Campeonato Paulista de Futebol de 1977

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes (desde dezembro de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Campeonato Paulista de Futebol de 1977
Paulistão 1977
Dados
Participantes 19
Organização FPF
Período 5 de fevereiro13 de outubro
Gol(o)s 875
Jogos 360
Média 2,43 gol(o)s por partida
Campeão Corinthians
Vice-campeão Ponte Preta
Melhor marcador Serginho Chulapa
◄◄ São Paulo 1976 Soccerball.svg 1978 São Paulo ►►

O Campeonato Paulista de Futebol de 1977 foi a 76ª edição do torneio. O Sport Club Corinthians Paulista conquistou o campeonato estadual após um longo período sem conseguir nenhum título (o último foi o Campeonato Paulista de 1954) ao vencer a Associação Atlética Ponte Preta em três partidas na fase final.

Na primeira partida, o Corinthians havia vencido por 1 a 0 com gol do atacante Palhinha. Mas na segunda partida, a Macaca consegue vencer por 2 a 1 num Morumbi de quase 150 mil pessoas forçando assim, uma partida extraordinária.

E na última partida, numa jogada emocionante de aproximadamente dez segundos, o volante Basílio consegue fazer o gol do título, terminando assim, o jejum de 23 anos sem conquistar nenhum torneio, tornando-se assim, uma das conquistas inesquecíveis para os corintianos.

Participantes[editar | editar código-fonte]

Fórmula de disputa[editar | editar código-fonte]

Primeiro e segundo turnos[editar | editar código-fonte]

No primeiro turno (Taça Cidade de São Paulo de 1977), todos os clubes jogaram entre si em turno único, sendo que na pontuação, foram divididos em quatro grupos. Os quatro primeiros colocados de cada grupo disputaram a fase eliminatória (mata-mata), todas em partida única nas fases semifinal e final. O campeão foi o Botafogo Futebol Clube de Ribeirão Preto ganhando o título frente ao São Paulo Futebol Clube em pleno Morumbi. Com isso também garantiu a vaga antecipada para o terceiro turno.

O segundo turno (Taça Governador do Estado de São Paulo de 1977) teve a mesma fórmula de disputa. A única diferença é que houve um reagrupamento dos clubes.

Pontuação[editar | editar código-fonte]

Com a intuição de beneficiar os clubes de grande porte, a pontuação foi modificada. A então novidade foi o adicionamento de um ponto a mais para o clube que fizer a partir de três gols de diferença em cada jogo. Com isso, as regras de pontuação de cada partida ficaram assim:

  • 3 pontos: vitória a partir de três gols de saldo.
  • 2 pontos: vitória simples.
  • 1 ponto: empate.
  • Nenhum ponto: derrota.

Terceiro turno[editar | editar código-fonte]

Para definir os participantes, foram classificados os seis melhores da soma dos dois turnos (excluindo-se as fases eliminatórias), alem dos campeões dos mesmos. E todos os oito clubes jogaram entre si em turno único, mas na pontuação foram divididos em dois grupos. Os melhores de cada grupo disputaram a fase final.

Fase final[editar | editar código-fonte]

Na fase final os dois clubes se enfrentaram em no mínimo, duas partidas. O clube de melhor pontuação antes dessa fase receberia um ponto a mais. Caso nenhum dos dois não conseguir conquistar a marca obrigatória de quatro pontos em duas partidas, será realizada uma partida extraordinária.

Em caso de um empate no jogo extra, seria realizada uma prorrogação. Se permanecer empatado, o clube de melhor campanha fica com o titulo de campeão de São Paulo.

Primeira fase (Taça Cidade de São Paulo)[editar | editar código-fonte]

