Parque Jardim Teresópolis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde abril de 2018). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Parque Jardim Teresópolis é um bairro do município de Betim, localizada na região de Teresópolis.

O Bairro Jardim Teresópolis localiza-se na periferia de Betim. É originário de loteamento realizado pela empresa Comiteco S/A, e teve seus primeiros moradores por volta da década de 1960. Com a instalação da fábrica da FIAT em 1976, houve uma verdadeira explosão habitacional, que se seguiu durante as décadas de 1980 e 1990. Hoje conta com mais de 45 mil habitantes. Sua sub região é composta por 8 bairros adjacentes (Vila recreio, Vila Bemge, Amazonas, Alvorada,Riacho 3, Boa Esperança,Chácara Santo Antônio, Arvoredos). Tem mais de 32 mil eleitores em toda região (sem contar a região do Imbiruçu) e mais de 50 mil habitantes.[carece de fontes?]

Fundação[editar | editar código-fonte]

O Bairro Jardim Teresópolis foi planejado como um loteamento, nos anos 50, pela COMITECO, empresa imobiliária que existe ate hoje.

O governo do estado de Minas Gerais na época, planejava loteamentos nas cidades da região metropolitana, para acolher famílias de classe média já que em Belo Horizonte não havia espaço para população que crescia rapidamente. A propaganda do loteamento trabalhava com a ideia de um lugar aprazível, um lugar residencial, de descanso com grandes lotes, arborizados, um local de lazer para a família. Não foi somente esse loteamento que foi trabalhado pela Comiteco, outros locais da cidade tiveram o mesmo destino, como os bairros Granja São João, Vila Bemge e Vila Recreio (que na verdade tem esse nome, devido ao antigo Motel Recreio que havia na entrada da vila). Porém esses loteamentos não foram bem recebidos pelos Belo-horizontinos. As vendas foram irrisórias e a imobiliária decidiu populariza-los, vendendo lotes mais baratos, mas sem a estrutura planejada. (Que inicialmente ficaria a cargo das prefeituras de Betim e Belo Horizonte)

Em 09 de Outubro de 1952 foi lançado o loteamento do bairro, e começaram as obras de abertura de ruas e demarcação dos lotes. A primeira rua a ser calçada foi a Rua Campo Florido projetada inicialmente para ser a principal via ligada a Avenida Belo Horizonte e cortada ao centro pela Rua Duque de Caxias. No inicio da Avenida Campo Florido próximo a BR 381(Vila Recreio) havia um lago artificial e um parque(o que derivou o nome de Parque Jardim Teresópolis) este local seria destinado ao lazer dos futuros moradores(Como se fosse um Clube), como as vendas não atingiram o planejado, a Comiteco resolveu popularizar os lotes e mais tarde com a ocupação da região formou-se uma vila e o local abrigou um “motel” que acabou derivando o nome da atual Vila Recreio.

Pioneiros[editar | editar código-fonte]

Em meados de 1957 o Jardim Teresópolis recebeu seus primeiros moradores. Em 1962 teve inicio as obras de construção da Refinaria Gabriel Passos(Petrobrás)  nas proximidades do bairro ( BR 381) atraindo diversos moradores que buscavam trabalho no local. A refinaria foi inaugurada em  30 de Março de 1968 e muitos dos trabalhadores da construção resolveram fixar domicilio na região aproveitando os preços atrativos dos terrenos.

Em 1972 a Fiat com apoio do Governo do estado adquiriu da Comiteco o terreno para construção de sua fabrica na região, as obras de terraplanagem iniciaram em 14 de Março de 1973 e duraram cerca de 3 anos, sendo inaugurada em 09 de Julho de 1976, durante as obras o numero de moradores aumentou significativamente, alguns trouxeram famílias e se fixaram na região, a Avenida Belo Horizonte e a Rua Duque de Caxias se tornaram as principais vias do bairro e o centro comercial já nessa época foi sendo direcionado nesta região especifica.

