Campeonato Brasileiro de Basquete Masculino

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Nota: Para a divisão de acesso, veja Campeonato Brasileiro de Clubes.
Campeonato Brasileiro de Basquete
Temporada ou competição atual:
Basketball current event.svg Novo Basquete Brasil de 2019–20
Atual logotipo do Campeonato Brasileiro (NBB)
Esporte Basquete
Fundada 1965
Temporada inaugural Taça Brasil de 1965
País(es)  Brasil
Continente União Sul-Americana de Nações América do Sul
Equipes 16
Atual campeão Rio de Janeiro Flamengo (7º título)
Maior campeão São Paulo Franca (11 títulos)
TV Band
Band Sports
ESPN
Fox Sports
Site oficial cbb.com.br
lnb.com.br
Nomes oficiais do Campeonato Brasileiro de Basquete
Taça Brasil de Basquete 1965–1989
Campeonato Nacional de Basquete 1990–2008
Novo Basquete Brasil (NBB) 2009–presente

O Campeonato Brasileiro de Basquete Masculino é uma competição brasileira de basquete, reconhecida pela Confederação Brasileira de Basketball (CBB), e atualmente organizado pela Liga Nacional de Basquete.

Entre os anos de 1965 e 1989, o campeonato era denominado Taça Brasil de Basquete; a partir de 1990, o torneio passou a ser chamado de Campeonato Nacional de Basquete[1] e organizado diretamente pela Confederação Brasileira.

Durante a década de 2000, a CBB enfrentou uma dissidência política que levou à criação da Nossa Liga de Basquetebol e à Associação de Clubes Brasileiros de Basquetebol. Ambas tiveram existência efêmera, mas levaram a mudanças na modalidade. Em 2008, foi fundada a Liga Nacional de Basquete e o Campeonato Brasileiro de Basquete passou a ser chamado de Novo Basquete Brasil (NBB) a partir de 2009.[2]

Em outubro de 2018, a CBB anunciou a criação do Campeonato Brasileiro de Clubes, com a primeira edição ocorrendo em 2019. Apesar do nome, trata-se da 2ª divisão nacional. O novo torneio substituiu a Liga Ouro, que era organizada pela Liga Nacional de Basquete.[3] O Novo Basquete Brasil permanece sendo a 1ª divisão nacional.[4][5]

A partir da edição 2018-2019, entre os dois turnos do NBB, acontece a Copa Super 8, torneio organizado pela Liga Nacional de Basquete entre as oito equipes melhor classificadas no 1º turno.[6]

Edições[editar | editar código-fonte]

Como Taça Brasil de Basquete[editar código-fonte]