Grupo A
Clube Pts J V-3 VS E D GP GC SG %
1 Palmeiras 31 18 2 10 5 1 33 13 20 57
2 Ponte Preta 23 18 3 2 10 3 29 21 8 43
3 São Bento 15 18 0 4 7 7 12 19 -7 28
4 Ferroviária 14 18 0 5 4 9 10 19 -9 26
5 Portuguesa Santista 14 18 0 3 8 7 12 23 -11 26
Grupo B
Clube Pts J V-3 VS E D GP GC SG %
1 Botafogo 32 18 4 7 6 1 30 10 20 59
2 Corinthians 26 18 3 6 5 4 25 13 12 48
3 XV de Piracicaba 22 18 0 7 8 3 18 13 5 41
4 Juventus 19 18 2 3 7 6 25 23 2 35
5 XV de Jaú 12 18 1 4 1 12 12 25 -13 22
Grupo C
Clube Pts J V-3 VS E D GP GC SG %
1 São Paulo 27 18 2 8 5 3 30 15 15 50
2 Portuguesa 17 18 2 2 7 7 20 22 -2 31
3 Noroeste 16 18 0 6 4 8 20 26 -6 30
4 Marília 12 18 0 3 6 9 15 27 -12 22
5 Comercial 10 18 0 3 4 11 15 33 -18 19
Grupo D
Clube Pts J V-3 VS E D GP GC SG %
1 Guarani 23 18 2 6 5 5 22 16 6 43
2 Santos 21 18 1 6 6 5 20 18 2 39
3 América 18 18 1 6 3 8 17 23 -6 33
4 Paulista 15 18 1 2 8 7 13 19 -6 28
Pts — Pontos ganhos; J — Jogos; V-3 - Vitórias por 3 gols ou mais de saldo; VS - vitórias simples; E - Empates; D - Derrotas; GP — Gols pró; GC — Gols contra; SG — Saldo de gols; % - Aproveitamento de pontos
Classificados para a fase eliminatória.

Fase eliminatória[editar | editar código-fonte]

  Semifinais Final
             
 Botafogo* 0  
 Guarani 0  
 
     Botafogo* 0
   São Paulo 0
 Palmeiras 1
 São Paulo 3  

* Venceu pela melhor campanha como desempate.

Campeão da Taça Cidade de São Paulo de 1977

Botafogo

Segunda fase (Taça Governador do Estado de São Paulo)[editar | editar código-fonte]

Grupo A
Clube Pts J V-3 VS E D GP GC SG % TPG
1 Portuguesa 26 18 3 5 7 3 30 16 14 48 43
2 Santos 24 18 2 7 4 5 23 16 7 44 45
3 Comercial 20 18 1 5 7 5 23 18 5 37 30
4 São Bento 15 18 1 5 2 10 21 30 -9 28 30
5 Noroeste 7 18 0 2 3 13 12 35 -23 13 23
Grupo B
Clube Pts J V-3 VS E D GP GC SG % TPG
1 São Paulo 28 18 5 4 5 4 31 12 19 52 55
2 Guarani 24 18 1 7 7 3 21 13 8 44 47
3 América 19 18 3 3 4 8 24 18 6 35 37
4 Paulista 15 18 2 3 3 10 21 32 -11 28 30
5 Marília 12 18 0 5 2 11 15 35 -20 22 24
Grupo C
Clube Pts J V-3 VS E D GP GC SG % TPG
1 Corinthians 29 18 3 10 0 5 34 17 17 54 55
2 Ponte Preta 29 18 1 11 4 2 25 9 16 54 52
3 Juventus 20 18 2 5 4 7 20 20 0 37 39
4 XV de Jaú 16 18 1 4 5 8 20 30 -10 30 28
5 Portuguesa Santista 3 18 0 0 3 15 13 45 -32 6 17
Grupo D
Clube Pts J V-3 VS E D GP GC SG % TPG
1 Palmeiras 30 18 4 5 8 1 39 19 20 56 61
2 Botafogo 23 18 1 7 6 4 25 17 8 43 55
3 XV de Piracicaba 17 18 0 7 3 8 18 29 -11 31 39
4 Ferroviária 16 18 1 5 3 9 17 20 -3 30 30
Pts — Pontos ganhos; J — Jogos; V-3 - Vitórias por 3 gols ou mais de saldo; VS - Vitórias simples; E - Empates; D - Derrotas; GP — Gols pró; GC — Gols contra; SG — Saldo de gols; % - Aproveitamento de pontos; TPG: Total de pontos ganhos (exclua-se a fase eliminatória)
Classificados para a fase eliminatória e para o terceiro turno pelo total de pontos ganhos (TPG).
Classificado para a fase eliminatória. O Corinthians tinha vaga garantida no terceiro turno, pois viria ser campeão nesse turno.
Classificados para o terceiro turno pelo total de pontos ganhos (TPG).
O Botafogo tinha vaga garantida no terceiro turno por ser campeão da Taça Cidade de São Paulo.

Fase eliminatória[editar | editar código-fonte]

  Semifinais Final
             
 Palmeiras 2  
 Portuguesa 1  
 
     Palmeiras 0
   Corinthians 1
 Corinthians 2
 São Paulo 1  
Campeão da Taça Governador do Estado de São Paulo de 1977

Corinthians

Terceira fase (terceiro turno)[editar | editar código-fonte]

Classificação à fase final.
Eliminados.

