Traipu

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Traipu (desambiguação).
Traipu
  Município do Brasil  
Traipuaereo.png
Símbolos
Bandeira de Traipu
Bandeira
Brasão de armas de Traipu
Brasão de armas
Hino
Gentílico traipuense
Localização
Localização de Traipu em Alagoas
Localização de Traipu em Alagoas
Traipu está localizado em: Brasil
Traipu
Localização de Traipu no Brasil
Mapa de Traipu
Coordenadas 9° 58' 15" S 37° 0' 10" O
País Brasil
Unidade federativa Alagoas
Região metropolitana do Agreste
História
Fundação 1835 (187 anos)
Aniversário 28 de abril
Administração
Distritos
Prefeito(a) Manuel Lucas Kummer Freitas dos Santos[1] (MDB, 2021 – 2024)
Vereadores 11
Características geográficas
Área total IBGE/2019[2] 685,776 km²
População total (estimativa IBGE/2021[3]) 27 934 hab.
Densidade 40,7 hab./km²
Clima quente semiárido
Altitude 198 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
CEP 57370-000
Indicadores
IDH (PNUD/2010[4]) 0,532 baixo
PIB (IBGE/2018[5]) R$ 205 331,88 mil
PIB per capita (IBGE/2018[5]) R$ 7 430,95
Outras informações
Padroeiro(a) Nossa Senhora do Ó
Sítio traipu.al.gov.br (Prefeitura)
www.traipu.al.leg.br (Câmara)

Traipu é um município brasileiro do estado de Alagoas. Sua população, conforme estimativas do IBGE de 2021, era de 27 934[3] habitantes.

Topônimo[editar | editar código-fonte]

Região de concentração indígena, a palavra Traipu é de origem tupi, como mostra o especialista Teodoro Sampaio em seu abalizado dicionário. É uma corruptela de “ytira ypu”, que quer dizer “fonte de morro” ou “olho d'água do monte”. Em seus primórdios, durante o século XVII, era um morgado estabelecido na região pelo mestre de campo e grande proprietário de terras Pedro Gomes. Este deixou para seus descendentes seus bens vinculados, inclusive o nascente povoado que recebera o nome de Porto da Folha. Em 1870, mudou a denominação para Traipu, empregada pelos índios da região.

História[editar | editar código-fonte]

Banda de Música Instrumental de Traipu
Igreja de Nossa Senhora do Ó, em Traipu.
Rua Senador Serapião, a principal rua de Traipu.

Está assentada sobre uma pequena colina às margens do São Francisco, distante 14 léguas de cidade de Penedo, centro dinâmico de toda a região. Tomás Espíndola registra em 1871, em sua obra Geografia Alagoana, que a localidade se situava entre a Lagoa do Carlo e a Lagoa da Igreja, defronte à grande Serra da Tabanga, que é lavada em sua base pelo rio e que, para os nativos, marca o início do sertão. Foi elevada à categoria de vila com o nome de Porto da Folha por intermédio da Lei n°19 de abril de 1835, recebendo o nome atual, tanto a freguesia quanto o município, em 30 de abril de 1870.

Figuras ilustres[editar | editar código-fonte]

Administração[editar | editar código-fonte]

Prefeitura Municipal[editar | editar código-fonte]

A prefeitura de Traipu é administrada por Lucas Santos (MDB).

Câmara municipal[editar | editar código-fonte]

A Câmara Municipal de Traipu recebe o nome do Vereador Américo Pereira Dias e foi construída na gestão do prefeito Edmar Lima Dias. Conta com 11 vereadores.

Referências

  1. Prefeito e vereadores de Traipu tomam posse Portal G1 - acessado em 2 de janeiro de 2021
  2. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (2019). «Área da unidade territorial - 2019». Consultado em 22 de dezembro de 2020 
  3. a b «Estimativa populacional 2021 IBGE». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 28 de agosto de 2021. Consultado em 28 de agosto de 2021 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 4 de setembro de 2013 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2018». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 22 de janeiro de 2021 
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Alagoas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.