John Foster Dulles

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes. (desde julho de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
John Foster Dulles
John Foster Dulles
52º Secretário de Estado dos Estados Unidos
Período de governo 21 de Janeiro de 1953 -
22 de Abril de 1959
Presidente Dwight D. Eisenhower
Antecessor(a) Dean Acheson
Sucessor(a) Christian Herter
Senador dos Estados Unidos por Nova Iorque
Período de governo 7 de julho de 1949
a 8 de novembro de 1949
Antecessor(a) Robert F. Wagner
Sucessor(a) Herbert H. Lehman
Vida
Nascimento 25 de fevereiro de 1888
Washington, D.C.
Morte 24 de maio de 1959 (71 anos)
Washington, D.C.
Dados pessoais
Partido Republicano
Profissão Diplomata, estadista, advogado

John Foster Dulles (Washington, 25 de Fevereiro de 1888 – Washington, 24 de Maio de 1959) foi um político americano, secretário de Estado dos Estados Unidos que por várias vezes participou na elaboração de vários tratados internacionais. Foi uma das figuras de destaque durante o período da Guerra Fria, seguindo uma política de grande inflexibilidade e ameaçando a União Soviética contra qualquer agressão que podia desencadear uma guerra nuclear.

Começou por participar na Conferência de Paz de Paris, na Conferência das Nações Unidas em São Francisco, em 1945, e delegado da ONU em 1946, 1947 e 1950. Também negociou o tratado de paz com o Japão em 1951. Em 1954, participou na criação da SEATO (Organização do Tratado do Sudoeste Asiático) e no Acordo de Trieste e foi nomeado como Pessoa do Ano pela revista Time. Em 1955, colaborou no Tratado do Estado Austríaco e em 1956, defendeu a admissão da Alemanha Ocidental na NATO.[1]

Demitiu-se por razões de saúde em Abril de 1959, vindo a falecer de cancro no mês seguinte.

É pai de John W.F. Dulles, cujo nome completo era John Watson Foster Dulles, autor de vários livros sobres personalidades da direita brasileira, inclusive o livro Castelo Branco: o caminho para a presidência editado pela livraria José Olympio, em 1979.

Referências

  1. Ronald W. Pruessen, John Foster Dulles: The Road to Power (1982) pp. 115, 123