Pompeo de Mattos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Pompeo de Mattos
Deputado Federal pelo Rio Grande do Sul
Período 1º de fevereiro de 2015
até a atualidade
Período 1º de fevereiro de 1999
até 31 de janeiro de 2011
Deputado Estadual do Rio Grande do Sul
Período 1991 a 1999
Dados pessoais
Nome completo Darci Pompeo de Mattos
Nascimento 12 de julho de 1958 (60 anos)
Santo Augusto, Rio Grande do Sul
Partido PDT
Profissão Advogado e Bancário
Website www.pompeo.com.br

Darci Pompeo de Mattos (Santo Augusto, 12 de julho de 1958), conhecido como Pompeo de Mattos, é um político brasileiro.

Bancário do Banco do Brasil e formado em direito pela Unicruz, foi filiado ao Movimento Democrático Brasileiro (MDB) de 1976 a 1979. É filiado ao Partido Democrático Trabalhista (PDT) desde 1980. Iniciou sua carreira política em sua cidade natal, Santo Augusto, sendo eleito vereador em 1982 e prefeito em 1988.

Em 1990 foi eleito deputado estadual pelo Rio Grande do Sul, sendo reeleito em 1994. Nas eleições de 1998 foi eleito deputado federal, reeleito em 2002 e 2006. Presidiu a Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara entre 2008 e 2009.[1]

Como deputado federal desde 2015, se absteve na votação do Processo de impeachment de Dilma Rousseff.[2] Já durante o Governo Michel Temer, votou contra a PEC do Teto dos Gastos Públicos.[2] Em abril de 2017 foi contra à Reforma Trabalhista.[2][3] Em agosto de 2017 votou a favor do processo em que se pedia abertura de investigação do presidente Michel Temer.[2][4]

Referências

  1. «Pompeo de Mattos líder da bancada da bala vai presidir Comissão de Direitos Humanos». O Globo. 4 de março de 2008. Consultado em 8 de janeiro de 2017 
  2. a b c d G1 (2 de agosto de 2017). «Veja como deputados votaram no impeachment de Dilma, na PEC 241, na reforma trabalhista e na denúncia contra Temer». Consultado em 11 de outubro de 2017 
  3. Redação (27 de abril de 2017). «Reforma trabalhista: como votaram os deputados». Consultado em 18 de setembro de 2017 
  4. Carta Capital (3 de agosto de 2017). «Como votou cada deputado sobre a denúncia contra Temer». Consultado em 18 de setembro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um político brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.