». Universo HQ 
  7. Sidney Gusman (11/08/2001), Desenhistas de quadrinhos brilham em outras publicações, Universo HQ
  8. press release (8 de novembro de 2001). «A Última Missão, outro lançamento da Editora Opera Graphica». Universo HQ 
  9. Marcus Ramone (4 de março de 2011). «Watson Portela desenha graphic novel do Cabeça Oca». Universo HQ 
  10. Samir Naliato (21 de maio de 2015). «Acordes 2, Paralelas e Zé Gatão: mais três quadrinhos nacionais pela Devir». Universo HQ 
  11. Thiago Colás (6 de agosto de 2015). «Os vencedores do Troféu HQMix». HQManiacs 
  12. «Quem é Chet, o cowboy made in Brazil?». Portal TexBR 
  13. José Salles (30 de julho de 2005). «Bang-bang Brasiliano». Bigorna.net 
  14. Marcelo Naranjo. «Almanaque Xanadu». Universo HQ 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]