Liga de Desenvolvimento de Basquete

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Liga de Desenvolvimento de Basquete
Temporada ou competição atual:
LDB 2019
Esporte Basquete
Fundada 2011
Temporada inaugural LDO 2011
País(es)  Brasil
Continente União Sul-Americana de Nações América do Sul
Equipes 11
Atual campeão São Paulo Pinheiros
Maior campeão São Paulo Pinheiros (3 títulos)
Site oficial lnb.com.br


A Liga de Desenvolvimento de Basquete (LDB) é o principal campeonato de base do basquetebol brasileiro. Inicialmente, na sua 1ª edição, chamava-se Liga de Desenvolvimento Olímpico (LDO) e era o Campeonato Brasileiro Sub-21 de Basquete Masculino, tendo reunido os participantes do NBB 4 (temporada 2011-2012). A partir da 2ª edição (2012-2013), houve a mudança de nome e o torneio passou a ser Sub-22.[1] A partir da edição de 2017, a LDB passou a ser uma competição Sub-20.[2]

A partir de 2018, o campeão da LDB passou a enfrentar o vencedor da Liga de Desarrollo (equivalente a LDB na Argentina) na Taça Interligas de Desenvolvimento.[3]

Edições[editar | editar código-fonte]

Ano Sede da Final Campeão Placar(es) Vice 3º lugar 4º lugar
2011
Detalhes
Rio de Janeiro Rio de Janeiro Rio de Janeiro
Flamengo
70 – 68 São Paulo
Bauru
São Paulo
Paulistano
Distrito Federal (Brasil)
Lobos Brasília
2012
Detalhes
Distrito Federal (Brasil) Brasília São Paulo
Bauru
73 – 64 São Paulo
Franca
Rio de Janeiro
Flamengo
São Paulo
São José
2013
Detalhes
Rio de Janeiro Rio de Janeiro Rio de Janeiro
Flamengo
51 – 42 Minas Gerais
Minas
São Paulo
Pinheiros
Distrito Federal (Brasil)
Lobos Brasília
2014
Detalhes
Ceará Fortaleza Ceará
Basquete Cearense
63 – 58 Rio de Janeiro
Flamengo
São Paulo
Limeira
São Paulo
Pinheiros
2015
Detalhes
Minas Gerais Belo Horizonte São Paulo
Pinheiros
81 – 78 Minas Gerais
Minas
Pernambuco
Sport
Distrito Federal (Brasil)
Lobos Brasília
2016
Detalhes
São Paulo São Bernardo do Campo São Paulo
Franca
66 – 50 São Paulo
São José
São Paulo
Metodista/São Bernardo
São Paulo
Limeira
2017-18
Detalhes
São Paulo São Paulo São Paulo
Paulistano
83 – 73 São Paulo
São José
São Paulo
Franca
São Paulo
Pinheiros
2018
Detalhes
São Paulo São Paulo São Paulo
Pinheiros
81 – 61 São Paulo
Paulistano
São Paulo
Palmeiras
Rio de Janeiro
Flamengo
2019
Detalhes
São Paulo São Paulo São Paulo
Pinheiros
71 – 65 São Paulo
Franca
São Paulo
Paulistano
Rio de Janeiro
Flamengo

Títulos[editar | editar código-fonte]

Por equipe[editar | editar código-fonte]

Clube Títulos Vices 3º lugar 4º lugar
São Paulo Pinheiros 3 (2015, 2018 e 2019) 0 1 (2013) 2 (2014 e 2017-18)
Rio de Janeiro Flamengo 2 (2011 e 2013) 1 (2014) 1 (2012) 2 (2018 e 2019)
São Paulo Franca 1 (2016) 2 (2012 e 2019) 1 (2017-18) 0
São Paulo Paulistano 1 (2017-18) 1 (2018) 2 (2011 e 2019) 0
São Paulo Bauru 1 (2012) 1 (2011) 0 0
Ceará Basquete Cearense 1 (2014) 0 0 0
Minas Gerais Minas 0 2 (2013 e 2015) 0 0
São Paulo São José 0 2 (2016 e 2017-18) 0 1 (2012)
São Paulo Limeira 0 0 1 (2014) 1 (2016)
Pernambuco Sport 0 0 1 (2015) 0
São Paulo Metodista/São Bernardo 0 0 1 (2016) 0
São Paulo Palmeiras 0 0 1 (2018) 0
Distrito Federal (Brasil) Lobos Brasília 0 0 0 3 (2011, 2013 e 2015)

