NSC TV Florianópolis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de RBS TV Florianópolis)
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde abril de 2017).
Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
NSC TV Florianópolis
RBS Participações S.A.
Florianópolis, Santa Catarina
Brasil
Tipo Emissora comercial
Canais
12 VHF analógico
33 UHF e 12.1 Virtual digital
Outros canais 11 e 512 HD (NET)
12 (Oi TV)
ver mais
Sede Bandeira de Florianópolis.svg Florianópolis, SC
Rua General Vieira da Rosa, 1570 - Morro da Cruz
Slogan Tudo que move a gente
Rede NSC TV (Globo)
Fundador Maurício Sirotsky Sobrinho
Pertence a NSC Comunicação
Proprietário Carlos Sanchez
Antigo proprietário Maurício Sirotsky Sobrinho (1979-1986)
Jayme Sirotsky (1986-1991)
Nelson Sirotsky (1991-2012)
Eduardo Sirotsky Melzer (2012-2016)
Acionista(s) Carlos Sanchez
Marcos Sanchez
Leonardo Sanchez
Presidente Mário Neves
Fundação 1 de maio de 1979 (38 anos)
CNPJ 87.750.121/0001-39
Prefixo ZYB 763
Nome(s) anteriore(s) TV Catarinense (1979-1983)
RBS TV Florianópolis (1983-2017)
Emissoras irmãs
Cobertura Cobertura - RBS TV Florianópolis.svg
Coord. do transmissor 27° 35' 24.7" S 48° 32' 2.2" O
Potência 20 kW
Página oficial redeglobo.globo.com/sc/nsctv

NSC TV Florianópolis é uma emissora de televisão brasileira sediada em Florianópolis, cidade do estado de Santa Catarina. Opera nos canais 12 VHF e 33 UHF digital, e é afiliada à Rede Globo. Devido a dificuldade de recepção dela e de outras emissoras nos distritos da Ilha de Florianópolis, por causa da topografia das montanhas, opera também nos canais 7 VHF em Ingleses do Rio Vermelho e 13 VHF em Canasvieiras. Integra a NSC TV, rede de televisão de Santa Catarina pertencente à NSC Comunicação.

História[editar | editar código-fonte]

Sede da emissora no Morro da Cruz, em 2010

TV Catarinense (1979-1983)[editar | editar código-fonte]

Anterior a fundação da emissora, o canal 12 VHF de Florianópolis era ocupado por uma retransmissora da TV Coligadas de Blumenau, na época afiliada a Rede Globo. Em 1979, a Rede Brasil Sul de Comunicações inicia sua expansão para o estado de Santa Catarina, comprando a concessão da TV Coligadas para implantar uma nova emissora em Florianópolis, que só possuía a TV Cultura como geradora.

Em 1º de maio de 1979, é fundada a TV Catarinense, primeira emissora da RBS TV em solo catarinense. A emissora passa a transmitir a programação da Globo em cadeia com a TV Gaúcha de Porto Alegre, substituindo a TV Coligadas que se torna uma afiliada da Rede Tupi. Ainda no mesmo ano, o Grupo RBS ainda fundaria a TV Santa Catarina em Joinville, dando início a expansão da rede para o interior.

RBS TV Florianópolis (1983-2017)[editar | editar código-fonte]

Em 1983, seguindo a padronização das emissoras da RBS TV, passou a se chamar RBS TV Florianópolis, tornando-se cabeça de rede para o estado de Santa Catarina. Além da instalação de retransmissoras via micro-ondas (que são utilizadas até hoje pelas filiais no interior), a rede liderada por Florianópolis cresce com a compra da TV Coligadas de Blumenau e da TV Cultura de Chapecó do empresário Mário Petrelli.

Em 7 de março de 2016, o Grupo RBS comunica a venda da emissora e das demais operações em Santa Catarina para os empresários Lírio Parisotto (Videolar) e Carlos Sanchez (Grupo NC).[1][2] Parisotto posteriormente abandona a sociedade devido ao escândalo com Luiza Brunet,[3] fazendo do Grupo NC e seus acionistas proprietários integrais das novas empresas.

