Taison

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Taison
Taison
Taison em 2017.
Informações pessoais
Nome completo Taison Barcellos Freda
Data de nasc. 17 de janeiro de 1988 (32 anos)
Local de nasc. Pelotas (RS), Brasil
Nacionalidade brasileiro
Altura 1,72 m
Destro
Informações profissionais
Número 7
Posição Ponta
Clubes de juventude
2004–2007 Internacional
Clubes profissionais
Anos Clubes
2007–2010
2010–2012
2013–
Internacional
Metalist Kharkiv
Shakhtar Donetsk
Seleção nacional
2016–2018 Brasil

Taison Barcellos Freda[1] ou somente Taison (Pelotas, 17 de janeiro de 1988[2]), é um futebolista brasileiro que atua como ponta. Atualmente joga pelo Shakhtar Donetsk.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Início[editar | editar código-fonte]

Taison cresceu ao lado de mais onze irmãos, no bairro Navegantes, periferia de Pelotas.[3] Cedo passou a treinar no Progresso, time local. No começo de 2005, aos 17 anos, fez um teste no Internacional mas foi dispensado após 10min. Voltou a Pelotas e se destacou em uma partida entre o Progresso e o Inter, com vitória dos pelotenses por 3x2, pelo estadual de juvenis. Depois da partida, recebeu um convite para treinar no Inter.[3]

Internacional[editar | editar código-fonte]

O atleta estreou como titular em 2008, mas foi em 2009 que começou a se destacar por seus gols [4], velocidade e habilidade, tanto que foi o artilheiro do Campeonato Gaúcho e da Copa do Brasil, onde marcou sete gols.

Porém, a partir o segundo semestre de 2009, seu futebol acabou caindo muito de produção, fazendo Taison amargar a reserva na grande maioria dos jogos do Inter. Com a chegada do técnico Celso Roth, Taison aos poucos recuperou suas boas atuações, com sua habilidade e velocidade foi uma das peças fundamentais do título da Copa Libertadores da América de 2010.

Metalist Kharkiv[editar | editar código-fonte]

Taison no Metalist Kharkiv.

No dia 25 de agosto de 2010 foi confirmada a venda por R$ 13,4 milhões de Taison ao futebol da Ucrânia, mais precisamente o Metalist Kharkiv, mesmo time de Cleiton Xavier (ex-Internacional e Palmeiras).[5][6] Também recebeu propostas de clubes da França e da Alemanha, rejeitadas pelo Internacional por serem inferiores aos bons valores oferecidos pelo Metalist. Em janeiro de 2011, Taison recebeu o prêmio de melhor contratação do futebol ucraniano superando nomes como Cleiton Xavier, André, Willian, Douglas Costa, entre outros.

Em 8 de novembro de 2012, Taison fez um gol, contra o Rosenborg da Noruega, com repercussão internacional devido a sua semelhança com um gol do holandês Marco Van Basten na final da Eurocopa de 1988.[7]

Shakhtar Donetsk[editar | editar código-fonte]

No dia 11 de janeiro de 2013 acertou com o Shakhtar Donetsk por 15 milhões de euros, frustando o Chelsea, que tinha interesse no jogador.

Seleção Brasileira[editar | editar código-fonte]

Em 22 de agosto de 2016, Taison seria convocado pelo técnico Tite para as partidas das Eliminatórias para o Mundial de 2018 contra Equador e Colômbia.[8] Apesar de considerado uma surpresa na lista, Taison se considerava "pronto para jogar na seleção".[9] Na partida diante dos colombianos, em 6 de setembro seguinte, Taison estreou com a camisa verde-amarela, substituindo, aos 41 minutos do segundo tempo, o então palmeirense Gabriel Jesus.[10]

Em 14 de maio de 2018 foi convocado para disputar a Copa do Mundo FIFA de 2018.[11]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Internacional
Shakhtar Donetsk

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Artilharias[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]