Ano Campeão Placar(es) Vice 3º lugar 4º lugar
1965
Detalhes
São Paulo
Corinthians
2 – 1 Guanabara
Vasco da Gama
Não houve Não houve
1966
Detalhes
São Paulo
Corinthians
76 – 62
(jogo único)
Guanabara
Vasco da Gama
Minas Gerais
Minas
Ceará
América
1967
Detalhes
Guanabara
Botafogo
Quadrangular final São Paulo
Corinthians
Rio de Janeiro
Clube dos Funcionários
Pernambuco
Náutico
1968
Detalhes
São Paulo
Sírio
Hexagonal final São Paulo
Corinthians
Guanabara
Vasco da Gama
Guanabara
Botafogo
1969
Detalhes
São Paulo
Corinthians
Pentagonal final São Paulo
Sírio
Guanabara
Vasco da Gama
Rio Grande do Sul
Cruzeiro
1970
Detalhes
São Paulo
Sírio
Hexagonal final São Paulo
Corinthians
Guanabara
Vasco da Gama
Guanabara
Municipal
1971
Detalhes
São Paulo
Franca
Quadrangular final São Paulo
Sírio
Minas Gerais
Minas
Paraná
Arapongas
1972
Detalhes
São Paulo
Sírio
Hexagonal final Guanabara
Fluminense
São Paulo
Franca
Minas Gerais
Minas
1973
Detalhes
Goiás
Vila Nova
? São Paulo
Trianon
São Paulo
Palmeiras
Guanabara
Fluminense
1974
Detalhes
São Paulo
Franca
Hexagonal final Goiás
Vila Nova
Guanabara
Fluminense
São Paulo
Trianon
1975
Detalhes
São Paulo
Franca
? São Paulo
Palmeiras
Rio de Janeiro
Vasco da Gama
Rio de Janeiro
Flamengo
1976
Detalhes
Torneio cancelado
1977
Detalhes
São Paulo
Palmeiras
66 – 62
(jogo único)
Rio de Janeiro
Flamengo
São Paulo
Franca
Rio de Janeiro
Vasco da Gama
1978
Detalhes
São Paulo
Sírio
110 – 85
(jogo único)
São Paulo
Palmeiras
Goiás
Jóquei Clube
Rio de Janeiro
Vasco da Gama
1979
Detalhes
São Paulo
Sírio
87 – 86
(jogo único)
São Paulo
Franca
Rio de Janeiro
Vasco da Gama
Goiás
Jóquei Clube
1980
Detalhes
São Paulo
Franca
87 – 67
(jogo único)
Rio de Janeiro
Vasco da Gama
Goiás
Jóquei Clube
Minas Gerais
Ginástico
1981
Detalhes
São Paulo
São José
74 – 72
(jogo único)
São Paulo
Franca
Rio de Janeiro
Fluminense
Rio de Janeiro
Vasco da Gama
1981.II
Detalhes
São Paulo
Franca
Quadrangular final São Paulo
Sírio
São Paulo
Monte Líbano
Rio de Janeiro
Fluminense
1982
Detalhes
São Paulo
Monte Líbano
Quadrangular final São Paulo
Franca
São Paulo
Sírio
São Paulo
São José
1983
Detalhes
São Paulo
Sírio
Quadrangular final São Paulo
Corinthians
São Paulo
Monte Líbano
São Paulo
São José
1984-85
Detalhes
São Paulo
Monte Líbano
Quadrangular final Rio de Janeiro
Flamengo
São Paulo
Corinthians
São Paulo
Sírio
1985-86
Detalhes
São Paulo
Monte Líbano
Quadrangular final São Paulo
Corinthians
São Paulo
Franca
São Paulo
Sírio
1986
Detalhes
São Paulo
Monte Líbano
Quadrangular final São Paulo
Franca
São Paulo
Corinthians
São Paulo
Sírio
1987
Detalhes
São Paulo
Monte Líbano
Quadrangular final São Paulo
Sírio
São Paulo
Rio Claro
Rio de Janeiro
Vasco da Gama
1988-89
Detalhes
São Paulo
Sírio
Hexagonal final São Paulo
Franca
Rio de Janeiro
Flamengo
São Paulo
Rio Claro

Como Campeonato Nacional de Basquete[editar código-fonte]