* Não foi realizado a partida entre essas equipes.

Fase final[editar | editar código-fonte]

Primeira partida[editar | editar código-fonte]

5 de outubro de 1977 Ponte Preta 0–1 Corinthians Morumbi, São Paulo

Palhinha Gol marcado aos 14 minutos de jogo 14' Público: 65.806 pagantes
Árbitro: Dulcídio Wanderley Boschillia

Segunda partida[editar | editar código-fonte]

9 de outubro de 1977 Corinthians 1–2 Ponte Preta Morumbi, São Paulo

Vaguinho Gol marcado aos 67 minutos de jogo 67' Dicá Gol marcado aos 14 minutos de jogo 14'
Rui Rei Gol marcado aos 83 minutos de jogo 83'
Público: 138.032 pagantes
Árbitro: Romualdo Arppi Filho

Partida extraordinária[editar | editar código-fonte]

13 de outubro de 1977 Corinthians 1–0 Ponte Preta Morumbi, São Paulo

Basílio Gol marcado aos 81 minutos de jogo 81' Público: 86.677 pagantes
Árbitro: Dulcídio Wanderley Boschillia

Classificação[editar | editar código-fonte]

Fase final
Clube Pts J V E D GP GC SG
1 Corinthians* 5 3 2 0 1 3 2 1
2 Ponte Preta 2 3 1 0 2 2 3 -1
Pts — Pontos ganhos; J — Jogos; V - Vitórias; E - Empates; D - Derrotas;
GP — Gols pró; GC — Gols contra; SG — Saldo de gols
Campeão.

* Como o Corinthians ficou em primeiro lugar na classificação geral antes, foi acrescentado um ponto extra na disputa.

Campeão Paulista de 1977
São Paulo
Corinthians
Campeão
(16º título)

Classificação final[editar | editar código-fonte]

Classificação final
Clube Pts J V E D GP GC SG %
1 Corinthians 73 48 30 6 12 73 38 35 55
2 Ponte Preta 66 46 23 16 7 65 35 30 52
3 Botafogo 61 44 21 14 9 61 34 27 49
4 Palmeiras 67 45 22 17 6 78 44 34 53
5 São Paulo 66 46 23 13 10 73 36 37 52
6 Guarani 54 44 18 15 11 49 37 12 44
7 Portuguesa 50 44 14 17 13 56 46 10 40
8 Santos 49 43 17 12 14 47 43 4 40
9 XV de Piracicaba 39 36 14 11 11 36 42 -6 36
10 Juventus 39 36 12 11 13 45 43 2 36
11 América 37 36 13 7 16 41 41 0 34
12 Ferroviária 30 36 11 7 18 27 39 -12 28
13 São Bento 30 36 10 9 17 33 49 -16 28
14 Comercial 30 36 9 11 16 38 51 -13 28
15 Paulista 30 36 8 11 17 34 51 -17 28
16 XV de Jaú 28 36 10 6 20 32 55 -23 26
17 Marília 24 36 8 8 20 30 62 -32 22
18 Noroeste 23 36 8 7 21 32 61 -29 21
19 Portuguesa Santista 17 36 3 11 22 25 68 -43 16
Pts — Pontos ganhos; J — Jogos; V - Vitórias; E - Empates; D - Derrotas;
GP — Gols pró; GC — Gols contra; SG — Saldo de gols; % - Aproveitamento de pontos;
Campeão paulista e classificação à III Copa Brasil.
Vice-campeão paulista e classificação à III Copa Brasil.
Campeão da Taça Cidade de São Paulo e classificação à III Copa Brasil.
Eliminados no terceiro turno e classificação à III Copa Brasil.
Disputou apenas os dois turnos e classificação à III Copa Brasil.
Disputaram apenas os dois turnos.

Curiosidade[editar | editar código-fonte]

A segunda partida da fase final ficou marcada como o maior público de um estádio de futebol em todo o estado. Foram ao Estádio Cícero Pompeu de Toledo, 146.083 pessoas (sendo 138.032 pagantes) que assistiram o que podia ser o jogo do titulo do Corinthians. Esse recorde é mantido até os dias de hoje.

O Morumbi, que pertence ao São Paulo Futebol Clube, foi considerado também como a casa do futebol paulista, devido a sua capacidade. Foram realizados jogos da Seleção Brasileira na capital estadual, vários clássicos e partidas importantes dos clubes paulistas (envolvendo ou não o Tricolor).

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre futebol brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.