Com a instalação da fabrica da Fiat automóveis, ou seja, mudou-se o planejamento estadual, criando em seguida o Distrito Industrial do Paulo Camilo, atraindo diversos migrantes do interior do estado para a região.(chamado êxito rural)

Ao chegarem em nossa região, como em outras áreas industrial, eles conseguiam apenas subempregos, devido a falta de escolaridade. Deu-se o inicio a instalação de moradores ao redor das indústrias e em especial nas áreas e terrenos onde se localiza o Teresópolis, Vila Recreio e Vila Bemge, estes moradores se instalavam em péssimas condições de infraestrutura, causando inúmeras lutas para garantirem um pedaço de terra. Denominado de invasores, foram inúmeras vezes despejados pela Policia Militar.

Em 1978 há registros das primeiras invasões, já em 1982 o então prefeito Osvaldo Franco se posicionou ao lado dos moradores quando havia uma ordem de despejo na altura das ruas Duque de Caxias e Campo Formoso.

Em 1986 foi registrada outra grande invasão ocupando os terrenos do atual Semas(Antigo Curumim) e os lotes onde hoje se localiza os prédios da Tenda no traçado das ruas Gaturama, Alecrim, Angicos e Cambará próximo onde hoje se localiza a Maternidade e a Escola Municipal Aristides Jose da Silva, a desocupação foi feita pela Policia Militar após os proprietários conseguirem na justiça a reintegração de posse dos terrenos. Em 1988 houve outra grande invasão no lado oeste do bairro no traçado das ruas Augusto Severo e Campina Grande, houve confronto com a policia e os moradores ocupantes do terro conseguiram se manter no local dando inicio a ocupação próximo ao Campo de futebol se estendendo até as Ruas Pio XII(Jequié), Liberdade, Boa Vista e João Pessoa culminando com o nascimento da (Vila Nova). E assim o Bairro Jardim Teresópolis se tornou um aglomerado de comunidades, sendo no inicio dos anos 90 considerado o maior aglomerado do estado de Minas Gerais.

Atualmente[editar | editar código-fonte]

Hoje conta com mais de 60 mil habitantes. Sua sub região é composta por 9 bairros adjacentes (Vila recreio, Vila Bemge, Amazonas, Alvorada,Riacho 3, Boa Esperança, Chácara Santo Antônio, Conjunto Arvoredos, Renascer). Tem cerca de 38 mil eleitores em toda região. Possui duas avenidas principais chamadas Belo Horizonte e Duque de Caxias, onde a maior parte do comércio do bairro está localizada.

Em 2001 foi criado na região um grande evento denominado "Rodeio Show do Teresópolis e Imbiruçu" que chegava reuni a cada edição cerca de 15 mil pessoas, a ultima edição aconteceu em 2017 com a nomenclatura alterada para Terê Country Show.

Na historia da comunidade há também registros de grandes veículos de comunicação, sendo que a Radio MIllennium FM que conseguiu entrar para historia como a maior audiência localizada entre ouvintes por minuto ultrapassando audiência de grandes emissoras como Extra FM, Alvorada entre outras. A rádio teve suas primeiras transmissões “piratas” em 1999 nas dependências da Casa Margarida Alves e se chamava Morhan Fm, depois passou utilizar a frequência como nome, 103,5 e em 2000 após mudar de endereço e já com publico cativo passou a se chamar Millennium FM ocupando a frequência 97,9. A rádio encerrou suas transmissões em 2009.

Outros veículos que fazem parte da historia de comunicação do bairro são: Radios Gospel, Mania FM e Rádio Comunidade, o semanário "Jornal do Teresópolis e região” que circulou no bairro no inicio dos anos 90, além do Jornal do Tere que circulou até meados de 2010. Entre os espaços públicos que mais se destacam, estão a Maternidade Municipal, com inúmeros prêmios conquistados, o Complexo Poliesportivo Ricardo Mediolli e o projeto Arvore da vida, Centro Cultura Frei Estanislau, dentre outros.