Ano Campeão Placar(es) Vice 3º lugar 4º lugar
1990
Detalhes
São Paulo
Franca
3 – 0 São Paulo
Lwart/Lwarcel
São Paulo
Monte Líbano
São Paulo
Pirelli
1991
Detalhes
São Paulo
Franca
3 – 1 São Paulo
Ipê
Rio Grande do Sul
Corinthians-RS
São Paulo
Rio Claro
1992
Detalhes
São Paulo
Rio Claro
81 – 79
(jogo único)
São Paulo
Ipê
São Paulo
Franca
São Paulo
Report/Suzano
1993
Detalhes
São Paulo
Franca
86 – 62
(jogo único)
São Paulo
Ipê
São Paulo
Monte Líbano
São Paulo
Rio Claro
1994
Detalhes
Rio Grande do Sul
Corinthians-RS
3 – 2 São Paulo
Franca
São Paulo
Rio Claro
São Paulo
Ipê
1995
Detalhes
São Paulo
Rio Claro
3 – 1 São Paulo
Dharma/Yara/Franca
São Paulo
Ipê
São Paulo
Franca
1996
Detalhes
São Paulo
Corinthians
3 – 1 Rio Grande do Sul
Corinthians-RS
São Paulo
Rio Claro
São Paulo
Franca
1997
Detalhes
São Paulo
Franca
3 – 2 Rio Grande do Sul
Corinthians-RS
São Paulo
Corinthians
São Paulo
Mogi das Cruzes
1998
Detalhes
São Paulo
Franca
3 – 2 São Paulo
COC/Ribeirão Preto
Rio de Janeiro
Vasco da Gama
São Paulo
Rio Claro
1999
Detalhes
São Paulo
Franca
3 – 2 Rio de Janeiro
Vasco da Gama
São Paulo
Mackenzie/Microcamp
São Paulo
Bauru
2000
Detalhes
Rio de Janeiro
Vasco da Gama
3 – 1 Rio de Janeiro
Flamengo
Minas Gerais
Unit/Uberlândia
São Paulo
Franca
2001
Detalhes
Rio de Janeiro
Vasco da Gama
3 – 0 São Paulo
COC/Ribeirão Preto
Rio de Janeiro
Botafogo
São Paulo
Franca
2002
Detalhes
São Paulo
Bauru
3 – 0 São Paulo
Araraquara
Rio de Janeiro
Vasco da Gama
São Paulo
COC/Ribeirão Preto
2003
Detalhes
São Paulo
COC/Ribeirão Preto
3 – 1 Minas Gerais
Unit/Uberlândia
Minas Gerais
Minas
Goiás
Universo/Ajax
2004
Detalhes
Minas Gerais
Unit/Uberlândia
3 – 0 Rio de Janeiro
Flamengo
Goiás
Universo/Ajax
São Paulo
Corinthians/Mogi
2005
Detalhes
Rio de Janeiro
Telemar/Rio de Janeiro
3 – 1 Minas Gerais
Unitri/Uberlândia
São Paulo
COC/Ribeirão Preto
Distrito Federal (Brasil)
Lobos Brasília
2006
Detalhes
Torneio cancelado
2007
Detalhes
Distrito Federal (Brasil)
Lobos Brasília
3 – 1 São Paulo
Franca
Minas Gerais
Unitri/Uberlândia
Minas Gerais
Minas
2008
Detalhes
Rio de Janeiro
Flamengo
3 – 0 Distrito Federal (Brasil)
Lobos Brasília
Minas Gerais
Minas
Santa Catarina
Joinville BA

Como Novo Basquete Brasil[editar código-fonte]

Ano Campeão Placar(es) Vice 3º lugar 4º lugar
2009
Detalhes
Rio de Janeiro
Flamengo
3 – 2 Distrito Federal (Brasil)
Lobos Brasília
Minas Gerais
Minas
Santa Catarina
Joinville BA
2009-10
Detalhes
Distrito Federal (Brasil)
Lobos Brasília
3 – 2 Rio de Janeiro
Flamengo
São Paulo
Franca
Minas Gerais
Minas
2010-11
Detalhes
Distrito Federal (Brasil)
Lobos Brasília
3 – 1 São Paulo
Franca
São Paulo
Pinheiros
Rio de Janeiro
Flamengo
2011-12
Detalhes
Distrito Federal (Brasil)
Lobos Brasília
78 – 62
(jogo único)
São Paulo
São José
São Paulo
Pinheiros
Rio de Janeiro
Flamengo
2012-13
Detalhes
Rio de Janeiro
Flamengo
77 – 70
(jogo único)
Minas Gerais
Unitri/Uberlândia
São Paulo
Bauru
São Paulo
São José
2013-14
Detalhes
Rio de Janeiro
Flamengo
78 – 73
(jogo único)
São Paulo
Paulistano
São Paulo
São José
São Paulo
Mogi das Cruzes
2014-15
Detalhes
Rio de Janeiro
Flamengo
2 – 0 São Paulo
Bauru
São Paulo
Limeira
São Paulo
Mogi das Cruzes
2015-16
Detalhes
Rio de Janeiro
Flamengo
3 – 2 São Paulo
Bauru
São Paulo
Mogi das Cruzes
Distrito Federal (Brasil)
Lobos Brasília
2016-17
Detalhes
São Paulo
Bauru
3 – 2 São Paulo
Paulistano
Bahia
Universo/Vitória
São Paulo
Pinheiros
2017-18
Detalhes
São Paulo
Paulistano
3 – 1 São Paulo
Mogi das Cruzes
Rio de Janeiro
Flamengo
São Paulo
Bauru
2018-19
Detalhes
Rio de Janeiro
Flamengo
3 – 2 São Paulo
Franca
São Paulo
Mogi das Cruzes
Rio de Janeiro
Botafogo

