Serval

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Serval (desambiguação).
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde Janeiro de 2013). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Como ler uma infocaixa de taxonomiaServal
Leptailurus serval -Serengeti National Park, Tanzania-8.jpg
Estado de conservação
Espécie pouco preocupante
Pouco preocupante
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Carnivora
Família: Felidae
Género: Leptailurus
Espécie: L. serval
Nome binomial
Leptailurus serval
Schreber, 1776
Distribuição geográfica
Mapa de distribuição do serval
Mapa de distribuição do serval

O serval (Leptailurus serval) é um mamífero carnívoro da família dos felídeos. Mede cerca de 85 cm, mais 40 cm de cauda. São felinos de porte médio, sendo que em seu habitat são menores do que felinos de grande porte como as panteras (leões e leopardos) e guepardos mas maiores do que felinos de pequeno porte como os gatos selvagens africanos.

Domesticação[editar | editar código-fonte]

Embora não sejam animais domesticados, os servais são por vezes criados em lares particulares como qualquer outro animal de estimação. Em muitos países e estados é necessário uma licença especial para um animal selvagem ser mantido em casa. Um dos factores que faz com que os servais adoeçam, quando são tratados como simples gatos, é o facto de os seus "donos" os alimentarem como tal, em vez da carne crua a que os animais estão habituados.

Serval in Tanzania.jpg

Habilidades[editar | editar código-fonte]

Os servais podem saltar até 3 metros para apanhar aves em voo. São felídeos bastante ágeis com longas patas e uma cabeça pequena. Caçam de noite com incríveis habilidades, tácticas de espera e de batida, capturando muitos roedores, mamíferos, especialmente ratos-toupeiras e lagartos, por vezes gazelas e pequenos avestruzes.

Habitats[editar | editar código-fonte]

Os servais habitam territórios bem definidos, em áreas pouco arborizadas em savanas, na proximidade de água, na África Subsariana.

Subespécies[editar | editar código-fonte]

  • Leptailurus serval serval: Extinta
  • Leptailurus serval beirae: Presente em Moçambique
  • Leptailurus serval brachyura: Do Senegal à Etiópia, através de todo o Sahel
  • Leptailurus serval constantina: Subespécie norte africana, reduzida na actualidade a uns poucos núcleos nas montanhas da Argélia
  • Leptailurus serval hamiltoni: Outra subespécie sul africana, distribuida a Este do Transvaal
  • Leptailurus serval hindeio: Tanzânia
  • Leptailurus serval ingridi: Namíbia, Sul do Botsuana e Zimbuabue
  • Leptailurus serval kempi: Uganda
  • Leptailurus serval kivuensis: República Democrática do Congo
  • Leptailurus serval liposticta: Norte de Angola
  • Leptailurus serval lonnbergi: Sul de Angola
  • Leptailurus serval mababiensis: Norte do Botsuana
  • Leptailurus serval robertsi: A terceira subespécie sul africana, a Oeste do Transvaal
  • Leptailurus serval togoensis: Bosques do Togo e Benin

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Felídeos, integrado ao WikiProjeto Mamíferos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.