Sebastião Eurico Gonçalves de Lacerda

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Sebastião Eurico Gonçalves de Lacerda (Vassouras, 18 de maio de 1864Rio de Janeiro, 5 de julho de 1925) foi um magistrado e político brasileiro.

Sebastião de Lacerda

Filho de um pobre confeiteiro português (Nota: o seu pai português chamava-se João Augusto Pereira de Lacerda e pertencia a uma das principais famílias da nobreza açoriana, os Lacerdas do Faial, descendentes das nobres famílias dos Pereiras, senhores da Feira e dos Lacerdas, descentes dos reis de Castela e Leão e dos de França)[1] que se estabeleceu em Vassouras e se casou com uma mulher de família influente, descendente de Francisco Rodrigues Alves, o primeiro sesmeiro da cidade de Vassouras. Depois de algum tempo, seus pais passaram a residir em uma chácara no distrito de Comércio. Lá viviam humildemente, complementando o orçamento doméstico com a venda de mangas, colhidas em sua chácara, para os passageiros dos trens que paravam na estação[2].

Tinha um tio materno influente, professor da Faculdade de Direito de São Paulo, que o auxiliou nos estudos. Depois de algum tempo rompeu com o tio, quando, opondo-se a este, passou a defender a implantação de um regime republicano e a abolição da escravidão[2].

Formou-se pela Faculdade de Direito de São Paulo em 1884. Foi eleito deputado federal em 1894.[3]

Comandou o Ministério dos Transportes, entre 13 de novembro de 1897 e 27 de junho de 1898, no governo de Prudente de Morais.[3]

Foi nomeado ministro do Supremo Tribunal Federal em 5 de novembro de 1912.[3]

Pai do político, tribuno e escritor Maurício de Lacerda e avô do político, jornalista e escritor Carlos Lacerda.[3] Seus filhos Maurício de Lacerda, Paulo de Lacerda e Fernando de Lacerda foram dirigentes do Partido Comunista Brasileiro (PCB).[4]

Residiu, sempre que podia, e também após a aposentadoria, na chácara em que seus pais haviam residido, na localidade de Comércio, Vassouras.[2] Em sua homenagem, o nome da localidade foi alterado, sendo atualmente denominado distrito de Sebastião Lacerda.

Referências

  1. FORJAZ, Jorge - Genealogias da Ilha Terceira. Lisboa, 2007. Vol.7, pág. 461
  2. a b c DULLES, John W. F.; Carlos Lacerda - A Vida de um Lutador, v. 1 - 1914-1960. Rio de Janeiro: Editora Nova Fronteira, 2000
  3. a b c d Biografia na página do STF
  4. FGV - CPDOC. Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil. Biografias - Maurício de Lacerda (visitado em 5 de janeiro de 2009)


Precedido por
Dionísio Evangelista de Castro Cerqueira
Ministro dos Transportes do Brasil
1897 — 1898
Sucedido por
Jerônimo Rodrigues de Morais Jardim


Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.