Títulos[editar | editar código-fonte]

Por equipe[editar | editar código-fonte]

Clube Títulos Vices Anos dos Títulos Anos em que foi vice
São Paulo Franca 11 9 1971, 1974, 1975, 1980, 1981, 1990, 1991, 1993, 1997, 1998 e 1999 1979, 1981, 1982, 1986, 1988-89, 1994, 2007, 2010-11 e 2018-19
Rio de Janeiro Flamengo 7 5 2008, 2008-09, 2012-13, 2013-14, 2014-15, 2015-16 e 2018-19 1977, 1984-85, 2000, 2004 e 2009-10
São Paulo Sírio 7 4 1968, 1970, 1972, 1978, 1979, 1983 e 1988-89 1969, 1971, 1981, 1987
São Paulo Monte Líbano 5 0 1982, 1984-85, 1985-86, 1986 e 1987
São Paulo Corinthians 4 5 1965, 1966, 1969 e 1996 1967, 1968, 1970, 1983 e 1985-86
Distrito Federal (Brasil) Lobos Brasília 4 2 2007, 2009-10, 2010-11 e 2011-12 2008 e 2008-09
Rio de Janeiro Vasco da Gama 2 4 2000 e 2001 1965, 1966, 1980 e 1999
São Paulo Bauru 2 2 2002 e 2016-17 2014-15 e 2015-16
São Paulo Rio Claro 2 0 1992 e 1995
Minas Gerais Unitri/Uberlândia 1 3 2004 2003, 2005 e 2012-13
São Paulo Palmeiras 1 2 1977 1975 e 1978
Rio Grande do Sul Corinthians-RS 1 2 1994 1996 e 1997
São Paulo COC/Ribeirão Preto 1 2 2003 1998 e 2001
São Paulo Paulistano 1 2 2017-18 2013-14 e 2016-17
Goiás Vila Nova 1 1 1973 1974
São Paulo São José 1 1 1981 2011-12
Rio de Janeiro Botafogo 1 0 1967
Rio de Janeiro Telemar/Rio de Janeiro 1 0 2005

Por estado[editar | editar código-fonte]

Estado Títulos Vices 3º lugar 4º lugar
 São Paulo 35 35 27 26
 Rio de Janeiro 11 10 13 11
 Distrito Federal 4 2 0 2
 Minas Gerais 1 3 7 4
 Rio Grande do Sul 1 2 1 1
 Goiás 1 1 3 2
Bahia Bahia 0 0 1 0
 Santa Catarina 0 0 0 2
 Ceará 0 0 0 1
 Pernambuco 0 0 0 1
 Paraná 0 0 0 1

Por jogador[editar | editar código-fonte]