NSC TV Florianópolis (2017-presente)[editar | editar código-fonte]

Em 15 de agosto de 2017, a RBS TV de Santa Catarina completa o processo de transição para a NSC Comunicação, e passa a se chamar NSC TV.[4] A RBS TV Florianópolis então passa a se chamar NSC TV Florianópolis, bem como as demais emissoras do estado.

Sinal digital[editar | editar código-fonte]

Canal virtual Canal digital Resolução de tela Programação
12.1 33 UHF 1080i Principal programação da NSC TV Florianópolis / Globo

Devido às enchentes em Santa Catarina, a televisão digital de Florianópolis, que seria inaugurada em 25 de novembro de 2008, teve seu lançamento adiado para 5 de fevereiro de 2009, em sessão especial na Assembleia Legislativa de Santa Catarina.[5] O Jornal do Almoço do dia 6 de fevereiro, especial sobre a nova tecnologia, foi a primeira produção local a ser transmitida em alta definição.

Transição para o sinal digital

Com base no decreto federal de transição das emissoras de TV brasileiras do sinal analógico para o digital, a NSC TV Florianópolis, bem como as outras emissoras de Florianópolis e região metropolitana, irá cessar suas transmissões pelo canal 12 VHF em 31 de janeiro de 2018, seguindo o cronograma oficial da ANATEL.[6]

Programas[editar | editar código-fonte]

Além de retransmitir a programação nacional da Rede Globo, a NSC TV Florianópolis produz e exibe os seguintes programas:

Equipe[editar | editar código-fonte]

Membros atuais[editar | editar código-fonte]

  • Adriana Krauss
  • Alessandra Flores
  • Alisson Francisco
  • Cacau Menezes
  • Douglas Márcio
  • Edivaldo Dondossola
  • Edson "Edsoul" Amaral
  • Eveline Poncio
  • Fabian Londero
  • Gabriela Machado
  • Júlio Ettore
  • Laine Valgas
  • Leandro Puchalski
  • Marcelo Siqueira
  • Mariana Paniz
  • Mayara Vieira
  • Mário Motta
  • Raphael Faraco
  • Roberto Alves
  • Sonia Campos
  • Talita Rosa

Membros antigos[editar | editar código-fonte]

Retransmissoras[editar | editar código-fonte]

Prêmios[editar | editar código-fonte]

  • 2012: Prêmio Empresa Cidadã[7]
  • 2014: Prêmio Fatma de Jornalismo Ambiental - Mídia Eletrônica[8]

Referências

  1. «RBS anuncia venda das operações de mídia em Santa Catarina». Grupo RBS. 7 de março de 2016. Consultado em 22 de abril de 2017 
  2. «Grupo RBS anuncia de jornais, rádios e TV em Santa Catarina». Folha de S.Paulo. 7 de março de 2016. Consultado em 22 de abril de 2017 
  3. Bergamo, Mônica (18 de agosto de 2016). «Lírio Parisotto deixa sociedade do Grupo RBS». Folha de S.Paulo. Consultado em 17 de novembro de 2016 
  4. Gasperin, Emerson (15 de agosto de 2017). «NSC Comunicação estreia oficialmente em Santa Catarina». Diário Catarinense. Consultado em 16 de agosto de 2017 
  5. «Rede RBS inaugura sinal de TV digital em Florianópolis». G1. 5 de fevereiro de 2009. Consultado em 22 de abril de 2009 
  6. Higa, Paulo (15 de fevereiro de 2016). «Quando a TV analógica será desligada na sua cidade». Tecnoblog. Consultado em 22 de abril de 2017 
  7. «Vencedores do Prêmio Empresa Cidadã ADVB/SC 2013 vão conhecer a fábrica da Natura Cosméticos». ADVB/SC. 5 de junho de 2013. Consultado em 19 de abril de 2015 
  8. «Prêmio Fatma de Jornalismo Ambiental é entregue em Florianópolis». Associação Empresarial de Comunicação Digital de Santa Catarina. Consultado em 19 de abril de 2015 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre NSC TV Florianópolis
Ícone de esboço Este artigo sobre Televisão no Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.