V346 Centauri

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
V346 Centauri
Dados observacionais (J2000)
Constelação Centaurus
Asc. reta 11h 42m 49,6741s[1]
Declinação -62° 26′ 05,394″[1]
Magnitude aparente 8,51[1] (8,50 a 8,77)[2]
(8,72 + 10,38)[3]
Características
Tipo espectral B0.5IV + B2V[4]
Cor (U-B) -0,81[1]
Cor (B-V) -0,06[1]
Variabilidade binária eclipsante (Algol)[2]
Astrometria
Velocidade radial -6,4 km/s[1]
Mov. próprio (AR) -6,17 mas/a[5]
Mov. próprio (DEC) 0,74 mas/a[5]
Paralaxe 0,4000 ± 0,0466 mas[5]
Distância 8200 ± 1000 anos-luz
2500 ± 300 pc
Magnitude absoluta A:
-3,91 (visual)[3]
-6,565 (bolométrica)[4]
B:
-2,14 (visual)[3]
-4,764 (bolométrica)[4]
Detalhes[4]
Idade 10+6
−4
milhões[3] de anos
Primário
Massa 12,00 ± 0,07 M
Raio 8,248 ± 0,014 R
Gravidade superficial log g = 3,684 cgs
Temperatura 27141 K
Rotação v sin i = 160,0 km/s
Secundário
Massa 8,47 ± 0,10 M
Raio 4,118 ± 0,015 R
Gravidade superficial log g = 4,137 cgs
Temperatura 25376 ± 18 K
Rotação v sin i = 92,7 km/s
Outras denominações
V346 Centauri, CD-61 3158, HD 101837.[1]
V346 Centauri
Centaurus constellation map.png

V346 Centauri é uma estrela variável na constelação de Centaurus. Uma binária eclipsante do tipo Algol, sua magnitude aparente permanece constante em 8,50 na maior parte do tempo, diminuindo para 8,77 durante o eclipse do componente primário e 8,72 durante o eclipse do componente secundário,[2] este último um eclipse total. A partir de medições de paralaxe pelo satélite Gaia, é calculado que esteja a uma distância de aproximadamente 2500 parsecs (8200 anos-luz) da Terra,[5] um valor consistente com a estimativa indireta, baseada na sua luminosidade, de 2380 parsecs.[3] O sistema é um membro confirmado do aglomerado aberto Stock 14, que contém várias outras estrelas OB jovens.[3]

Os dois componentes do sistema são estrelas quentes de classe B com tipos espectrais de B0.5IV e B2V.[4] A estrela primária apresenta indícios de ser uma estrela evoluída que já concluiu a fase de sequência principal, enquanto a secundária está no meio da sequência principal.[3] A estrela primária tem uma massa de 12 vezes a massa solar, raio de 8,3 vezes o solar e uma temperatura efetiva de cerca de 27 000 K. A secundária é menor e mais fria, com 8,5 vezes a massa solar, 4,1 vezes o raio solar e temperatura de 25 000 K. Na faixa de luz visível, a primária contribui para 83,74% da luminosidade do sistema, enquanto a secundária contribui para o restante (16,26%). Não há indícios para a existência de uma terceira estrela no sistema.[4]

A separação média entre as estrelas é de 39,358 ± 0,094 raios solares. A órbita do sistema possui uma excentricidade moderada de 0,287 e uma inclinação de 84,423 ± 0,017° em relação ao plano céu. Ela apresenta precessão apsidal com um período de 306 ± 4 anos, o que significa que seu argumento do periastro tem uma variação cíclica com esse período. Além disso, para melhor explicar os instantes de mínimo, o período orbital do sistema parece ter mudado abruptamente por volta do ano de 1965, diminuindo de um valor de 6,322123 dias antes dessa data para 6,321843 dias (queda de 24 segundos). A explicação para esse fenômeno é desconhecida.[4]

Referências

  1. a b c d e f g «V* V346 Cen -- Eclipsing binary of Algol type (detached)». SIMBAD. Centre de Données astronomiques de Strasbourg. Consultado em 3 de outubro de 2017 
  2. a b c Samus, N. N.; Durlevich, O. V.; et al. (janeiro de 2009). «VizieR Online Data Catalog: General Catalogue of Variable Stars (Samus+ 2007-2013)». VizieR On-line Data Catalog: B/gcvs. Bibcode:2009yCat....102025S 
  3. a b c d e f g Gimenez, A.; Clausen, J. V.; Andersen, J. (maio de 1986). «Four-colour photometry of eclipsing binaries. XXIA Photometric analysis and apsidal motion study of V346 Centauri». Astronomy and Astrophysics. 160 (2): 310-320. Bibcode:1986A&A...160..310G 
  4. a b c d e f g Mayer, Pavel; et al. (junho de 2016). «V346 Centauri: Early-type eclipsing binary with apsidal motion and abrupt change of orbital period». Astronomy & Astrophysics. 591: A129, 9. Bibcode:2016A&A...591A.129M. doi:10.1051/0004-6361/201628655 
  5. a b c d Gaia Collaboration: Brown, A. G. A.; Vallenari, A.; Prusti, T.; de Bruijne, J. H. J.; et al. (2018). «Gaia Data Release 2. Summary of the contents and survey properties». Astronomy & Astrophysics. 616: A1, 22 pp. Bibcode:2018A&A...616A...1G. arXiv:1804.09365Acessível livremente. doi:10.1051/0004-6361/201833051.  Catálogo Vizier