Fernando Lucas Martins

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Fernando
Fernando
Informações pessoais
Nome completo Fernando Lucas Martins
Data de nasc. 3 de março de 1992 (25 anos)
Local de nasc. Erechim (RS), Brasil
Nacionalidade brasileiro
Altura 1,75 m
Destro
Informações profissionais
Clube atual Spartak Moscou
Número 11
Posição Volante
Clubes de juventude
2001–2010 Grêmio
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2009–2013
2013–2015
2015–2016
2016–
Grêmio
Shakhtar Donetsk
Sampdoria
Spartak Moscou
0139 000(11)
0047 0000(3)
0038 0000(4)
0046 0000(6)
Seleção nacional3
2009
2011
2012–
Brasil Sub-17
Brasil Sub-20
Brasil
00003 0000(0)
00017 0000(0)
00008 0000(0)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 17 de outubro de 2017.
3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 14 de agosto de 2013.

Fernando Lucas Martins, mais conhecido como Fernando, (Erechim, 3 de março de 1992), é um futebolista brasileiro que joga como volante. Atualmente, defende o Spartak Moscou.

Fernando é conhecido por ser um "especialista defensivo", um volante "que rouba muitas bolas", que possui "uma grande saída de bola" e cuja "colocação é seu ponto forte".[1] Em estudo publicado pela Pluri Consultoria em Maio de 2013, Fernando foi avaliado como o 10º jogador mais valioso do Brasileirão 2013.[2]

Fernando é torcedor do Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Categorias de Base[editar | editar código-fonte]

Fernando começou jogando nas categorias de base do Juventude, junto com o meia Zezinho. Paulo Pelaipe foi até Caxias para trazer ao Olímpico Zezinho, mas, ao observar os treinos do Ju, viu o volante se destacando e resolveu levar o garoto a Porto Alegre. Oriundo das categorias de base do Grêmio, o jovem Fernando subiu para o elenco principal após ser Campeão Brasileiro Sub-20 de 2009 pelo Grêmio. Ele foi apontado como um dos principais jogadores da conquista que sagrou o Grêmio bicampeão da categoria. Desde cedo era notório seu desenvolvimento nas competições de base do clube gaúcho, destacando-se pela marcação forte, chute potente e preciso, e boa saída de jogo. É especialista em cobranças de falta.

Grêmio[editar | editar código-fonte]

2009[editar | editar código-fonte]

No dia 28 de junho de 2009 fez sua estreia nos profissionais do Grêmio pelo Campeonato Brasileiro, entrando no segundo tempo no lugar de Hélder. A partida foi contra o Sport e terminou 3 a 1 para a equipe do Sport na Ilha do Retiro em Recife, sendo os gols marcados pelos meias Fabiano e Fumagalli e pelo lateral Élder Granja para a equipe de Recife e do atacante Jonas para a equipe gremista. Foi o único jogo que o volante, de apenas 17 anos atuou em 2009.[3]

2010[editar | editar código-fonte]

Em 2010, com a contratação do novo treinador, Silas, Fernando recebeu mais oportunidades, marcou seu primeiro gol como profissional na vitória por 3-1 contra o Esporte Clube Internacional de Santa Maria, válido pela 3º rodada do segundo turno do Campeonato Gaúcho de Futebol de 2010, competição que o Grêmio sagrou-se campeão. Fernando jogou 6 partidas. Jogou uma partida na Copa do Brasil, vitória por 3-0 contra o Votoraty Futebol Clube. No Campeonato Brasileiro de Futebol de 2010 - Série A, Fernando atuou em 11 partidas, nas rodadas: 2, 4, 5, 7 e 11 com o treinador Silas e nas rodadas: 14, 15, 16, 24, 25, 27 com o treinador Renato Gaúcho. Em apenas duas foi titular, nas vitórias contra Atlético-MG e Vitória, ambas fora de casa.

2011[editar | editar código-fonte]

