Estação Camilo Haddad

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Metrô-SP icon.svg Camilo Haddad
Estação Camilo Haddad da Linha 15–Prata do Metrô de São Paulo em obras. Abril de 2018.
Uso atual Estação de Monotrilho Estação de monotrilho
Proprietário Bandeira do estado de São Paulo.svg Governo do Estado de São Paulo
Administração Metrô-SP icon.svg Metrô de São Paulo
Linha 15white.png Prata
Sigla CDD
Posição Elevada
Níveis 3
Plataforma Central
Serviços Acesso à deficiente físico Escada rolante Elevador Banheiro Venda de Bilhetes Bicicletário
Conexões Terminal rodoviário
Informações históricas
Inauguração 6 de abril de 2018 (1 ano)[1]
Localização
Coordenadas Gnome-globe.png Estação Camilo Haddad
Localização Av. Prof. Luís Inácio de Anhaia Mello, 6494, São Lucas
Município Bandeira da cidade de São Paulo.svg São Paulo
País  Brasil
Próxima estação
Sentido Vila Prudente 15white.png Sentido Jardim Planalto
São Lucas Vila Tolstói
Camilo Haddad

Estação Camilo Haddad é uma estação de monotrilho do metrô da cidade brasileira de São Paulo. Pertence à Linha 15–Prata, que atualmente encontra-se em expansão, e deverá chegar até Jardim Colonial, com integração com a Linha 2–Verde na Vila Prudente. Está localizada na Avenida Professor Luís Inácio de Anhaia Mello, próximo a Rua Camilo Haddad. Devido à pequena demanda (cerca de 5 mil passageiros por dia), esta estação seria batizada pela imprensa como mini-estação.

Foi inaugurada pelo Governo do Estado de São Paulo em 6 de abril de 2018.[1]

Toponímia[editar | editar código-fonte]

A estação recebeu o nome de Camilo Haddad por causa da rua homônima, localizada transversalmente à estação. Camilo Haddad nasceu em 10 de agosto de 1904 na Síria, tendo sua família emigrado ao Brasil com sua família. Após ser naturalizado brasileiro, cursou medicina na Universidade do Brasil, graduando-se médico. Durante décadas, manteve consultório na Vila Prudente, atendendo a comunidade até 1974, quando faleceu. Em 9 de janeiro de 1978, o prefeito Olavo Setúbal promulgou o Decreto Municipal número 14 883, que oficializou a denominação de dezenas de logradouros públicos, sendo que no seu inciso XXIX denominou "Doutor Camilo Haddad" as antigas ruas B e 3.[2] [3] [4]

Diagrama da estação[editar | editar código-fonte]

Diagrama da Estação Camilo Haddad
Sentido Vila Prudente

a
1

b
Sentido Jardim Colonial

Legenda

                     Viga guia

  Plataforma


Linhas

Plataforma 1: Linha 15–Prata do Metrô de São Paulo
Via a: Sentido Jardim Colonial
Via b: Sentido Vila Prudente
(Obs.: Sentidos acima indicam como será a estação quando a linha for concluída)

Tabela[editar | editar código-fonte]

Sigla Estação Inauguração Capacidade Integração Plataformas Posição Notas
CDD Camilo Haddad 6 de abril de 2018 Não confirmada Bilhete Único da SPTrans Central Elevada


Referências

  1. a b «Com atraso, governo de SP inaugura trecho do Monotrilho nesta sexta-feira». G1. 6 de abril de 2018. Consultado em 6 de abril de 2018 
  2. Prefeitura de São Paulo. «Rua doutor Camilo Haddad». Dicionário de Ruas. Consultado em 19 de setembro de 2018 
  3. Ucho Haddad (27 de maio de 2014). «Meu avô virou estação e cá estou a defender sua honradez e sua história». Ucho.Info. Consultado em 19 de setembro de 2018 
  4. «Decreto Municipal Nº 14.883» (PDF). Câmara Municipal de São Paulo. 9 de janeiro de 1978. Consultado em 19 de setembro de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Metropolitanos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.