Por federação[editar | editar código-fonte]

Estado Títulos Vices 3º lugar 4º lugar
 São Paulo 6 6 7 4
 Rio de Janeiro 2 1 1 2
 Ceará 1 0 0 0
 Minas Gerais 0 2 0 0
 Pernambuco 0 0 1 0
 Distrito Federal 0 0 0 3

Histórico das equipes[editar | editar código-fonte]

Equipe 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017–18 2018 2019 Participações
Goiás Anápolis 18º 1
São Paulo Araraquara 16º 1
São Paulo Bauru 12º 5
Santa Catarina Blumenau 20º 1
Rio de Janeiro Botafogo 24º 2
Paraná Campo Mourão 16º 1
Ceará Basquete Cearense 14º 12º 5
Santa Catarina Concórdia 23º 1
São Paulo Corinthians 1
Paraná Coritiba Monsters/Soc.Thalia 1
Paraná Curitiba/CMP 13º 10º 7
Paraíba Extremos 23º 10º 2
Bahia Faculdade 2 de Julho 18º 1
Rio de Janeiro Flamengo 22º 9
São Paulo Franca 9
Minas Gerais Ginástico/Olympico 13º 3
Rio Grande do Sul GNU 17º 19º 24º 3
Goiás Goiânia 14º 1
São Paulo Inter Santos 20º 1
Santa Catarina Joinville BA 22º 21º 3
São Paulo Liga Sorocabana 15º 2
São Paulo Limeira 12º 12º 16º 6
Distrito Federal (Brasil) Lobos Brasília 5
Paraná Londrina 15º 1
Rio de Janeiro Macaé 15º 15º 2
Paraná Maringá 11º 13º 2
Minas Gerais Minas 12º 10º 9
São Paulo Mogi das Cruzes 11º 1
Pernambuco Náutico 14º 14º 2
São Paulo Palmeiras 10º 17º 3
São Paulo Paulistano 11º 11º 11º 8
Santa Catarina PEB Rio do Sul 11º 1
São Paulo Pinheiros 8
Minas Gerais Praia Clube 13º 13º 10º 10º 5
São Paulo Regatas 23º 1
São Paulo Rio Claro 1
Espírito Santo (estado) Saldanha da Gama 13º 16º 19º 3
São Paulo Metodista/São Bernardo 1
São Paulo São José 11º 19º 8
Maranhão São Luís 17º 1
Brasil Seleção Sub-17 18º 1
Rio Grande do Sul Sogipa 1
Pernambuco Sport 10º 4
São Paulo Suzano Basquete 1
São Paulo Taubaté 16º 1
Rio de Janeiro Tijuca 14º 14º 12º 17º 4
Paraná Tittãs 21º 1
Rio Grande do Sul União Corinthians 11º 2
Espírito Santo (estado) Vila Velha 10º 15º 2
Bahia Vitória 18º 1

Jogador Mais Valioso[editar | editar código-fonte]

2011 - Brasil Fred "Varejinho" Duarte (Flamengo)

2012 - Brasil Andrezão Silva (Bauru)

2013 - Brasil Ronald Reis (Lobos Brasília)

2014 - Brasil Cristiano Felício (Flamengo)

2015 - Brasil Lucas Dias (Pinheiros)

2016 - Brasil João Pedro (Sesi/Franca)

2017/18 - Brasil André Dikembe (Paulistano)

2018 - Brasil João Marcelo "Mãozinha" Pereira (Maringá)

2019 - Brasil André Dikembe (Paulistano)


Referências

  1. Globo.com. «Chamada da Liga de Desenvolvimento de Basquete». Consultado em 27 de julho de 2015 
  2. «LDB chegando» 
  3. «Paulistano bate Quimsa e conquista a Taça Interligas de Desenvolvimento». Gazeta Esportiva. 16 de junho de 2018. Consultado em 30 de junho de 2019