João Valdetaro de Amorim e Mello

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

João Valdetaro de Amorim e Mello (Fortaleza, 1896Porto Alegre, 1989) foi um militar e engenheiro brasileiro.

Foi general-de-exército. Foi chefe do Gabinete Militar no governo Eurico Gaspar Dutra, de 13 de setembro de 1948 a 4 de abril de 1950.[1] Comandou, no mesmo governo, o Ministério da Viação e Obras Públicas (antiga denominação do Ministério dos Transportes), de 30 de março de 1950 a 31 de janeiro de 1951.

Em 1943, ainda como coronel engenheiro foi diretor responsável pela Viação Ferrea do Rio Grande do Sul.[2]

Referências

  1. «Gabinete Militar, Gen Bda João Valdetaro de Amorim e Mello». Gabinete de Segurança Institucional, Presidência da República do Brasil. Consultado em 3 de janeiro de 2015. 
  2. Viação Ferrea do Rio Grande do Sul (1943). «Relatório de 1943 relativo à administração do Ex-Diretor Cel. Engº João Valdetaro de Amorim e Mello apresentado ao Sr. Secretário de Estado dos Negócios das Obras Públicas pelo Tenente-Coronel e Engenheiro Civil José Diogo Brochado da Rocha. Diretor (1945)». Memória Estatística do Brasil. Consultado em 3 de janeiro de 2015. 


Precedido por
Álcio Souto
Chefe do Gabinete Militar
1948 — 1950
Sucedido por
Newton de Andrade Cavalcanti
Precedido por
Clóvis Pestana
Ministério da Viação e Obras Públicas
1950 — 1951
Sucedido por
Álvaro Pereira de Sousa Lima


Ícone de esboço Este artigo sobre um político brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.