Rebelião

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Uma rebelião é um processo político-militar em que um grupo de indivíduos decide não mais acatar ordens ou a autoridade de um poder constituído. Para haver uma rebelião, é preciso que antes haja necessariamente um poder contra o qual se rebelar. Em Política, as rebeliões são geralmente tratadas como contestações subversivas da ordem vigente, a princípio ilegítimas, e não ganham legitimidade até conseguirem derrotar o poder constituído.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

  • Révolte et légitimité, por P. Deramaix. 23 de maio 1998. Uma reflexão sobre a legitimidade da revolta a partir da ética e do pensamento político de Kant.
Ícone de esboço Este artigo sobre revoltas populares é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.