Atleta Total de Conquistas Anos dos Títulos
Fausto Giannecchini 7 1971, 1973, 1974, 1975, 1980, 1981 e 1983
Marcelinho Machado 7 2005, 2008, 2009, 2013, 2014, 2015 e 2016
Demétrius 6 1993, 1997, 1998, 2000, 2001 e 2005
Helinho 6 1997, 1998, 1999, 2000, 2001 e 2004
Marquinhos Vieira 6 2002, 2013, 2014, 2015, 2016 e 2019
Alex Garcia 6 2003, 2007, 2010, 2011, 2012 e 2017
Ubiratan Maciel 5 1965, 1966, 1969, 1977 e 1981
Hélio Rubens Garcia 5 1971, 1974, 1975, 1980 e 1981
Chuí 5 1981, 1989, 1993, 1998 e 1999
Cadum 5 1982, 1984, 1985, 1986 e 1987
Maury 5 1983, 1984, 1985, 1986 e 1987
Pipoka 5 1984, 1985, 1986, 1987 e 2007
Valtinho 5 1995, 1999, 2004, 2010 e 2017
Rogério Klafke 5 1997, 1998, 2000, 2001 e 2004
Nezinho 5 2003, 2007, 2010, 2011 e 2012
Gegê Chaia 5 2013, 2014, 2015, 2016 e 2017
Olivinha 5 2013, 2014, 2015, 2016 e 2019
Marquinhos Abdalla 4 1972, 1979, 1983 e 1989
Guerrinha 4 1980, 1981, 1990 e 1991
André Stoffel 4 1982, 1984, 1985 e 1986
Israel 4 1982, 1984, 1985 e 1986
Paulinho Villas Boas 4 1983, 1987, 1992 e 1995
Josuel 4 1993, 1995, 2002 e 2005
Duda Machado 4 2007, 2008, 2009 e 2013
Jogadores em atividade

Por técnico[editar | editar código-fonte]

Técnico Total de Conquistas Anos dos Títulos
Hélio Rubens Garcia 9 1990, 1991, 1993, 1997, 1998, 1999, 2000, 2001 e 2004
Pedro Murilla Fuentes 5 1971, 1974, 1975, 1980 e 1981
Cláudio Mortari 5 1977, 1978, 1979, 1983 e 1995
Edvar Simões 5 1981, 1984, 1985, 1986 e 1987
José Neto 4 2013, 2014, 2015 e 2016
Moacyr Brondi Daiuto 3 1965, 1966 e 1969
José Carlos Vidal 3 2007, 2011 e 2012
Angel Crespo 2 1968 e 1970
Lula Ferreira 2 2003 e 2010
Paulo Chupeta 2 2008 e 2009
Gustavo de Conti 2 2018 e 2019
Técnicos em atividade

Melhores do campeonato[editar | editar código-fonte]

Foram consideradas as maiores médias em cada quesito e não o valor total.

