Joá

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Joá
Bairro do Rio de Janeiro Bandeira do Município do Rio de Janeiro.png
Área: 168,97 ha (em 2003)
Fundação: 23 de julho de 1981
IDH: 0,959[1] (em 2000)
Habitantes: 818 (em 2010)[2]
Domicílios: 318 (em 2010)
Limites: São Conrado e Barra da Tijuca[3]
Subprefeitura: Barra da Tijuca e Jacarepaguá
Região Administrativa: XXIV R.A.(Barra da Tijuca)

Joá é um bairro nobre de classe alta da Zona Oeste da cidade do Rio de Janeiro. E também é o menor bairro da área administrativa da Grande Barra da Tijuca, e o segundo bairro com a menor população da cidade, atrás apenas do Grumari. Possui atualmente o oitavo maior IDH e a segunda maior renda per capita da cidade. Possui também o metro quadrado mais caro entre os bairros da Zona Oeste e Sul, em média R$ 17.631/m²; e o preço médio das suas mansões é de R$ 12,65 milhões.[4]

Topônimo[editar | editar código-fonte]

Assim como Leblon, a denominação do bairro é originária do nome de um antigo morador pioneiro, o francês Laurence Anchois, que era pronunciado “anchuá”.

Características[editar | editar código-fonte]

Elevado do Joá, ligação entre a Barra da Tijuca e a Zona Sul.
Mapa do Joá

Localizado na zona Oeste do Rio de Janeiro, seu principal acesso é a estrada do Joá, construída em 1929 pelo prefeito Antonio da Silva Prado Júnior e que liga o largo da Barra a São Conrado. Outra via importante que passa pelo bairro mas não dá acessos a ele é a Autoestrada Lagoa-Barra, ligando São Conrado diretamente com a Barra da Tijuca. No bairro, ela possui o Elevado das Bandeiras, considerado uma das mais belas vistas do Rio de Janeiro, e os túneis de São Conrado e do Joá.

Espremido entre o Oceano Atlântico e o paredão rochoso do Pico dos Quatro, o Joá é um bairro montanhoso, e por isto tem poucos habitantes, concentrados em sua maioria em condomínios construídos em cima do morro da Joatinga (em língua tupi, YUÁ, limoso, e TINGA, esbranquiçado).[5] [6]

Ponto importante de sua geografia é a Pedra da Gávea, cujo ponto culminante é um de seus limites. Já junto ao oceano, encontra-se a praia da Joatinga, localizada dentro de um condomínio mas de acesso livre ao público. Na ponta do Marisco, uma pequena península no fim da praia, está o clube Costa Brava, projeto de Ricardo e Renato Menescal, fundado em 1962.

A denominação, delimitação e codificação do bairro foi estabelecida pelo Decreto nº 3.158, de 23 de julho de 1981 com alterações do Decreto nº 5280, de 23 de agosto de 1985. Atualmente está na Câmara Municipal do Rio de Janeiro um projeto de lei para ampliar os limites do bairro, anexando-lhe o sub-bairro da Barrinha, atualmente na Barra da Tijuca, criando, assim, o sub-bairro do Baixo Joá, fazendo limite com Itanhangá.

Importantes bairros próximos[editar | editar código-fonte]


Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]