Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais
(CNPEM)
Tipo Organização Social
Fundação 26 de novembro de 1997
Propósito Pesquisa e desenvolvimento
Sede Distrito de Barão Geraldo
Campinas
São Paulo
 Brasil
Línguas oficiais português
Filiação MCTI
Diretor-geral Antônio José Roque da Silva, Dr.
(ver anteriores)
Antigo nome Associação Brasileira de Tecnologia de Luz Síncrotron (ABTLuS)
Sítio oficial cnpem.br

O Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM) é a nova denominação da Associação Brasileira de Tecnologia de Luz Síncrotron (ABTLuS), Organização Social qualificada pelo Decreto nº 2.405, de 26 de novembro de 1997, pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). É responsável pela gestão do Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS), Laboratório Nacional de Biociências (LNBio), Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia do Bioetanol (CTBE) do Laboratório Nacional de Nanotecnologia (LNNano).[1]

Laboratórios nacionais[editar | editar código-fonte]

Os quatro laboratórios nacionais têm projetos próprios de pesquisa e participam ainda da agenda transversal de investigação coordenada pelo CNPEM, que articula instalações e competências científicas em torno de temas estratégicos. Todos os laboratórios têm seus equipamentos de pesquisas abertos à comunidade acadêmica e empresarial do Brasil e exterior.

Panorama do UVX LNLS.

LNLS[editar | editar código-fonte]

O Laboratório Nacional de Luz Síncrotron opera a única fonte de luz síncrotron da América Latina e um conjunto de instrumentações científicas para análise dos mais diversos tipos de materiais, orgânicos e inorgânicos.

LNBio[editar | editar código-fonte]

No Laboratório Nacional de Biociências são desenvolvidas pesquisas em áreas de fronteira da Biociência, com foco em biotecnologia e fármacos.

LNNano[editar | editar código-fonte]

O Laboratório Nacional de Nanotecnologia realiza investigações com materiais avançados, com grande potencial econômico para o País.

CTBE[editar | editar código-fonte]

O Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia do Bioetanol investiga novas tecnologias para a produção de etanol celulósico.


Referências