Vicente Paulo da Silva

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, comprometendo a sua verificabilidade(desde janeiro de 2010). Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Vicente Paulo da Silva
Vicente Paulo da Silva
Deputado federal de  São Paulo
Período - 1 de fevereiro de 2003
até 31 de dezembro de 2007
- 1 de fevereiro de 2007
até 31 de dezembro de 2011
- 1 de janeiro de 2011
até 1 de janeiro de 2015
Dados pessoais
Nascimento 8 de abril de 1956 (61 anos)
Santa Cruz (RN)
Partido PT (1981-presente)
Profissão político, sindicalista.

Vicente Paulo da Silva, conhecido como Vicentinho (Santa Cruz, 8 de abril de 1956) é um ex-metalúrgico, bacharel em Direito, líder sindical e político brasileiro.[1] Foi presidente da Central Única dos Trabalhadores.

Atualmente exerce o seu 3° mandato de deputado federal pelo Partido dos Trabalhadores de São Paulo[2], ao qual é filiado desde 1981.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nascido no Rio Grande do Norte, iniciou sua carreira no movimento sindical em 1977 em São Paulo, quando filiou-se ao Sindicato dos trabalhadores nas Indústrias Metalúrgicas, Mecânica e de Material Elétrico de São Bernardo do Campo e Diadema.

Foi membro da comissão de mobilização na histórica greve de 80, e um ano após esse fato, foi eleito vice-presidente de Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo e Diadema.

Foi enquadrado na Lei de Segurança Nacional em 1982.

Em 1983, dirigiu com outros companheiros, a greve geral e de solidariedade aos petroleiros (primeira greve geral após o golpe de 1964).

No mesmo ano, foi cassado pelo regime militar e o sindicato sofreu intervenção federal.

Outro fato importante que ocorreu nesse mesmo ano foi a sua participação na fundação da Central Única dos Trabalhadores (CUT), sendo eleito Presidente da primeira CUT - Regional do Brasil, a CUT ABC.

Foi eleito o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo e Diadema em 1987, e reeleito dali a 3 anos.

Em 1993, foi eleito presidente-fundador do sindicato unificado dos metalúrgicos do ABC. Em 1994, foi eleito Presidente da Central Única dos Trabalhadores - CUT Nacional. Foi reeleito em 1997.

Em 2000 e 2004, disputou as eleições para a prefeitura de São Bernardo do Campo, mas perdeu nas duas ocasiões (para Maurício Soares e William Dib, respectivamente).

Foi eleito deputado federal em 2014, para a 55.ª legislatura (2015-2019).[1]

Referências

  1. a b c «Biografia». Portal da Câmara dos Deputados. Consultado em 9 de novembro de 2017 
  2. Caram, Bernardo (3 de abril de 2017). «Relatório da reforma política prevê fim dos vices e voto em lista; veja propostas». G1. Consultado em 1 de dezembro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Vicente Paulo da Silva
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Vicente Paulo da Silva
Ícone de esboço Este artigo sobre um político brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.