Ouro Verde (Campinas)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ouro Verde
—  Distrito do Brasil  —
A Avenida Ruy Rodriguez é uma das principais vias do Ouro Verde.
A Avenida Ruy Rodriguez é uma das principais vias do Ouro Verde.
Estado  São Paulo
Município Campinas
População
 - Total 240 000 habitantes
Limites Norte: Campo Grande
Leste: Campinas
Sul: Indaiatuba
Oeste: Monte Mor

Ouro Verde é um dos seis distritos do município de Campinas, no estado de São Paulo. Criado por plebiscito no ano de 2015, fica a 14 km do centro e tem a Rodovia dos Bandeirantes e a Rodovia Santos Dumont (SP-75) como limite ao restante do município de Campinas e o Rio Capivari como limite com o distrito de Campo Grande,[1] também criado em 2015. O começo do povoamento dessa região é de meados dos anos 1950. Atualmente é o distrito mais populoso da cidade, com cerca de 240 mil habitantes em 140 bairros. [2] A população dessa região se diferencia do restante da cidade por ser mais jovem.

O distrito conta com dois terminais de ônibus próprios, terminal Ouro Verde (T.O.V) e terminal Vida Nova (T.V.N.), onde são transportadas por dia cerca de 180 mil passageiros diariamente. Conta também com alguns Conjuntos Habitacionais Populares e um dos principais centros médicos da cidade, o Complexo Hospitalar Ouro Verde (C.H.O.V.) inaugurado em 2008, que atende por mês, cerca de 18 mil pacientes no seu pronto socorro, além de fazer cerca de 300 cirurgias. 12 centros de saúde espalhados por todo o distrito, bosque do DIC I e bosque do DIC V), parque Dom Bosco na região do Vida Nova e uma rede de serviços variada, entre hotéis, bancos, supermercados, Shopping Spazzio Ouro Verde e instituições de ensino. Nele também se localiza o Distrito Industrial[3] e o Aeroporto de Viracopos, maior aeroporto de cargas da América Latina.

História[editar | editar código-fonte]

Ouro Verde, na região sudoeste da cidade, surgiu a partir da década de 50. O crescimento aconteceu sem planejamento e infraestrutura adequados.

Elevação a distrito[editar | editar código-fonte]

A Rua Armando Frederico Renganeschi é uma das principais vias do Jardim Cristina, bairro no qual se situa o Terminal Ouro Verde.

O Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo decidiu que a população de todo município de Campinas votaria pela criação ou não dos distritos do Ouro Verde e do Campo Grande em 5 de outubro de 2014,[1] data do primeiro turno das eleições gerais para os cargos estaduais e federais. O resultado da eleição foi favorável à criação dos dois distritos, com 54,16% dos votos válidos favoráveis[2] à criação do distrito do Campo Grande.

Resultado eleitoral[editar | editar código-fonte]

"Você é a favor da criação do distrito de Ouro Verde?"
Resposta Votos  %
Não 243367 45,85%
Sim 287408 54,15%
Votos em branco 59.643 9,28%
Votos nulos 52.314 8,14%
Votos válidos 530.775 82,58%
Fonte:[3]
  • Seções: 2.170
  • Eleitorado: 806.999
  • Abstenção: 164.267 (20,36%)
  • Comparecimento: 642.732 (79,64%)

Legislação e Limites[editar | editar código-fonte]

O distrito foi oficialmente criado pela Lei municipal 15.059, de 10 de setembro de 2015,[4] publicada na edição do dia seguinte do Diário Oficial do Município, publicada na edição do dia seguinte do Diário Oficial do Município e promulgada pelo prefeito Jonas Donizette (PSB). Conforme o diploma legal, o distrito de Ouro Verde está separado do distrito de Campo Grande pelo Rio Capivari e do distrito-sede de Campinas pelo eixo da Rodovia dos Bandeirantes (SP-348), iniciando-se no cruzamento da rodovia com o rio, até o cruzamento com a Rodovia Santos Dumont (SP-75), no qual, seguindo por esse eixo, encontra o Rio Capivari-Mirim.