A sede de sua Administração Regional, foi criada em 1989 pelo então prefeito Osvaldo e funcionava na Rua Duque de Caxias(Um pouco acima de onde se encontra a sede da Igreja Universal, bem no pé do morro) tinha dois andares a regional ocupava o 2º e o primeiro era a filial do Banco Minascaixa e o almoxarifado da regional

A E.E. Senador Teotônio Vilela, teve sua pedra fundamental lançada em 14 de Fevereiro de 1985, e começou a funcionar em 1986 a maioria dos jovens dos anos 80 e 90 e 2000 foram estudantes dessa escola. Com o crescimento da população e a demanda por vagas, foi criado o anexo do Teotônio que funcionou na Rua Augusto Severo e depois parte do terreno da escola foi destinado a construção da escola estadual Lourdes Bernadete. Nos anos 90 o município destinou a construção e ampliação da rede municipal na região com a inauguração das escolas Municipais, Belizario Ferreira Caminhas (1995) Aristides José da Silva (1989), Bento Machado(Vila Bemge) e Adelina Gonçalves Campos(Vila Recreio) e escolas em outros bairros da regional, Amazonas e Alvorada.

Eventos[editar | editar código-fonte]

A época ouro dos grandes eventos do Teresópolis se deu no inicio dos anos 90 e perdurou até 2001, entre os quais se destacam, Festas Juninas(Av.Bhte/Duque de Caxias, Carnaval Prapular, Festa de Natal, Festa das Mães entre outras. Com a ascensão da violência em meados de 2000, todos esses eventos deixaram de existir(claro que faltou dos governantes, vontade politica) em 2001 foi criado o Rodeio Show do Teresópolis(renomeado em 2009 como Rodeio Show do Teresópolis e Imbiruçu) que de certa forma se firmou como o único grande evento de toda a região(Teresopolis e Imbiruçu)

Vereadores[editar | editar código-fonte]

  • 1988/1992 - O Primeiro vereador eleito para representar o Teresópolis, foi o líder comunitário João Cassemiro, e o farmacêutico Amauri Campos eles foram de certa forma os pioneiros de outros que vieram depois.
  • 1988 - João Cassemiro e Amauri Campos(Amauri foi reeleito)
  • 1992 - Zé da Pax e Mauricio Caminhas
  • 1996 - Felismino Vilela/Ze da Pax/Mauricio Caminhas
  • 2000 - Niltinho/Eliseu Xavier/Tio Pedro/Ze da Pax
  • 2004 - Ti Rei/Eliseu Xavier/Beto Mania
  • 2008 - Ti Rei
  • 2010 - (suplentes que assumiram) Eliseu Xavier e Geovani la vou eu
  • 2012 - Ti Rei, Eliseu e Carlin do Amigão
  • 2016 - Paulo Tekin - Paulinho Vicentino - Carlin do Amigão - Luis Conexão - Eliseu Xavier 

Administradores regionais[editar | editar código-fonte]

  • 1989 - Alcemini Gama (Capixaba)
  • 1991 - Elson Campos 1993 - José Geraldo
  • 1996 - José do Carmo
  • 1997 - Tio Pedro/Camilo
  • 2001 - José Paulo
  • 2004 - Zezinho da Vila Recreio
  • 2005 - Mauricio Caminhas
  • 2006 - José Paulo
  • 2009 - Pereira Teresopolis
  • 2012 - Bruno de Souza
  • 2013 - Ze da Padaria
  • 2016 - Gilton Carneiro(Março a Dezembro)
  • 2017 - Jaime Thalles (Janeiro/Fevereiro)
  • 2018  - Ronilson Nunes

Fontes[editar | editar código-fonte]

Fonte: Pesquisa realizada pelo morador Jaime Thalles Vieira, vasculhando acervos, entrevistas com moradores durantes as décadas de 90 e 2000

Ícone de esboço Este artigo sobre bairros é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.