Sebastião Eurico Gonçalves de Lacerda

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Sebastião Eurico Gonçalves de Lacerda
Nascimento 18 de maio de 1864
Vassouras
Morte 5 de julho de 1925 (61 anos)
Rio de Janeiro
Cidadania Brasil
Filho(s) Maurício Paiva de Lacerda
Alma mater Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo
Ocupação político, magistrado, juiz

Sebastião Eurico Gonçalves de Lacerda (Vassouras, 18 de maio de 1864Rio de Janeiro, 5 de julho de 1925) foi um magistrado e político brasileiro.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Filho do português João Augusto Pereira de Lacerda que pertencia a uma das principais famílias da nobreza açoriana, os Lacerdas do Faial, descendentes das nobres famílias dos Pereiras, senhores da Feira e dos Lacerdas, descentes dos reis de Castela e Leão e dos de França[1] que se estabeleceu em Vassouras e se casou com uma mulher de família influente, descendente de Francisco Rodrigues Alves, o primeiro sesmeiro da cidade de Vassouras. Depois de algum tempo, seus pais passaram a residir em uma chácara no distrito de Comércio, se dedicando à agricultura, com a produção e venda de café e mangas, que eram distribuídos por meio de trem na estação que passava dentro da fazenda, estação ferroviária que hoje leva o seu nome[2].

Tinha um tio materno influente, professor da Faculdade de Direito de São Paulo, que o auxiliou nos estudos. Depois de algum tempo rompeu com o tio, quando, opondo-se a este, passou a defender a implantação de um regime republicano e a abolição da escravidão[2].

Formou-se pela Faculdade de Direito de São Paulo em 1884. Foi eleito deputado federal em 1894.[3]

Comandou o Ministério dos Transportes, entre 13 de novembro de 1897 e 27 de junho de 1898, no governo de Prudente de Morais.[3]

Foi nomeado ministro do Supremo Tribunal Federal em 5 de novembro de 1912.[3]

Pai do político, tribuno e escritor Maurício de Lacerda e avô do político, jornalista e escritor Carlos Lacerda.[3] Seus filhos Maurício de Lacerda, Paulo de Lacerda e Fernando de Lacerda foram dirigentes do Partido Comunista Brasileiro (PCB).[4]

Residiu, sempre que podia, e também após a aposentadoria, na chácara em que seus pais haviam residido, na localidade de Comércio, Vassouras.[2] Em sua homenagem, o nome da localidade foi alterado, sendo atualmente denominado distrito de Sebastião Lacerda.

Referências

  1. FORJAZ, Jorge - Genealogias da Ilha Terceira. Lisboa, 2007. Vol.7, pág. 461
  2. a b c DULLES, John W. F.; Carlos Lacerda - A Vida de um Lutador, v. 1 - 1914-1960. Rio de Janeiro: Editora Nova Fronteira, 2000
  3. a b c d Biografia na página do STF
  4. FGV - CPDOC. Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil. Biografias - Maurício de Lacerda (visitado em 5 de janeiro de 2009)


Precedido por
Dionísio Evangelista de Castro Cerqueira
Ministro dos Transportes do Brasil
1897 — 1898
Sucedido por
Jerônimo Rodrigues de Morais Jardim


Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.