Hideki Yukawa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Hideki Yukawa Medalha Nobel
Física
Busto de Yukawa na Universidade de Kyoto, Japão
Nacionalidade Japão Japonês
Nascimento 23 de janeiro de 1907
Local Tóquio
Morte 8 de setembro de 1981 (74 anos)
Local Kyoto
Atividade
Campo(s) Física
Prêmio(s) Nobel prize medal.svg Nobel de Física (1949), Medalha de Ouro Lomonossov (1963)

Hideki Yukawa (湯川 秀樹, Yukawa Hideki?) (Tóquio, 23 de janeiro de 1907Kyoto, 8 de setembro de 1981) foi um físico teórico japonês.

Foi o primeiro japonês a receber um Nobel de Física, em 1949), por formular a hipótese dos mésons, baseado em trabalhos teóricos sobre forças nucleares.

Realizou seus estudos na Universidade de Kyoto, onde se graduou em 1929, posteriormente mudou-se para a Universidade Imperial de Osaka.

Especializado em física atômica e familiarizado com as ferramentas quânticas, propôs em 1935 uma original teoria que explicava a natureza das forças nucleares fortes, fazendo uso de uma partícula, o méson, cuja massa se situa entre os valores do próton e elétron, uma teoria análoga à vigente em eletrodinâmica quântica, que explicava a interação entre cargas elétricas por meio de intercâmbio de fótons. Ao descobrir em 1937 uma destas partículas – o pion - entre os raios cósmicos, a comunidade científica internacional começou a levar a sério suas hipóteses. Mesmo que posteriormente foram descobertos novos mésons que tornaram inviável o seu modelo, a teoria dos mésons avançou notavelmente o estudo da física de partículas subatômicas, e continua sendo utilizada para fins de cálculos aproximados em muitos casos. Em 1938 obteve o grau de doutor e, em 1939, obteve o posto de titular na Universidade de Kyoto.

Em 1947 foi professor nas universidades de Princeton e Columbia. Em 1953 assumiu o cargo de diretor do Instituto de Investigação de Física Fundamental de Kyoto. A partir de 1947 suas investigações sobre partículas subatômicas versaram sobre a teoria dos campos. Em 1949 recebeu o Nobel de Física.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Patrick Maynard Stuart Blackett
Nobel de Física
1949
Sucedido por
Cecil Frank Powell