Bom Jesus de Goiás

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Bom Jesus de Goiás
Bandeira desconhecida
Brasão desconhecido
Bandeira desconhecida Brasão desconhecido
Hino
Aniversário 7 de novembro
Fundação 7 de novembro de 1963 (50 anos)
Gentílico 'bomjesuense'
Prefeito(a) Marilda Alves (interina) Sem prefeito definitivo. Aguardando TSE. (PDT)
(2013–2016)
Localização
Localização de Bom Jesus de Goiás
Localização de Bom Jesus de Goiás em Goiás
Bom Jesus de Goiás está localizado em: Brasil
Bom Jesus de Goiás
Localização de Bom Jesus de Goiás no Brasil
18° 12' 54" S 49° 44' 31" O18° 12' 54" S 49° 44' 31" O
Unidade federativa  Goiás
Mesorregião Sul Goiano IBGE/2008 [1]
Microrregião Meia Ponte IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes Itumbiara, Goiatuba, Panamá, Inaciolândia, Gouvelândia, Quirinópolis e Castelândia.
Distância até a capital 218 km
Características geográficas
Área 1 405,218 km² [2]
População 22 872 hab. (GO: 48º) –  IBGE/2014[3]
Densidade 16,28 hab./km²
Altitude 619 m
Clima tropical
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,701 alto PNUD/2010 [4]
PIB R$ 231 752,135 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 11 213,09 IBGE/2008[5]
Página oficial

Bom Jesus de Goiás é um município brasileiro localizado no interior do estado de Goiás. Pertencente ao sul goiano e à Microrregião do Meia Ponte, localiza-se ao sul de Goiânia, capital do estado. Sua população em 2014, estimada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), era de 22 872 habitantes.[6]

História[editar | editar código-fonte]

No ano de 1925 foi doada por D. Carolina Vieira da Mota, uma área de terras de campos, num total de 16 há e 336 alqueires ao Senhor Bom Jesus, com a finalidade de ali se construir um patrimônio com o nome de Bom Jesus.

A escritura de doação foi lavrada no Cartório Distrital de Bananeira (Goiatuba), no ano de 1931. No mesmo ano de 1925, os habitantes da região resolveram construir uma igrejinha coberta de palha. A partir de agosto de 1927, tiveram início algumas construções de casas e ranchos ao redor da igrejinha, dando, assim início ao Povoado de Bom Jesus.

Pela Lei Municipal nº 56, de 23 de dezembro de 1953, foi criado o Distrito de Bom Jesus. Nessa mesma data, foi nomeado e empossado para o cargo de subprefeito municipal, Luiz Gomes de Freitas e para juiz distrital Oscar Luiz de Mendonça. Pela Lei Estadual nº 4796, de 7 de novembro de 1963, foi criado o Município de Bom Jesus de Goiás. A instalação do município efetivou-se no dia 1º de janeiro de 1964 com o nome de Bom Jesus de Goiás.

O primeiro prefeito nomeado foi Antônio Martins Duarte. Bom Jesus de Goiás é Comarca de 2ª Entrância.

Formação Administrativa[editar | editar código-fonte]

Distrito criado com a denominação de Bom Jesus ex-povoado, pela lei municipal nº

56, de 03-12-1953, subordinado ao município de Goiatuba.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1955, o distrito de Bom Jesus de Goiás figura

no município de Goiatuba.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1960.

Elevado à categoria de município com a denominação de Bom Jesus de Goiás, pela

lei estadual nº 4796, de 07-11-1963, desmembrado de Goiatuba. Sede no antigo distrito de

Bom Jesus atual Bom Jesus de Goiás. Constituído do distrito sede. Instalado em 01-01-

1964.

Pela lei estadual nº 9172, de 14-05-1982, é criado o distrito de Marcianópolis ex-

povoado e anexado ao município de Bom Jesus de Goiás.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1983, o município é constituído de 2 distritos:

Bom Jesus de Goiás e Marcianópolis.

Em divisão territorial datada de 1-VI-1995, o município é constituído do distrito

sede. Não figurando o distrito de Marcianópolis pois o mesmo fora criado e não instalado.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Alteração toponímica distrital

Bom Jesus para Bom Jesus de Goiás alterado, pela lei estadual nº 4796, de 07-11-1963.

Possui uma população de 22.872 mil habitantes. Localizado na Microrregião do Meia Ponte e na Mesorregião do Sul Goiano.

Subdivisões[editar | editar código-fonte]

Regiões administrativas[editar | editar código-fonte]

  • Povoado Brejo Bonito;

Bairros[editar | editar código-fonte]

  • Alvorada
  • Aníbal Lima
  • Antônio Florindo de Oliveira
  • Arco-Iris
  • Central
  • Cohab
  • Dona Eleontina
  • Dona Josina
  • Morada Nova
  • Olímpia
  • Popular
  • Rosa Maria
  • Vila Maria
  • Vila Saraiva
  • Vila União
  • Vila Mutirão
  • Bela Vista
  • Luiz Carlos de Oliveira

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Visitado em 5 dez. 2010.
  3. [ftp://ftp.ibge.gov.br/Estimativas_de_Populacao/Estimativas_2014/estimativa_dou_2014.pdf ESTIMATIVAS DA POPULAÇÃO RESIDENTE NOS MUNICÍPIOS BRASILEIROS COM DATA DE REFERÊNCIA EM 1º DE JULHO DE 2014] Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Visitado em 23 de setembro de 2014.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Atlas do Desenvolvimento Humano Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2010). Visitado em 31 de julho de 2013.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Visitado em 11 dez. 2010.
  6. Erro de citação: Tag <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas IBGE_Pop_2014
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Goiás é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.