Edição Assistência Roubo de Bola Cestinha Toco Reboteiro
1996
Detalhes
Brasil Maury
(Guaru)
Brasil Demétrius
(Franca)
Brasil Rogério Klafke
(Franca)
Brasil Oscar Schmidt
(Corinthians)
Brasil Caio Silveira
(Nosso Clube-Limeira)
1997
Detalhes
Estados Unidos Marc Brown
(Corinthians-RS)
Brasil Luís Felipe
(ABAJ-Joinville)
Brasil Oscar Schimdt
(Corinthians)
Brasil Pipoka
(Mogi das Cruzes)
Brasil Josuel
(COC/Ribeirão Preto)
1998
Detalhes
Brasil Demétrius
(Franca)
Estados Unidos Ernest Patterson
(Palmeiras)
Brasil Oscar Schimdt
(Bandeirantes/Barueri)
Brasil Pipoka
(Mogi das Cruzes)
Estados Unidos Leon Jones
(Palmeiras)
1999
Detalhes
Brasil Maury
(Bauru)
Brasil Marcelinho Machado
(Botafogo)
Brasil Oscar Schimdt
(Mackenzie/Microcamp/Barueri)
Brasil Pipoka
(Flamengo)
Brasil Josuel
(Mackenzie/Microcamp/Barueri)
2000
Detalhes
Brasil Maury
(Bauru)
Brasil Demétrius
(Vasco)
Brasil Oscar Schimdt
(Flamengo)
Brasil Alírio
(Mogi das Cruzes)
Brasil Gastão
(Casa Branca)
2001
Detalhes
Brasil Álvaro Reis
(Unisanta)
Brasil Fúlvio
(Casa Branca)
Brasil Oscar Schimdt
(Flamengo)
Brasil Marcionílio
(Universo/Ajax)
Estados Unidos Mike Higgins
(Fluminense)
2002
Detalhes
Brasil Valtinho
(Unit/Uberlândia)
Brasil Demétrius
(Minas)
Brasil Oscar Schimdt
(Flamengo)
Brasil Alírio
(Mogi das Cruzes)
Brasil Janjão
(Flamengo)
2003
Detalhes
Argentina Daniel Farabello
(Vasco)
Brasil Valtinho
(Unit/Uberlândia)
Brasil Oscar Schimdt
(Flamengo)
Brasil Alírio
(Mogi das Cruzes)
Brasil Ricardo Probst
(Londrina)
2004
Detalhes
Brasil Nezinho
(COC/Ribeirão Preto)
Brasil Valtinho
(Unit/Uberlândia)
Brasil Vanderlei Mazzuchini
(Universo/Ajax)
Brasil Alírio
(Corinthians/Mogi)
Brasil Luís Fernando
(Araraquara)
2005
Detalhes
Brasil Nezinho
(COC/Ribeirão Preto)
Brasil Marcelinho
(Telemar/Rio de Janeiro)
Brasil Vanderlei Mazzuchini
(Joinville BA)
Brasil Todão
(Ulbra/Torres)
Brasil Ricardo Probst
(Paulistano)
2006
Detalhes
Brasil Nezinho
(COC/Ribeirão Preto)
Brasil Demétrius
(Franca)
Brasil Jefferson William
(COC/Ribeirão Preto)
Brasil Murilo Becker
(Franca)
Brasil Paulão Prestes
(COC/Ribeirão Preto)
2007
Detalhes
Argentina Facundo Sucatzky
(Minas)
Brasil Nezinho
(Lobos Brasília)
Estados Unidos Victor Thomas
(Minas)
Brasil Alírio
(Lobos Brasília)
Brasil Shilton
(Joinville BA)
2008
Detalhes
Argentina Facundo Sucatzky
(Minas)
Brasil Duda Machado
(Flamengo)
Brasil Marcelinho
(Flamengo)
Brasil Estevam
(Lobos Brasília)
Brasil Shilton
(Joinville BA)
2009
Detalhes
Argentina Facundo Sucatzky
(Minas)
Estados Unidos Larry Taylor
(Bauru)
Brasil Marcelinho
(Flamengo)
Brasil Teichmann
(Limeira)
Brasil Shilton
(Joinville BA)
2009-10
Detalhes
Argentina Facundo Sucatzky
(Minas)
Estados Unidos Magen McNeil
(Cetaf)
Brasil Marcelinho
(Flamengo)
Brasil Adriano
(ADL-Londrina)
Brasil Olivinha
(Pinheiros)
2010-11
Detalhes
Brasil Fúlvio
(São José)
Brasil Nezinho
(Lobos Brasília)
Brasil Marcelinho
(Flamengo)
Brasil Adriano
(Assis)
Brasil Shilton
(Joinville BA)
2011-12
Detalhes
Brasil Fúlvio
(São José)
Estados Unidos Kojo
(Joinville BA)
Brasil Murilo
(São José)
Brasil Léo Waszkiewicz
(Unitri/Uberlândia)
Brasil Murilo
(São José)
2012-13
Detalhes
Brasil Fúlvio
(São José)
Brasil Neto
(Liga Sorocabana)
Brasil Marquinhos
(Flamengo)
Brasil Felipe
(Basquete Cearense)
Brasil Olivinha
(Flamengo)
2013-14
Detalhes
Brasil Valtinho
(Unitri/Uberlândia)
Argentina Maxi Stanic
(Palmeiras)
Estados Unidos Shamell
(Pinheiros)
Brasil Morro
(Pinheiros)
Brasil Jefferson William
(São José)
2014-15
Detalhes
Brasil Ricardo Fischer
(Bauru)
Estados Unidos Worrell Clahar
(Liga Sorocabana)
Estados Unidos Shamell
(Mogi das Cruzes)
Estados Unidos Jerome Meyinsse
(Flamengo)
Brasil Caio Torres
(São José)
2015-16
Detalhes
Brasil Fúlvio
(Lobos Brasília)
Brasil Neto
(Liga Sorocabana)
Brasil Neto
(Liga Sorocabana)
Brasil Thiago Mathias
(Franca)
Brasil Teichmann
(Rio Claro)
2016-17
Detalhes
Brasil Fúlvio
(Lobos Brasília)
Estados Unidos Kenny Dawkins
(Universo/EC Vitória)
Estados Unidos Kendall Anthony
(Macaé)
Brasil Léo Waszkiewicz
(Basquete Cearense)
Brasil Olivinha
(Flamengo)
2017-18
Detalhes
Brasil Gegê
(Minas)
Estados Unidos Deonta Stocks
(Joinville-AABJ)
Brasil Marquinhos
(Flamengo)
Brasil Teichmann
(Minas)
Brasil Léo Waszkiewicz
(Basquete Cearense)
2018-19
Detalhes
Brasil Gegê
(Minas)
Brasil Jefferson Socas
(Joinville-AABJ)
Estados Unidos Kyle Fuller
(Corinthians)
Brasil Léo Waszkiewicz
(Minas)
Brasil J.P. Batista
(Mogi das Cruzes)