Bairros[editar | editar código-fonte]

  1. Chácara Aeroporto de Viracopos
  2. Chácara Dois Riachos
  3. Chácara Formosa
  4. Chácara Novo São Paulo
  5. Chácara Pouso Alegre
  6. Chácara Recanto Campestre de Viracopos
  7. Chácara Recanto Campestre
  8. Chácara Santos Dumont
  9. Chácara São José
  10. Chácara São Judas Tadeu
  11. Chácara Santa Letícia
  12. Chácara Vista Alegre
  13. Conjunto Habitacional Vida Nova
  14. Conjunto Mauro Marcondes
  15. Conjunto Residencial Vida Nova
  16. Descampado
  17. Distrito Industrial
  18. DIC I (Monsenhor Luís Fernando Abreu)
  19. DIC II (Doutor Antônio Mendonça de Barros)
  20. DIC III (Rui Novais)
  21. DIC IV (Lech Walesa)
  22. DIC V (Chico Mendes)
  23. DIC VI (Santo Dias da Silva)
  24. Eldorado dos Carajás
  25. Fazenda Castelo
  26. Fazenda Roseiras
  27. Fazenda São João
  28. Friburgo
  29. Jardim Acadêmico
  30. Jardim Adhemar de Barros
  31. Jardim Aeroporto
  32. Jardim Aeroporto de Viracopos
  33. Jardim Aeronave
  34. Jardim Atlântico
  35. Jardim Aviação
  36. Jardim Bom Jesus Pirapora
  37. Jardim Califórnia
  38. Jardim Cidade Universitária
  39. Jardim Columbia
  40. Jardim Cristina
  41. Jardim Cruzeiro do Sull
  42. Jardim Esplanada
  43. Jardim Guayanila
  44. Jardim Hangar
  45. Jardim Ipiranga
  46. Jardim Interland Paulista
  47. Jardim Internacional Viracopos
  48. Jardim Marajó
  49. Jardim Maria Helena
  50. Jardim Melina I
  51. Jardim Melina II
  52. Jardim Mercedes
  53. Jardim Novo Itaguaçu
  54. Jardim Novo Horizonte
  55. Jardim Ouro Verde
  56. Jardim Pampulha
  57. Jardim Paraíso de Viracopos
  58. Jardim Paulista
  59. Jardim Planalto de Viracopos
  60. Jardim Petrópolis
  61. Jardim Rosalina
  62. Jardim Santa Rita de Cássia
  63. Jardim Santos
  64. Jardim Santos Dumont
  65. Jardim São Cristóvão
  66. Jardim São Francisco
  67. Jardim São Jeronimo
  68. Jardim São João
  69. Jardim São Joaquim
  70. Jardim São Jorge
  71. Jardim São Pedro de Viracopos
  72. Jardim São Roque
  73. Jardim Santa Isabel
  74. Jardim Santa Letícia
  75. Jardim Santo Amaro
  76. Jardim Santo Antônio
  77. Jardim Shangai
  78. Jardim Umuarama
  79. Jardim Universitário de Viracopos
  80. Jardim Uruguai
  81. Jardim Vera Cruz
  82. Jardim Vista Alegre
  83. Jardim Yara
  84. Loteamento Santa Fé
  85. Núcleo Residencial Vila Vitória
  86. Parque Campinas
  87. Parque Central de Viracopos
  88. Parque Dom Pedro II
  89. Parque das Indústrias
  90. Parque Montreal
  91. Parque Universitário
  92. Parque Viracopos
  93. Parque Vista Alegre
  94. Recanto do Sol
  95. Recanto do Sol I
  96. Recanto do Sol II
  97. Residencial Campina Verde~
  98. Residencial Città di Firenze
  99. Residencial Città di Salerno
  100. Residencial Flávia
  101. Residencial São José
  102. Sítio São José
  103. Vila Aeroporto
  104. Vila Congonhas
  105. Vila Nilza
  106. Vila Vitória

Galeria[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Plebiscito em Campinas». Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo. 9 de setembro de 2014. Consultado em 6 de outubro de 2014 
  2. G1 Campinas e Região (5 de outubro de 2014). «Eleitores de Campinas aprovam em plebiscito criação de novos distritos». G1. Consultado em 6 de outubro de 2014 
  3. Correio.com (5 de outubro de 2014). «POPULAÇÃO DIZ SIM PARA OS NOVOS DISTRITOS». Correio Popular. Consultado em 6 de outubro de 2014 
  4. «Lei 15.059, de 10 de setembro de 2015» (PDF). Prefeitura Municipal de Campinas. 10 de setembro de 2015. Consultado em 11 de setembro de 2015