A temporada de 2011 começou de forma diferente para o jovem volante, de 16 de janeiro a 12 de fevereiro, Fernando participou da conquista do Campeonato Sul-Americano de Futebol Sub-20 de 2011, sendo titular e destaque na campanha. Na volta para Porto Alegre acabou ficando na reserva dos experientes Fábio Rochemback e Adílson Warken, mas mesmo sendo reserva participou de 4 jogos da Libertadores. No Campeonato Brasileiro, sob comando do treinador Renato Gaúcho, Fernando recebeu poucas oportunidades. Participou de 5 jogos no 1º turno, nas rodadas: 2, 3, 4, 6 e 11 e 19. Com a demissão de Renato, o Grêmio aposta no inexperiente Julinho Camargo, porém o novo treinador fica apenas um mês no comando e dá lugar ao veterano Celso Roth. Fernando que havia voltado da conquista do Campeonato Mundial de Futebol Sub-20 de 2011, mais uma vez como destaque, recebe a chance para ser titular no clássico Grenal, válido pela 19º rodada do Campeonato Brasileiro, o Grêmio vence o jogo por 2-1[4] e Fernando a partir deste jogo ganha a posição de Adílson Warken. No 2º turno do Brasileirão, Fernando esteve presente na rodadas: 20, 21, 22, 23, 24, 25, 27, 28, 29, 30, 31, 32, 34, 35, 36 e 38. Na 34º rodada marcou seu primeiro gol na competição, um belo chute de fora da aréa no fim do jogo contra o Palmeiras garantindo o empate por 2-2.[3]

2012[editar | editar código-fonte]

Em 2012, Fernando se destacou como um volante de muita marcação e de muita confiança do Técnico Vanderlei Luxemburgo, fazendo dupla de volantes com o Souza, sendo apontado como um dos principais jogadores da equipe gaúcha, que terminou o Brasileirão 2012 na 3º colocação, garantindo a participação na Libertadores 2013, está será a segunda oportunidade de Fernando jogar a principal competição sul-americana a primeira foi em 2011. Fernando terminou o ano marcando 6 gols, sendo 2 gols em cobranças de falta.

2013[editar | editar código-fonte]

Com grandes atuações pelo Grêmio e frequentes convocações para a seleção canarinha, grandes clubes europeus demonstraram no jovem volante, dentre eles o Real Madrid[5]

Shakhtar Donetsk[editar | editar código-fonte]

Durante a preparação da Seleção Brasileira de Futebol para a Copa das Confederações 2013, Fernando publicou uma foto em seu perfil no Instagram, onde revelava o acerto com o FC Shakhtar Donetsk. Vendido por 10 milhões de Euros 31,5 milhões de reais, assinou contratou de 5 anos com a equipe da Ucrânia.[6]

Sampdoria[editar | editar código-fonte]

Em 2015, acertou com a Sampdoria.[7]

Spartak Moskva[editar | editar código-fonte]

Foi vendido para o Spartak Moskva por € 12 milhões.

Seleção Brasileira Sub-20[editar | editar código-fonte]

Fernando foi convocado por Ney Franco para a Seleção Brasileira Sub-20 que disputou o Campeonato Sul-Americano 2011 no Peru, que garantia vaga para duas seleções nas Olimpíadas de Londres em 2012. O Brasil foi campeão do torneio, sendo Fernando titular no hexagonal final da competição. A outra seleção agraciada com a vaga foi o Uruguai, que perdeu a final para o Brasil por 6-0. Fernando não marcou nenhum gol no campeonato, mas recebeu diversos elogios da mídia especializada e até do próprio Ney Franco, que após a partida contra a seleção Equatoriana se rendeu ao bom futebol do volante:

Seleção Brasileira Principal[editar | editar código-fonte]

Com boa fase no Grêmio, a convocação de Fernando para a Seleção Brasileira foi natural, convocado por Mano Menezes para o Superclássico 2012 contra a Argentina. Acabou ficando no banco na partida de ida, para a partida de volta em Buenos Aires, Mano Menezes não convocou jogadores de Grêmio e São Paulo, que na época eram as únicas equipes brasileiras na Copa Sul Americana. Menos de um mês depois, foi convocado para os amistosos contra o Iraque e o Japão, e foi contra a Seleção Iraquiana que fez sua estreia entrando no lugar de Paulinho. Na partida contra o Japão acabou não entrando. Com a troca de técnico na Seleção Brasileira[9] Fernando voltou a ser convocado[10] para os dois jogos mais importantes antes da convocação para a Copa das Confederações de 2013 contra as seleções da Itália e Rússia. Atuando os 90 minutos nas duas partidas e recebendo elogios não apenas do treinador atual Felipão, mas também da mídia, inclusive estrangeira.[11]

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Até 23 de setembro de 2013.

Clubes[editar | editar código-fonte]

Clube Temporada Campeonato
nacional
Copa
nacional
Competições
continentais¹
Campeonato
estadual²
Total[i]
Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols
Brasil Grêmio 2009 1 0 1 0
2010 13 0 2 0 6 1 21 1
2011 22 1 4 0 7 0 33 1
2012 29 1 10 2 6 0 19 4 64 7
2013 1 0 1 0 9 1 8 1 19 2
Total 66 2 13 2 19 1 40 6 138 11
Ucrânia Shakhtar Donetsk
2013-2014 9 2 1 1 4 0 15 2
Total 9 2 1 1 4 0 15 2
Total na Carreira 75 3 15 3 23 1 40 6 153 13
  • i. ^ Não estão incluídos jogos e gols em jogos amistosos e/ou jogos treino, foram analisadas todas as súmulas de jogos oficiais do Grêmio, desde a estreia de Fernando no time profissional em 28 de junho de 2009.