Seleção do NBB[editar | editar código-fonte]

Edição Pos. 1 Pos. 2 Pos. 3 Pos. 4 Pos. 5
2008-09
Detalhes
Estados UnidosBrasil Larry Taylor
(Bauru)
Brasil Alex Garcia
(Lobos Brasília)
Brasil Marcelinho Machado
(Flamengo)
Brasil Rafael Bábby
(Flamengo)
Brasil Murilo Becker
(Minas)
2009-10
Detalhes
Brasil Fúlvio
(São José)
Brasil Alex Garcia
(Lobos Brasília)
Brasil Marcelinho Machado
(Flamengo)
Brasil Guilherme Giovannoni
(Lobos Brasília)
Brasil Murilo Becker
(Minas)
2010-11
Detalhes
Estados UnidosBrasil Larry Taylor
(Bauru)
Brasil Alex Garcia
(Lobos Brasília)
Brasil Marquinhos
(Pinheiros)
Brasil Guilherme Giovannoni
(Lobos Brasília)
Brasil Murilo Becker
(São José)
2011-12
Detalhes
Brasil Fúlvio
(São José)
Brasil Alex Garcia
(Lobos Brasília)
Brasil Marquinhos
(Pinheiros)
Brasil Guilherme Giovannoni
(Lobos Brasília)
Brasil Murilo Becker
(São José)
2012-13
Detalhes
Brasil Fúlvio
(São José)
Estados Unidos Robert Day
(Unitri/Uberlândia)
Brasil Marquinhos
(Flamengo)
Brasil Rafael Mineiro
(Pinheiros)
Brasil Caio Torres
(Flamengo)
2013-14
Detalhes
Argentina Nicolás Laprovittola
(Flamengo)
Estados Unidos David Jackson
(Limeira)
Brasil Marquinhos
(Flamengo)
Brasil Jefferson William
(São José)
Brasil Paulão Prestes
(Franca)
2014-15
Detalhes
Brasil Ricardo Fischer
(Bauru)
Brasil Alex Garcia
(Bauru)
Brasil Marquinhos
(Flamengo)
Brasil Guilherme Giovannoni
(Lobos Brasília)
Brasil Rafael Hettsheimeir
(Bauru)
2015-16
Detalhes
Brasil Davi Rosseto
(Basquete Cearense)
Brasil Alex Garcia
(Bauru)
Brasil Marquinhos
(Flamengo)
Brasil Caio Torres
(Paulistano)
Brasil Rafael Hettsheimeir
(Bauru)
2016-17
Detalhes
Brasil Fúlvio
(Lobos Brasília)
Brasil Alex Garcia
(Bauru)
Estados Unidos Desmond Holloway
(Pinheiros)
Brasil Jefferson William
(Bauru)
Brasil Lucas Mariano
(Lobos Brasília)
2017-18
Detalhes
Brasil Elinho
(Paulistano)
Brasil Cauê Borges
(Caxias do Sul)
Brasil Marquinhos
(Flamengo)
Estados Unidos Tyrone
(Mogi das Cruzes)
Brasil Rafael Hettsheimeir
(Bauru)
2018-19
Detalhes
Argentina Franco Balbi
(Flamengo)
Estados Unidos David Jackson
(Franca)
Brasil Marquinhos
(Flamengo)
Brasil Lucas Dias
(Franca)
Brasil J.P. Batista
(Mogi das Cruzes)

