Lambda Centauri

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
λ Centauri
IC 2944.jpg
λ Centauri é a estrela brilhante perto do meio da imagem. IC 2944 está ao redor da estrela, com IC 2948 embaixo e à esquerda, e IC 2872 acima e à direita.
Dados observacionais (J2000)
Constelação Centaurus
Asc. reta 11h 35m 46,9s[1]
Declinação -63° 01′ 11,4″[1]
Magnitude aparente 3,14[1] (3,17 + 6,8)[2][3]
Características
Tipo espectral B9III[1]
A1III[4]
Cor (U-B) -0,14[1]
Cor (B-V) -0,04[1]
Astrometria
Velocidade radial -1,10 km/s[1]
Mov. próprio (AR) -34,27 mas/a[5]
Mov. próprio (DEC) -7,91 mas/a[5]
Paralaxe 6,9253 ± 0,3316 mas[5]
Distância 471 ± 23 anos-luz
144 ± 7 pc
Magnitude absoluta −2,7
Detalhes
Massa 4,5[2] M
Raio 10[2] R
Gravidade superficial log g = 3,04 cgs[6]
Luminosidade 955[2] L
Temperatura 9 880 ± 340[4] K
Metalicidade [Fe/H] = 0,41[6]
Rotação v sin i = 183 km/s[7]
Idade 125 milhões[2] de anos
Outras denominações
CPD-62 2127, FK5 436, HR 4467, HD 100841, HIP 56561, SAO 251472.[1]
Lambda Centauri
Centaurus constellation map.png

Lambda Centauri (λ Cen, λ Centauri) é uma estrela na constelação de Centaurus. Tem uma magnitude aparente visual de 3,14,[1] sendo visível a olho nu. Com base em medições de paralaxe, está localizada a aproximadamente 470 anos-luz (144 parsecs) da Terra.[5] Está na direção da nebulosa IC 1944/1948, um objeto bem mais afastado, a uma distância de mais de 2 000 parsecs, não sendo relacionado fisicamente à estrela.[8][2]

Lambda Centauri é uma estrela gigante de classe B com um tipo espectral de B9 III,[1] tendo sido classificada também como A1 III.[4] Tem uma massa equivalente a 4,5 vezes a massa solar e raio de 10 vezes o raio solar.[2] Está irradiando quase 1 000 vezes a luminosidade solar de sua fotosfera a uma temperatura efetiva de 9 880 K.[2][4] Está rotacionando rapidamente com uma velocidade de rotação projetada de 183 km/s.[7] Sua idade é estimada em 125 milhões de anos.[2]

Lambda Centauri é uma estrela binária, possuindo uma estrela companheira de magnitude 6,8, que pode ser uma estrela de classe A com aproximadamente o dobro da massa solar. Separada da primária por 0,73 segundos de arco, o que corresponde a uma separação física mínima de 90 UA, essa estrela leva mais de 335 anos para completar uma órbita.[3][2] Uma companheira óptica de magnitude 11,5 é encontrada a uma separação de 16 segundos de arco,[2] mas está significativamente mais distante que Lambda Centauri.[5] O sistema é membro do subgrupo Centaurus Inferior-Crux da associação Scorpius–Centaurus, a associação OB mais próxima do Sol.[9]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d e f g h i j «SIMBAD query result - lam Cen». SIMBAD. Centre de Données astronomiques de Strasbourg. Consultado em 19 de fevereiro de 2017 
  2. a b c d e f g h i j k Kaler, James B. «LAMBDA CEN (Lambda Centauri)». Stars. Consultado em 20 de fevereiro de 2017 
  3. a b Eggleton, P. P.; Tokovinin, A. A (setembro de 2008). «A catalogue of multiplicity among bright stellar systems». Monthly Notices of the Royal Astronomical Society. 389 (2): 869-879. Bibcode:2008MNRAS.389..869E. doi:10.1111/j.1365-2966.2008.13596.x 
  4. a b c d Zorec, J.; et al. (julho de 2009). «Fundamental parameters of B supergiants from the BCD system. I. Calibration of the (λ_1, D) parameters into Teff». Astronomy and Astrophysics. 501 (1): 297-320. Bibcode:2009A&A...501..297Z. doi:10.1051/0004-6361/200811147 
  5. a b c d e Gaia Collaboration: Brown, A. G. A.; Vallenari, A.; Prusti, T.; de Bruijne, J. H. J.; et al. (2018). «Gaia Data Release 2. Summary of the contents and survey properties». Astronomy & Astrophysics. 616: A1, 22 pp. Bibcode:2018A&A...616A...1G. arXiv:1804.09365Acessível livremente. doi:10.1051/0004-6361/201833051.  Catálogo Vizier
  6. a b Erspamer, D.; North, P (fevereiro de 2003). «Automated spectroscopic abundances of A and F-type stars using echelle spectrographs. II. Abundances of 140 A-F stars from ELODIE». Astronomy and Astrophysics. 398: 1121-1135. Bibcode:2003A&A...398.1121E. doi:10.1051/0004-6361:20021711 
  7. a b Royer, F.; Gerbaldi, M.; Faraggiana, R.; Gómez, A. E (janeiro de 2002). «Rotational velocities of A-type stars. I. Measurement of v sin i in the southern hemisphere». Astronomy and Astrophysics. 381: 105-121. Bibcode:2002A&A...381..105R. doi:10.1051/0004-6361:20011422 
  8. Baume, G.; Rodríguez, M. J.; Corti, M. A.; Carraro, G.; Panei, J. A (setembro de 2014). «A deep and wide-field view at the IC 2944/2948 complex in Centaurus». Monthly Notices of the Royal Astronomical Society. 443 (1): 411-422. Bibcode:2014MNRAS.443..411B. doi:10.1093/mnras/stu1108 
  9. Chen, Christine H.; Pecaut, Mark; Mamajek, Eric E.; Su, Kate Y. L.; Bitner, Martin (setembro de 2012). «A Spitzer MIPS Study of 2.5-2.0 M ⊙ Stars in Scorpius-Centaurus». The Astrophysical Journal. 756 (2): artigo 133, 24. Bibcode:2012ApJ...756..133C. doi:10.1088/0004-637X/756/2/133