Seleção Brasileira[editar | editar código-fonte]

Ano
Jogos Gols
2012 1 0
2013 7 0
Total 8 0
Data Competição Local   Placar Adversário Gols
01 11 de outubro de 2012 Amistoso Malmö (SUE) Brasil Brasil 6 — 0 Flag of Iraq.svg Iraque
02 21 de março de 2013 Amistoso Genebra (SUI) Brasil Brasil 2 — 2 Flag of Italy.svg Itália
03 25 de março de 2013 Amistoso Londres (ING) Brasil Brasil 1 — 1 Flag of Russia.svg Rússia
04 24 de abril de 2013 Amistoso Belo Horizonte (BRA) Brasil Brasil 2 — 2 Flag of Chile.svg Chile
05 2 de junho de 2013 Amistoso Rio de Janeiro (BRA) Brasil Brasil 2 — 2 Flag of England.svg Inglaterra
06 9 de junho de 2013 Amistoso Porto Alegre (BRA) Brasil Brasil 3 — 0 Bandeira da França França
07 22 de junho de 2013 Copa das Confederações Salvador (BRA) Brasil Brasil 4 — 2 Flag of Italy.svg Itália
08 14 de agosto de 2013 Amistoso Basileia (SUI) Brasil Brasil 0 — 1 Flag of Switzerland.svg Suíça

Gols pelo Grêmio[editar | editar código-fonte]

Expanda a caixa de informações para conferir todos os jogos deste jogador, pelo Grêmio.

Gols pelo Shakhtar Donetsk[editar | editar código-fonte]

Expanda a caixa de informações para conferir todos os jogos deste jogador, pelo Shakhtar Donetsk.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Grêmio
Shakhtar Donetsk
Spartak Moscou
Seleção Brasileira

Prêmios individuais[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Los relevos de Xabi Alonso». marca.com. 6 de abril de 2013. Consultado em 9 de junho de 2013 
  2. «Ranking dos 25 jogadores mais valiosos do Brasileirão» (PDF). pluriconsultoria.com.br. 24 de maio de 2013. Consultado em 9 de maio de 2013 
  3. a b «Sport bate o Grêmio na Ilha do Retiro e deixa a lanterna do Brasileirão». globoesporte.globo.com/. 28 de junho de 2009. Consultado em 29 de junho de 2012  Erro de citação: Código <ref> inválido; o nome "GloboEsporte.com" é definido mais de uma vez com conteúdos diferentes
  4. RIZATTI, Lucas (28 de agosto de 2011). «Ficha técnica clássico do Gre-Nal 388». zerohora.clicrbs.com.br. Consultado em 27 de maio de 2012 
  5. «Gremista é especulado como substituto de Xabi Alonso no Real». Consultado em 28 de mayo de 2012  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  6. «Shakhtar confirma Fernando por cinco temporadas: R$ 31,5 milhões». Consultado em 13 de junho de 2013 
  7. «Fernando, ex-Grêmio, é mais um a deixar o Shakhtar e vai para Sampdoria». globoesporte.globo.com. 2 de julho de 2015. Consultado em 2 de julho de 2015 
  8. «Ney Franco diz que volante do Grêmio deu "aula de futebol" contra Equador». esportes.r7.com. 26 de janeiro de 2013. Consultado em 7 de maio de 2013 
  9. http://globoesporte.globo.com/futebol/selecao-brasileira/noticia/2012/11/marin-explica-veto-guardiola-elogia-brasileiros-e-anuncia-felipao-e-parreira.html#tecnico-carlos-alberto-parreira
  10. http://www.correiodopovo.com.br/Esportes/?Noticia=491355
  11. Matt Jones (25 de março de 2013). «Brazil Scouting Report: Brazil and Gremio Starlet Fernando» (em inglês). bleacherreport.com. Consultado em 7 de maio de 2013 
  12. «Inter e Caxias dominam seleção do Gauchão. Grêmio tem um nome». globoesporte.com. 14 de maio de 2011. Consultado em 27 de maio de 2012 
  13. «Seleção do Gauchão escolhe D'Alessandro como craque e Filipinho como revelação. Inter ainda tem Moledo, Forlán, Damião e Dunga, enquanto Grêmio é representado por Fernando e Zé Roberto». zerohora.clicrbs.com.br. 6 de maio de 2013. Consultado em 6 de maio de 2013 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]