Jogador Mais Valioso (MVP)[editar | editar código-fonte]

Participantes por estado (1990-presente)[editar | editar código-fonte]

Ano São Paulo Rio de Janeiro Minas Gerais Rio Grande do Sul Distrito Federal (Brasil) Santa Catarina Paraná Goiás Espírito Santo (estado) Pernambuco Bahia Ceará Paraíba TOTAL
SP RJ MG RS DF SC PR GO ES PE BA CE PB
1990 5 2 3 1 1 0 0 0 0 0 0 0 0 12
1991 5 0 3 2 0 0 0 1 0 0 0 0 0 11
1992 6 1 2 2 0 0 0 1 0 0 0 0 0 12
1993 8 1 2 2 0 0 1 2 0 0 0 0 0 16
1994 9 3 2 1 0 1 1 0 0 0 0 0 0 17
1995 11 4 3 1 0 1 1 0 0 0 0 0 0 21
1996 6 1 2 1 0 1 1 0 0 0 0 0 0 12
1997 6 1 2 1 0 1 1 0 0 0 0 0 0 12
1998 7 3 1 1 0 1 1 0 0 0 0 0 0 14
1999 7 3 1 1 0 1 1 0 0 0 0 0 0 14
2000 7 3 1 1 0 1 1 0 0 0 0 0 0 14
2001 7 4 1 1 0 1 1 1 0 0 0 0 0 16
2002 8 4 2 1 0 0 1 1 0 0 0 0 0 17
2003 9 3 2 1 0 0 1 1 0 0 0 0 0 17
2004 6 3 2 1 1 1 1 1 0 0 0 0 0 16
2005 6 2 2 1 1 1 2 1 0 0 0 0 0 16
2006 9 1 2 0 1 2 1 1 0 1 0 0 0 18
2007 3 3 2 0 1 1 1 0 2 0 0 0 0 13
2008 1 2 2 1 1 1 1 0 2 0 1 0 0 12
2009 8 1 1 1 1 1 0 0 2 0 0 0 0 15
2009/10 7 1 1 0 1 1 1 0 2 0 0 0 0 14
2010/11 8 1 2 0 1 1 0 0 2 0 0 0 0 15
2011/12 8 2 2 0 1 1 0 0 1 0 0 0 0 15
2012/13 10 2 2 0 1 1 0 0 1 0 0 1 0 18
2013/14 9 2 2 0 1 0 0 1 1 0 0 1 0 17
2014/15 10 2 2 0 1 0 0 0 0 0 0 1 0 16
2015/16 8 2 1 1 1 0 0 0 0 0 1 1 0 15
2016/17 6 3 1 1 1 0 1 0 0 0 1 1 0 15
2017/18 6 3 1 1 0 1 1 0 0 0 1 1 0 15
2018/19 7 3 1 0 1 1 0 0 0 0 0 1 0 14
2019/20 9 2 1 0 1 0 1 0 0 0 0 1 1 16

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Perguntas Frequentes». www.cbb.com.br. Consultado em 13 de novembro de 2015 
  2. «Perguntas Frequentes». www.cbb.com.br. Consultado em 13 de novembro de 2015 
  3. «Primeira reunião para estruturação do Campeonato Brasileiro Masculino Adulto acontece nesta terça - Notícias - Confederação Brasileira de Basketball». www.cbb.com.br. Consultado em 24 de outubro de 2018 
  4. «Comunicado Oficial - CBB / LNB». bx3. Consultado em 8 de março de 2019 
  5. «Nota oficial». lnb.com.br. Consultado em 8 de março de 2019 
  6. «Vem aí: Copa Super 8». lnb.com.br. Consultado em 6 de fevereiro de 2019